Homeopatia “não cura coisa nenhuma”

Homeopatia

Um novo estudo alerta que a homeopatia não tem qualquer eficácia no tratamento de doenças. Feito pelo Conselho Nacional para a Saúde e a Investigação Médica da Austrália, este relatório chama a atenção para o perigo de se preferir tratamentos homeopáticos a outros comprovadamente eficazes.

Os homeopatas acreditam que o uso de substâncias que podem causar doenças, aplicadas em doses mínimas e diluídas em água ou álcool, pode ajudar a tratar pessoas doentes.

Vários estudos têm refutado esta ideia, mas nunca nenhum tinha sido tão completo e elaborado como o que agora foi realizado pelo CNSIMA, o Conselho Nacional para a Saúde e a Investigação Médica da Austrália.

Este organismo analisou 225 estudos feitos em torno da homeopatia e da sua eficácia, concluindo que se trata de uma medicina alternativa que não trata qualquer tipo de doença.

Não há “provas fiáveis” de que a “homeopatia é efectiva”, salienta-se no relatório final do CNSIMA, citado pelo jornal inglês The Guardian.

“As pessoas que escolhem a homeopatia podem pôr a sua saúde em risco, se rejeitarem ou atrasarem tratamentos para os quais há boas evidências de segurança e eficiência”, sustenta-se no mesmo documento.

O presidente da Comissão de Trabalho do CNSIMA, Paul Glasziou, destaca a importância de haver medidas governamentais que tratem de aplicar estas conclusões na prática, nomeadamente no domínio da venda deste tipo de medicamentos.

“Haverá uma fila de pessoas que não vão reagir bem a este relatório e que vão dizer que é uma conspiração. Mas esperamos que haja muitas pessoas razoáveis que pensarão melhor antes de vender, usar ou financiar estas substâncias”, afiança Paul Glasziou citado pelo The Guardian.

A Associação Homeopática Australiana já reagiu a estas conclusões, notando que espera da parte do CNSIMA “uma abordagem mais exaustiva à análise da eficácia da homeopatia”.

A associação defende que seja feita uma “avaliação económica de larga escala dos benefícios de um sistema mais integrado e que respeite a escolha dos pacientes nos serviços de saúde prestados”.

ZAP

PARTILHAR

11 COMENTÁRIOS

  1. tenho provas concretas que sim que cura.
    eu trato da tosse cá em casa com homeopatia há vários anos e é super eficaz, bem como outros tratamentos que resultam.
    isto é uma conspiração das máfias dos laboratórios para dominarem quem ainda se trata com homeopatia para passar a ser mais um dependente dos medicamentos de laboratório, que a maior parte não cura, apenas foram feitos para as pessoas ficarem dependentes e assim darem lucro, porque se mantém mais tempo vivos com esses medicamentos, mas se param, morrem em pouco tempo.
    já os homeopáticos curam as doença, inclusive o cancro!

  2. Pois claro que tinham de aparecer aqui os iluminados a dizer que essa trafulhice funciona. É um excelente negócio vender pastilhas e frascos de nada aos crentes.
    Mas isto, milagres, idas à bruxa e todo o tipo de placebos irão sempre “funcionar” desde que o crente realmente acredite.

  3. Um novo estudo alerta que a “a homeopatia não tem qualquer eficácia”?!
    Mas há algum estudo que comprove que funciona?!
    Se existe, nunca ninguém o viu…
    Enfim… se dúvidas houvesse!…

  4. Ah ! « Este organismo analisou 225 estudos feitos em torno da homeopatia e da sua eficácia, concluindo que se trata de uma medicina alternativa que não trata qualquer tipo de doença ». Vamos deixar a análise do protocolo utilizado aos especialistas, que espero, o façam. A homeopatia nunca agradou muito à medicina oficial e sobretudo aos laboratórios farmaceuticos ! Não se trata de uma crença, como o diz aqui um comentador, mas eu pude verificar, em certas reacções nomeadamente cutâneas, a eficiência da homeopatia a longo prazo. Tratava-se de um bébé, que eu saiba, não está sujeito à crença ou à não crença de um qualquer « resultado ».

  5. É curioso ver a ignorância de algumas pessoas que não distinguem homeopatia de crença…. Provavelmente é gente que quando está constipado, bebe um ponche quente… Pura medicina convencional…. Esquecem-se que a própria medicina dita convencional cada vez mais utiliza substâncias presentes em plantas, por exemplo, para fazer os medicamentos…. Mas claro que se tiver o nome de um laboratório sonante funciona, se não tiver, já é um embuste…. Pensem um bocadinho antes de fazer comentário ignorantes….

