O “General de Ferro” da Ucrânia herdou 1 milhão de dólares e doou tudo ao exército

2

(cv) CBC News / The National

O Comandante das Forças Armadas da Ucrânia, Valery Zaluzhnyi, herdou 1 milhão de dólares de um programador informático e doou todo o dinheiro ao fundo de apoio ao exército do seu país.

A doação foi feita no dia 5 de Janeiro, conforme confirmaram fontes oficiais ucranianas a vários media, incluindo o Ukrainska Pravda e o The New York Times, segundo cita o Business Insider.

Dei a minha vida inteira às Forças Armadas. E não tive dúvidas sobre o que devia fazer com a herança”, revelou Zaluzhnyi ao Ukrainska Pravda, como transcreve a referida publicação.

O programador informático de quem herdou o milhão de dólares (mais de 900 mil euros) é o norte-americano Gregory Stepanets que nasceu na Ucrânia.

Zaluzhnyi acredita que a “última vontade” de Stepanets era “apoiar o exército ucraniano” através da sua pessoa, como referiu ao Ukrainska Pravda.

Stepanets nasceu em Vinnytsia em 1938, deixando a antiga União Soviética em 1989, de acordo com o jornal ucraniano.

Era programador informático em Redmond, Washington, onde fez fortuna depois de ter inventado um código de descodificação que vendeu à Microsoft, segundo a mesma fonte.

“Estou grato a todos os que ajudam as Forças Armadas da Ucrânia. E estou grato à minha família pela sua compreensão“, disse ainda Zaluzhnyi que foi nomeado “chefe” das Forças Armadas ucranianas em Julho de 2021 pelo presidente Volodymyr Zelenskyy.

O seu comando tem sido visto como decisivo para alguns dos triunfos da Ucrânia na guerra com a Rússia, o que lhe valeu grande popularidade. Esses sucessos valeram-lhe a alcunha de “General de Ferro”.

Nos últimos tempos, chegaram a surgir rumores de que Zelenskyy estaria a planear assassinar Zaluzhnyi devido à sua crescente popularidade e à cada vez maior autoridade no seio das Forças Armadas.

Zelenskyy terá receio de que Zaluzhnyi possa promover um golpe de estado para o substituir na presidência da Ucrânia, de acordo com estes rumores.

  ZAP //

2 Comments

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.