Homem com doença incurável tem 100 orgasmos por dia

“Imagine-se nesta situação: é o funeral do seu pai e está ajoelhado ao lado do caixão, despedindo-se dele para sempre. De repente, tem nove orgasmos. Ali mesmo, com a família toda em pé atrás de si.”

Este é um dia na vida de Dale Decker, um americano de 37 anos que sofre da síndrome da excitação sexual persistente, conhecida pela sigla em inglês PSAS.

O americano desenvolveu o transtorno em 2012, quando uma pequena queda lhe provocou ferimentos numa vértebra. Desde então, está incapacitado de trabalhar.

Em entrevista ao canal de internet Bancroft TV, Decker afirma que a síndrome o faz ter cerca de cem orgasmos por dia, em situações importunas, seja em público, no trabalho ou à frente dos filhos.

“Não há nenhum prazer nisso porque apesar de ser fisicamente bom sentes-te mal pelo que está a acontecer”, disse. “A tal ponto de não quereres ter um orgasmo nunca mais.”

Mais conhecida em mulheres

O caso de Decker expõe uma síndrome que até agora só era atribuída a mulheres.

“Não conheço nenhum caso documentado do transtorno em homens”, disse à BBC Francisca Molero, vice-presidente da Federação Espanhola de Associações de Sexologia e autora de um estudo sobre o tema.

“Mas isso não quer dizer que não os afecte, porque há uma lacuna de conhecimento sobre a ligação entre o cérebro e a resposta genital”, afirmou.

“O caso de Dale Decker encontra-se dentro das probabilidades e tem uma interpretação teórica clara”, explicou.

Segundo a investigadora, as erecções espontâneas nos homens “existiram sempre e nunca foram vistas como algo negativo, mas como sinal de poder masculino”. Já a excitação feminina é vista como algo a ser escondido.

De acordo com a especialista, até 2013 havia 400 a 500 casos da síndrome documentados no mundo, mas a incidência deve ser ainda maior.

Causas ignoradas

A síndrome é descrita como uma sensação de excitação genital sem um estímulo sexual prévio, que persiste por períodos prolongados.

As causas do transtorno não são conhecidas, mas as investigações apontam para um leque de possibilidades: factores neurológicos, vasculares, hormonais ou como efeitos secundários de medicamentos.

Não tem, portanto, que ver com a hiper-sexualidade ou com o aumento extremo da libido, nem com orgasmos múltiplos.

A situação não acaba sempre num orgasmo e, mesmo que isso ocorra, a sensação não desaparece, explica a sexóloga.

Além disso, o fato de a sensação ser percebida pelo paciente como algo intrusivo, alheio ao seu próprio desejo e, portanto, negativo, pode intensificar a resposta.

Francisca Molero explica o caso com uma analogia: “É como quando alguém tem um pensamento desagradável e quer tirá-lo da cabeça. Quanto mais tenta, mais fixa a atenção nele”.

A consequência é que a culpa se torna inerente à síndrome, na maioria dos casos.

O tratamento mais eficaz é a terapia cognitiva-sexual, focada em objectivos claros, soluções no presente, e trabalhos domésticos que ajudem os pacientes a atingir a mudança desejada.

ZAP / BBC

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. “Tenho a solução…é colocar-se á frente de uma velha toda nua, sem dentes e cheia de osteoporose…o choque é tal, que fica curado!!!”
    Fartei-me de rir com esta saída .
    O mais engraçado é que 30% das mulheres gostavam de ter um homem assim mas não o encontram , ou tem preconceitos em falar no assunto .

Figura em pedra com mais de dois mil anos descoberta em Miranda do Douro

O acaso colocou a descoberto em Duas Igrejas, no concelho de Miranda do Douro, uma figura zoomórfica que representa um berrão (porco) e que os arqueólogos datam entre os séculos IV e I a.C., foi …

FBI prende Ghislaine Maxwell, ex-namorada de Jeffrey Epstein

A ex-namorada de Jeffrey Epstein, Ghislaine Maxwell, foi esta quinta-feira detida pelo FBI. A mulher de 58 anos é acusada de ajudar a montar uma rede de tráfico de mulheres. O FBI deteve, esta quinta-feira, Ghislaine …

Polícia italiana apreendeu 14 toneladas de anfetaminas. Droga foi produzida pelo Estado Islâmico

As autoridades italianas apreenderam na quarta-feira 14 toneladas de anfetaminas produzidas na Síria por membros do Estado Islâmico, cujos lucros serviriam para reativar as suas operações. "É um facto que o Daesh [Estado Islâmico] utiliza a …

Câmara de Lisboa defende fim do financiamento público às touradas

A Câmara de Lisboa defendeu hoje a criação de legislação que impeça o financiamento público de espetáculos que "causem sofrimento animal", salientando que as touradas incluem "atos de violência". Numa moção “pelo fim de espetáculos com …

Acordo entre Neeleman e Governo já só depende da confirmação da Azul

O acordo entre David Neeleman e o Governo está prestes a concretizar-se, escreve o Expresso. Aparentemente já só falta a confirmação da Azul para garantir o acordo. Depois de a nacionalização da companhia ter sido dada …

Medina recua e diz que "há convergência total" com Governo no combate à pandemia

O presidente da Câmara de Lisboa, Fernando Medina, disse hoje que “há convergência total” com o Governo no combate à pandemia de covid-19, recusando que as críticas que fez à atuação das autoridades de saúde …

Parlamento vai debater o teletrabalho por iniciativa do PAN

O PAN considera que "o teletrabalho é uma ferramenta que pode ajudar a conciliar a vida profissional e a vida familiar", ainda que apresente fragilidades como a "invasão da vida pessoal". O PAN agendou para sexta-feira …

PSP também queria prémio semelhante ao dos profissionais de saúde

O Sindicato dos Profissionais de Polícia (SPP) manifestou-se esta quinta-feira “desiludido” com “a falta de respeito” que o Governo demonstra em relação à PSP e a outras forças de segurança que estão na “linha da …

Líderes catalães vão poder sair da prisão aos fins de semana

Uma decisão dos estabelecimentos prisionais faz com que os líderes independentistas catalães possam sair da prisão aos fins de semana, passando para um dos regimes de detenção menos restritivos. Em outubro do ano passado, nove líderes …

Mais oito mortos e 328 infetados. Câmara de Lisboa tem 33 casos "ativos"

Há mais oito mortos e 328 casos positivos em Portugal nas últimas 24 horas. A Câmara de Lisboa regista atualmente 33 casos de infeção por covid-19 “ativos”. Portugal regista, esta quinta-feira, mais oito mortos e 328 …