  6. A Homeopatia, assim como outras medicinas traicionais, não tratam doenças nem curam qualquer que seja a doença, porque não é esse o principio.
    No momento em que pensaram em fazer este estudo já estavam a perder tempo, porque primeiro deviam estudar o conceito e depois fazer o estudo.
    A Homeopatia debruça-se sobre o individuo como um todo e não sobre a doença.

  7. Parece-me que generalizar tira credibilidade ao estudo. Há muitos tipos de doenças que podem e devem ser tratadas com produtos naturais. Outros casos há que podem complementar os tratamentos convencionais, considero por isso que existe espaço para as duas. Quantos ás crenças, de uma coisa tenho a certeza, é que a homeopatia ajuda, nos casos mais complicados, a nível moral e anímico pelo menos, logo se torna positiva. Recorro a ela com sucesso em algumas patologias.

    • Chama-se ‘efeito placebo’. Está estudado cientificamente. Quando tiver uma doença a sério, que lhe coloque a vida em perigo, vejamos se se mete a tomar gotas de água ou outras mezinhas semelhantes. Quiçá tudo se resolva com bons pensamentos e alinhamento dos chakras…

Responder a Eu Cancelar resposta

Um terço das mulheres europeias herdou um gene neandertal favorável à fertilidade

Um terço das mulheres europeias herdou um gene neandertal favorável à fertilidade, sugere uma nova investigação levada a cabo por cientistas do Instituto Max Planck, na Alemanha, e do Instituto Karolinska, na Suécia. Em causa está …

Combater a pobreza energética até 2040 custa 384 milhões por ano

Pela primeira vez, o Governo sabe quanto seria preciso investir para combater a pobreza energética até 2040: 7.671 milhões de euros  – o equivalente a 384 milhões de euros por ano. De acordo com o jornal …

Trump classifica movimento antifascista como organização terrorista

O Presidente norte-americano anunciou que vai classificar o movimento ANTIFA (antifascistas) como organização terrorista, e culpou os média por “fomentarem o ódio e anarquia” na onda de protestos contra a violência policial. “Os Estados Unidos da …

Megaoperação em Loures. PSP e PJ cercam bairro da Quinta da Fonte e detém nove pessoas

A Unidade Especial da Polícia de Segurança Pública (PSP) e a Polícia Judiciária (PJ) estão, esta segunda-feira, desde antes das 7h, a fazer uma megaoperação no Bairro Quinta da Fonte, em Loures. Segundo avança a TVI24, …

Cientistas podem ter descoberto onde vive o stress no cérebro humano

Onde é que os sentimentos negativos, como a pressão e a ansiedade, existem no nosso cérebro? Cientistas da Universidade de Yale, nos Estados Unidos, tentaram encontrar a resposta. Estudos anteriores indicam que os sentimentos subjetivos ou …

A atmosfera de Marte está a escapar para o Espaço (e já se sabe quem é o culpado)

Marte pode já ter sido um planeta habitável mas, ao longo de milhares de milhões de anos, a sua atmosfera escapou para o Espaço. Os cientistas mapearam as correntes elétricas na atmosfera marciana que podem …

Júpiter é tão grande que o nosso Sistema Solar quase teve dois sóis

O nosso Sistema Solar tem apenas uma estrela e uma série de planetas relativamente pequenos. No entanto, Júpiter esteve muito perto de se tornar o irmão mais pequeno do Sol. Júpiter é, de longe, o maior …

O detetive a bordo do rover da NASA Perseverance

Marte está muito longe da famosa 221 Baker Street, mas um dos detetives mais conhecidos da ficção estará representado no Planeta Vermelho quando o rover Perseverance da NASA pousar no dia 18 de fevereiro de …

Nem o mar profundo se safa das alterações climáticas

Um novo estudo mostra que as alterações climáticas já estão a bater à porta do mar profundo, e os seus habitantes poderão em breve estar em perigo. De acordo com o site IFLScience, a equipa de …

Príncipe belga pede desculpa por violar confinamento em festa ilegal em Espanha

O príncipe Joachim da Bélgica disse “lamentar profundamente” não ter respeitado “todas as medidas” do confinamento durante uma viagem a Espanha, onde participou numa festa ilegal em Córdoba que está a ser investigada pela polícia. Depois …