Harry Potter ganha novo (e estranho) capítulo

(dr) Warner Bros. Pictures

Harry Potter e o retrato daquilo que parecia ser um grande monte de cinzas é o título do mais recente pedaço da história protagonizada pelo famoso feiticeiro. Mas não foi J.K. Rowling que o escreveu.

Os autores do mais recente capítulo de Harry Potter foram predictive keyboards, uma forma de inteligência artificial.

Este tipo de teclados (o Teclado Google, para Android, é um exemplo) funciona com base no histórico de palavras utilizadas. No fundo, e simplificando, não é mais do que o conjunto de sugestões que vão aparecendo no telemóvel enquanto escrevemos uma mensagem.

Este tipo de sugestões preditivas deveriam ser úteis, mas, na maioria dos casos, apenas servem para escrevermos “Acabei de ver How Tô geral away Witherspoon mureta” e só nos apercebermos que How To Get Away With Murder mudou de nome depois de enviarmos a mensagem.

Ora estes teclados foram utilizados por uma equipa da Botnik – comunidade de artistas que, em conjunto com máquinas, desenvolvem conteúdos novos e (propositadamente) estranhos – para escrever uma nova história de Harry Potter.

Usámos predictive keybords que ‘estudaram’ os sete livros de Harry Potter para criar esta nova história”, pode ler-se num tweet da Botnik Studios. Mais de 90 mil pessoas reagiram à publicação com likes ou comentários muito positivos. “Isto é, sem sombra de dúvidas, a melhor coisa que já li” é um exemplo de um deles.

Para além destes teclados, uma equipa de escritores colaborou no capítulo. Foram eles que editaram a “salada de palavras” normalmente gerada pelos predictive keyboards, e lhe deram sentido e fio condutor.

A história, que pode ler online, tem início num cenário em que o céu é preto e cheio de sangue. Ron encontra-se junto a um castelo a fazer uma “dança frenética tipo sapateado” e, mal vê Harry aproximar-se, “começa a comer a família de Hermione”.

Talvez por isso (ou não, nunca saberemos), um pouco mais à frente o narrador afirma que “para Harry, Ron era um barulhento, lento e suave pássaro”. O pior é que Harry “não gostava de pensar em pássaros”.

A aventura continua e, após se depararem com a porta do castelo fechada (com uma password que Hermione lamenta, “MULHER BIFE”), Voldemort entra em ação. “És um feiticeiro mau e ruim”, acusa Harry, de forma selvagem. Os parágrafos seguintes ficaram marcados por situações tão ou mais caricatas.  E não poderia mesmo ser de outra forma.

Hermione encheu a cara de lama e Harry apelidou Ron de “o jeitoso”, elogio que prontamente retirou enquanto mergulhava a amiga em molho quente. Quem nunca? O final da história foi protagonizado pelo famoso feiticeiro: “Eu sou o Harry Potter, as artes negras que se preocupem, oh boy!”, gritou, após ter caído de umas escadas em espiral.

Resta-nos esperar pelo que J.K. Rowling terá a comentar. Para já, podemos dizer que a autora está, literalmente, sem palavras.

PARTILHAR

RESPONDER

John Cleese esgota três coliseus em 48 horas

John Cleese vai estar no Coliseu de Lisboa com “Last Time To See Me Before I Die” durante três dias. O humorista britânico esgotou as três datas em apenas 48 horas. Durante esta madrugada (10), a …

Descoberta no Egito múmia de grande animal semelhante a um leão

O Ministério das Antiguidades egípcio anunciou esta segunda-feira que uma equipa de arqueólogos desenterrou uma múmia de um grande animal incomum, semelhante a um leão ou uma leoa. “É um animal muito estranho, como um gato …

Ex-agentes da DEA revelam detalhes da vida de Escobar na prisão que o próprio construiu

Dois dos agentes do DEA, que durante mais de um ano participaram na operação de captura de Pablo Escobar, revelaram alguns detalhes sobre a vida do narcotraficante e ex-líder do cartel de Medellín na prisão La …

Num jardim zoológico da Austrália, há concertos ao vivo (para entreter os elefantes)

https://vimeo.com/372400002 O jardim zoológico de Melbourne está a desenvolver um programa mundial de músicos para tocar para a sua multigeracional manada de elefantes asiáticos em perigo de extinção para que melhore a ligação entre os seis …

Montijo: ANA pede mais tempo para analisar medidas de mitigação ambiental

A ANA – Aeroportos de Portugal pediu à Agência Portuguesa do Ambiente (APA) uma prorrogação do prazo para analisar as medidas de mitigação propostas pela entidade na Declaração de Impacte Ambiental (DIA) do futuro aeroporto …

Sérgio Conceição ultrapassa número de jogos de José Mourinho

No jogo deste domingo, que o FC Porto acabou por vencer o Boavista com um golo solitário de Alex Telles, Sérgio Conceição cumpriu o seu 128.º jogo como treinador dos dragões - mais uma partida …

Governo australiano acusado de censurar livro sobre história de Timor-Leste

O Ministério dos Negócios Estrangeiros australiano está alegadamente a tentar censurar partes do primeiro de dois volumes da história de operações militares em Timor-Leste, o dedicado à Força Internacional para Timor-Leste (Interfet), segundo revelou a imprensa …

Norte-americanos acordaram com mensagens de texto estranhas nos seus telemóveis

Na passada quinta-feira, uma grande parte da população norte-americana recebeu mensagens estranhas e inexplicáveis, muitas das quais desconfortáveis e até preocupantes. Stephanie Bovee, uma norte-americana de 28 anos de Portland, no oeste dos Estados Unidos, acordou …

Pai que fugiu por 15 países com os dois filhos no ano passado encontrado pela PSP

O pai mudou 15 vezes de país com as crianças desde o verão passado sempre sem o consentimento da mãe e sem que a mãe tivesse qualquer notícia do paradeiro dos filhos, revela a PSP. A …

Daesh está a tentar criar um novo Estado islâmico nas Filipinas

Há dois anos que a bandeira negra do Daesh deixou de esvoaçar no topo de um edifício da cidade de Marawi, em Mindanau, no sul das Filipinas, e o Presidente, Rodrigo Duterte, declarou tê-lo derrotado. …