Governo diz que já foram pagos 66 milhões de euros aos agricultores lesados em 2017

Miguel A. Lopes / Lusa

O Ministério da Agricultura desmentiu o Movimento Associativo de Apoio às Vítimas de Midões (MAAVIM) quanto às ajudas aos agricultores lesados pelos incêndios de 2017, afirmando que os apoios pagos rondam os 66 milhões.

“O Ministério da Agricultura desmente categoricamente o teor do comunicado” do MAAVIM, “no que às medidas de apoio aos agricultores afetados pelos incêndios do ano passado diz respeito, e repudia a atitude demagógica deste movimento”, refere o gabinete do ministro Luís Capoulas Santos.

Numa resposta por escrito a questões da agência Lusa, na sequência de uma nota divulgada nesta quarta-feira por aquela organização, o Ministério da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural (MAFDR) realça que, “no âmbito das medidas de apoio aos agricultores, visando a recuperação da sua atividade produtiva e dos seus meios de subsistência, implementadas e operacionalizadas na sequência dos incêndios ocorridos no ano de 2017, os apoios atribuídos e já pagos totalizam 65,91 milhões de euros”.

O MAFDR salienta que “a lista nominal e os montantes recebidos individualmente estão disponíveis” no site do Instituto de Financiamento da Agricultura e Pescas (IFAP).

O MAAVIM pediu na quarta-feira a intervenção do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, considerando que persiste a falta de respostas do Governo para as famílias afetadas pelos fogos de 2017.

O movimento decidiu recorrer a Marcelo Rebelo de Sousa, após o ministro da Agricultura ter anunciado que o Governo disponibiliza cinco milhões de euros para apoiar os agricultores algarvios cujas explorações foram atingidas, na semana passada, pelo incêndio que eclodiu em Monchique e que alastrou a concelhos vizinhos.

“Ouvindo hoje as promessas anunciadas para os afetados dos incêndios de Monchique”, o movimento liderado pelo empresário de Tábua Fernando Tavares Pereira “relembra que as medidas abertas para o Algarve deveriam ser aplicadas diretamente a quem tudo perdeu”.

Na sua opinião, “anunciar cinco milhões para algumas centenas de agricultores continua a ser o método de propaganda” do Governo.

“A Assembleia da República deve obrigar urgentemente o Governo a abrir o apoio aos mais de 3.000 agricultores que ficaram de fora dos apoios, pela confusão dos procedimentos, para terem acesso aos apoios e alterar as regras do 6.2.2. para que possa ser executado com tabelas com valores reais”, afirma ainda.

A “operação 6.2.2.” inclui as medidas do Governo para apoio ao restabelecimento do potencial produtivo dos agricultores lesados pelos fogos de 2017.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Quase 40% dos americanos com dificuldades financeiras. Doar sangue é a sua maior receita

A economia dos Estados Unidos (EUA), considerada uma das maiores do mundo, permitiu avanços sociais e tecnológicos inestimáveis. Contudo, atualmente, cerca de 40% dos norte-americanos afirmam ter dificuldade em pagar por comida, por habitação, por …

"Políticos devem ser colocados contra a parede". Greta pede desculpa

A ativista do clima Greta Thunberg pediu desculpa por ter dito que os políticos devem ser colocados “contra a parede”, após diversas pessoas terem considerado que a jovem estava a defender a violência. A sueca de …

Carnaval belga retirado da lista de Património Imaterial da UNESCO após queixas de antissemitismo

As festas da cidade de Aalst, na Bélgica, foram retirada da lista do Património Imaterial da Humanidade, depois de a UNESCO ter sancionado a presença de carros carnavalescos contendo imagens antissemitas. O presidente da Câmara …

Conselho de Ministros aprova proposta de OE2020 (e foram quase 10 horas de reunião)

O Conselho de Ministros aprovou hoje a proposta de Orçamento do Estado para 2020, dez horas depois de a reunião extraordinária ter começado, anunciou hoje o primeiro-ministro na sua página na rede social Twitter. "O Conselho …

Nova espécie de baleia mostra como este animal evoluiu para conseguir nadar

Cientistas descobriram uma nova espécie de baleia, que existiu há 35 milhões de anos, que pode dar novas pistas sobre como as baleias evoluíram para conseguir nadar. De acordo com a revista Newsweek, os investigadores analisaram …

Casal separado após sobreviver a Auschwitz reencontra-se 72 anos depois em Nova Iorque

Em 1944, David Wisnia e Helen "Zippi" Spitzer eram dois prisioneiros judeus e secretamente namorados que, miraculosamente, conseguiram sobreviver ao campo de concentração nazi Auschwitz, na Polónia. Porém, no final da guerra, foram separados depois de …

Benfica 4-0 Famalicão | Pizzi entrega saco cheio de Natal

O Benfica terminou o seu ano de Liga NOS com mais uma vitória, de novo por 4-0, tal como havia acontecido na anterior partida no Estádio da Luz, ante o Marítimo. Desta vez frente ao …

Morreu o ator Danny Aiello

Morreu esta quinta-feira, em Nova Jérsia, o ator Danny Aiello, que recordamos pelos seus muitos êxitos dos anos 80. Tinha 86 anos. "É com profunda dor que comunicamos que Danny Aiello, amado marido, pai, avô, ator …

Videojogo chinês incita jogadores a atacar os "traidores" em Hong Kong

Há um novo videojogo que está a ganhar popularidade na China. Chama-se "Fight the Traitors Together" e permite que os jogadores ataquem manifestantes de Hong Kong. No jogo, os jogadores podem bater nos manifestantes pró-democracia, sendo …

Mundial de Clubes proíbe demonstrações públicas de afeto

Começou na passada quarta-feira, dia 11 de dezembro, em Doha, capital do Catar, o Mundial de Clubes da FIFA, prova onde estão inseridos clubes como Flamengo e Liverpool. E esta até poderia ser mais uma …