Fãs de Harry Potter são mais tolerantes e empáticos, revela estudo

(dr) Warner Bros. Pictures

Harry Potter e a Ordem da Fénix, David Yates (2007)

As pessoas que gostam de Harry Potter são mais propensas a serem tolerantes e empáticas, aponta estudo. Está comprovado, és influenciado por aquilo que lês.

O estudo “The greatest magic of Harry Potter: Reducing prejudice”, publicado pelo Journal Of Applied Social Psychology, foi o responsável por esta conclusão

A investigação em questão foi levada a cabo através de três estudos relacionados com a leitura dos livros do universo Harry Potter, por parte de estudantes de diferentes idades. No final, os responsáveis concluíram que os estudantes que mais gostavam de Harry Potter demonstravam ser mais tolerantes para com as minorias.

Albus Dumbledore, Harry Potter e o Cálice de Fogo

Na primeira componente do estudo, foi realizado um curso de seis semanas sobre o universo de Harry Potter. Foram 34 alunos italianos do quinto ano os participantes que, após as seis semanas do curso, receberam questionários.

A conclusão obtida é que os alunos que se demonstravam mais interessados nas aulas eram também os que se mostravam mais abertos a entender a situação dos imigrantes que vêm para a Europa.

Na segunda parte do estudo foram mais os participantes, 117 alunos do ensino médio, focando-se esta etapa na questão LGBT. A conclusão foi reiterada: os alunos que gostavam mais de Harry Potter eram também aqueles que apresentavam opiniões mais favoráveis em relação à comunidade LGBT.

Na última etapa, envolvendo estudantes universitários do Reino Unido, foi possível concluir que os alunos que se identificavam menos com o vilão da saga, Voldemort, eram também aqueles que se preocupavam mais com os refugiados. De certo que o senhor das trevas ficou bastante desiludido.

O estudo veio demonstrar que o contacto prolongado através da leitura de histórias é uma estratégia poderosa para melhorar as atitudes de grupos externos. Será, de facto, a leitura a melhor ferramenta para a construção de um mundo melhor?

PARTILHAR

RESPONDER

Elon Musk quer enviar passageiros para o Espaço já no próximo ano

O bilionário Elon Musk, também fundador da fabricante de automóveis elétricos Tesla, fez um anúncio surpreendente: quer que pôr passageiros no Espaço já em 2020. “Isto pode soar totalmente louco, mas queremos tentar entrar em órbita …

Cientistas reverteram principal sintoma da esquizofrenia em camundongos

Um medicamento que está atualmente a ser desenvolvido para tratar a leucemia reverteu (em camundongos) um sintoma de esquizofrenia anteriormente intratável: o enfraquecimento da memória de trabalho. A memória de trabalho é um processo cerebral fundamental usado …

Para as criaturas marinhas, as doenças infecciosas são a sentinela da mudança

Uma recente investigação analisou as mudanças nas doenças relatadas em espécies submarinas num período de 44 anos. A conclusão não surpreende: a saúde dos oceanos está a piorar a passos largos. A compreensão das tendências oceânicas …

Solidariedade e ambiente. Nos EUA, já é possível doar as suas peças Lego

Nunca somos demasiado velhos para brincar com peças Lego. No entanto, se estiver a ficar sem espaço para as arrumar e estiver à procura de uma forma de garantir que os seus blocos acabam em …

Eis os primeiros smartphones pensados e fabricados em África

https://vimeo.com/365789486 No Ruanda nasceram os primeiros rebentos do grupo Mara, que anunciou o lançamento dos seus dois primeiros smartphones. São os primeiros a serem totalmente fabricados em África. Estes são os dois primeiros smartphones totalmente fabricados em …

Siza Vieira recebe Grande Prémio da Academia de Belas-Artes francesa

O arquitecto Álvaro Siza Vieira recebeu o Grande Prémio de Arquitetura da Académie des Beaux-Arts, pelo conjunto do seu percurso, no valor de 35 mil euros. “É uma grande honra, porque é um prémio importante. É …

Para os jovens refugiados, um telemóvel pode ser tão importante quanto comida ou água

Entre 2015 e 2018, mais de 200.000 jovens não acompanhados reivindicaram asilo na Europa. Muitos deles, agora na União Europeia, têm uma coisa em comum: os seus smartphones. Não são apenas ferramentas para entretenimento nem uma …

Cientistas observaram pela primeira vez porcos a usar ferramentas

Uma equipa de cientistas registou pela primeira vez uma família de javalis das Visayas, num jardim zoológico em Paris, a usar paus para cavar e construir ninhos. Os porcos não gostam só de chafurdar na lama …

Transição verde: o mundo tem muito a aprender com uma pequena cidade na Islândia

Uma pequena cidade no norte da Islândia tornou-se quase neutra em dióxido de carbono (CO2). Uma equipa de cientistas viajou até ao país insular nórdico para descobrir como podemos aprender com esta cidade. Atualmente, as cidades …

Adolfo Mesquita Nunes não será candidato à liderança do CDS

Adolfo Mesquita Nunes anunciou este domingo que não será candidato à liderança do CDS. A garantia foi deixada pelo próprio, na sua página pessoal de Facebook, depois de ter sido desafiado por António Pires de …