O hemisfério norte teve o verão mais quente de que há registo (e isso é um sinal de alerta para a Terra)

O hemisfério teve em 2020 o verão mais quente de que há registo. No geral, o Planeta Terra teve três dos meses mais quentes, e o mês de agosto foi o segundo mais quente que se fez sentir nos últimos anos na Europa.

De acordo com a NOAA, os anos de 2019, 2018, 2017, 2016, 2015, 2014, 2013, 2010,  2005, e 1998 foram os 10 anos mais quentes já registados. Contudo, os últimos três meses foram incrivelmente quentes para o nosso planeta, revela a Earth Sky.

Segundo o relatório da NOAA, divulgado em 14 de setembro, 2020 registou o verão mais quente do Hemisfério Norte, ultrapassando assim os calorosos verões de 2019 e 2016, que anteriormente tinham sido considerados dos mais quentes. As temperaturas dos meses de junho, julho e agosto subiram 1,17º em relação às temperaturas que se faziam sentir no século XX.

O hemisfério sul, que vive o inverno enquanto o hemisfério norte está a passar pelo verão, também passou por uma situação atípica, uma vez que a estação foi menos rigorosa e mais quente do que o habitual. O planeta Terra no geral teve três dos meses mais quentes dos últimos 141 anos.

Esta situação pode trazer graves consequências ambientais, e a prova disso é que esta onda de calor está a provocar uma diminuição do gelo do mar Ártico. A extensão média do gelo do mar Ártico em agosto foi a terceira menor já registada, estando 29,4% abaixo da média de 1981-2010″, alertou o relatório.

O mês de agosto de 2020 foi o segundo mais quente que já se registou na Europa, e de acordo com o relatório a “América do Sul e a Oceânia tiveram o quarto agosto mais quente de sempre”. Os EUA foram as principais vítimas desta onda de calor, e o relatório da NOAA diz até que o país “assou” durante este verão, pois enfrentaram grandes furacões, e devastadores incêndios sobretudo na costa oeste.

NOAA

Mapa que mostra alguns dos eventos meteorológicos e climáticos mais significativos que ocorreram durante agosto de 2020

A 16 de agosto deste ano, o Vale da Morte na Califórnia registou 54º. Caso venha a ser confirmada, esta temperatura é a mais quente registada nos EUA durante o mês de agosto.

Na California registaram-se em 2020 diversos incêndios de enormes proporções, e o calor que se fez sentir tornou muito difícil para as autoridades controlar as chamas – que atingiram zonas residenciais e provocaram a morte de pelo menos 30 pessoas.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Costa diz que estado de emergência é "prematuro" e põe de lado o recolhimento obrigatório

Numa altura em que o número de infetados não pára de subir em Portugal, o Governo prefere manter a situação de calamidade para dar resposta à pandemia, o que permite tomar medidas como o confinamento …

22-0: a soma de dois jogos, no mesmo dia

Com claro destaque para o que aconteceu nos Países Baixos: 13-0, vitória do Ajax. Recorde no campeonato holandês, cinco golos de um jogador, um guarda-redes a querer marcar uma grande penalidade... O que aconteceu no sábado, …

Aminoácido produzido no cérebro pode prevenir ataques epiléticos

Uma equipa de investigadores da Faculdade de Medicina da Universidade da Florida descobriu que um aminoácido produzido pelo cérebro pode desempenhar um papel crucial na prevenção de um tipo de ataque epilético. As crises epiléticas do …

Ir à escola, viajar e assistir a espetáculos. As exceções à proibição de circulação entre concelhos

No final do último Conselho de Ministros, na semana passada, o Governo anunciou a proibição de circulação entre concelhos entre as 0h de 30 de outubro e as 6h de 3 de novembro, englobando o …

País Basco em confinamento, Bélgica quer transferir doentes para os Países Baixos e França "perdeu o controlo"

Numa altura em que a Europa volta a ser epicentro da pandemia de covid-19, o País Basco decretou o confinamento da população e França considera impor a mesma medida. Com falta de camas, Bélgica pediu …

"Dia histórico". Senado confirma nomeação de Amy Coney Barrett para o Supremo Tribunal dos EUA

O Senado norte-americano confirmou segunda-feira à noite a juíza Amy Coney Barrett para o Supremo Tribunal dos Estados Unidos, o que representa uma vitória política para o Presidente Donald Trump a poucos dias das eleições …

Os olhos das corujas podem ter uma "lente" que melhora a visão noturna

As corujas capturam as suas presas durante a noite. Uma nova investigação sugere que há algo de especial na forma como as moléculas de ADN nos olhos das corujas estão acondicionadas, uma característica que lhes …

Os extraterrestres podem estar a observar-nos à distância (em mais de 1.000 estrelas diferentes)

Da mesma forma que nós, da Terra, já detetámos vários milhares de planetas ao redor de outras estrelas, uma hipotética civilização alienígena poderia ter detetado a nossa presença. Mas de que posições no Espaço isso seria …

Afinal, o buraco negro mais próximo da Terra pode não ser um buraco negro

Um objeto identificado no início deste ano como o buraco negro mais próximo da Terra pode, afinal, não o ser. Depois de reanalisar os dados, diferentes equipas de cientistas concluíram que o sistema HR 6819 …

Rara cobra de duas cabeças e dois cérebros independentes encontrada na Florida

Uma rara cobra com duas cabeças e dois cérebros independentes foi resgatada no estado norte-americano da Florida por uma equipa de especialistas do organização Florida Fish and Wildlife Conservation Commission. Na rede social Facebook, a organização, …