26 anos depois dos brutais crimes, genealogia genética e chiclete ajudam a condenar DJ

Raymond Charles Rowe foi preso esta terça-feira depois de amostras de ADN recolhidas de uma garrafa de água e de uma chiclete mascada o terem ligado ao assassinato da professora Christy Mirack, em 1992.

Esta terça-feira, Raymond Charles Rowe, um famoso DJ norte-americano, confessou ter violado e estrangulado, em 1992, uma professora de 25 anos, no seu apartamento em Lancaster. Em tribunal, olhos nos olhos com a família da vítima, Rowe lamentou o sucedido. “Sinto muito. Eu não consigo imaginar a dor que estão a sentir.”

O caso frustrou durante muito tempo os investigadores, até que as autoridades que analisaram o ADN da cena do crime usaram um banco de dados genealógico, disponível ao público, e identificaram a meia-irmã do suspeito. Desta forma, conseguiram chegar até Raymond Charles Rowe, que vivia a poucos quilómetros do lugar onde ocorreu o crime.

Disfarçados, os detetives conseguiram obter uma amostra de ADN através da recolha de uma garrafa de água usada por Rowe e uma chiclete mascada, numa escola onde o DJ tocou no ano passado. Depois disso, compararam o ADN recuperado do tapete da casa da vítima, Christy Mirack.

“Se não fosse a tecnologia moderna e a intervenção divina, provavelmente continuarias em Lancaster, deleitado com a tua fama”, disse o irmão da professora, Vince Mirack, ao réu durante a audiência.

O assassinato ocorreu quatro dias antes do Natal, destruindo o espírito natalício daquela família. “Levaste a nossa Christy. Só espero que o resto da tua vida seja tão doloroso como os últimos 26 anos foram para a minha família”, continuou Vince.

Segundo os investigadores, o colega de Christy Mirack abandonou o apartamento cerca de quinze minutos antes de Rowe ter forçado a entrada. “Mesmo tendo ficado surpresa com a visita inesperada, Christy não deixou de lutar pela sua vida“, afirmou o procurador Craig Stedman, citado pela AP News.

A vítima fora espancada com uma tábua de madeira encontrada perto do seu corpo, estrangulada com a sua própria camisola e violada. A mandíbula estava partida e a autópsia encontrou ferimentos no pescoço, nas costas, no peito e no rosto.

A diretora da escola onde Mirack dava aulas suspeitou das constantes ausências da professora e foi a casa dela, tendo sido a primeira pessoa a encontrar a vítima no chão. Os investigadores não sabem, porém, se Mirack e Rowe se conheciam nem tampouco as motivações do crime.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas encontraram uma forma de levitar objetos usando apenas luz

Os cientistas afirmam que a sua nova tecnologia de levitação seria capaz de enviar uma nave espacial para a estrela mais próxima em apenas 20 anos. Cientistas do Instituto de Tecnologia da Califórnia (Caltech) dizem ter …

Estrela hiper-fugitiva foi expulsa do disco da Via Láctea

De acordo com investigadores da Universidade de Michigan, uma estrela veloz pode ter sido ejetada do disco estelar da Via Láctea por um enxame de estrelas jovens. Os cientistas dizem que a estrela não teve …

Cientistas portugueses participam na criação do maior telescópio do mundo

O SKA, Square Kilometre Array, está já em construção e será o maior telescópio do mundo. Cientistas portugueses estão a participar no seu design e alguns dos testes serão feitos em território luso. A construção do …

Bolsonaro pondera não assinar qualquer acordo na próxima cimeira do clima

O Brasil está a considerar não assinar qualquer acordo climático na próxima COP25, anunciou este sábado em Santiago o Presidente brasileiro Jair Bolsonaro, após uma reunião que manteve no sábado no Palácio de La Moneda …

Portugal vs Sérvia | Massacre luso com pólvora seca

Segunda jornada do Grupo B da qualificação para o Euro 2020, segundo empate de Portugal, ambos em casa. Após o nulo ante a Ucrânia na primeira jornada, os campeões da Europa não foram além de …

O "homem-milagre". Carteiro português esteve morto 21 minutos e acordou a caminho da morgue

Declarado morto pelos médicos, depois de ter tido um ataque cardíaco, e "ressuscitado" 21 minutos depois, quando já ia a caminho da morgue, o português João Araújo continua a ser conhecido como o "homem milagre" …

Um dos fármacos mais promissores para tratar o Alzheimer falha nos testes em humanos

Uma onda de choque instalou-se na comunidade de pesquisa sobre o Alzheimer na sexta-feira, depois que a empresa farmacêutica Biogen anunciou a suspensão - na fase final em humanos - dos testes com o fármaco …

Gerente de agência de viagens deixou 84 clientes em terra. Em tribunal, foi absolvida

Paula chegou a tribunal acusada de burla qualificada por ter deixado 84 clientes da agência de viagens que geria no Montijo com as férias ou viagens estragadas em agosto de 2016. Chegou a ser detida …

Italiana de 91 anos distinguida pelos seus feitos na II Guerra Mundial. Aos 17 anos, salvou 38 pessoas

Gabriella Ezra, de 91 anos, vai receber a Estrela de Itália. O Estado decidiu homenageá-la depois de a embaixada italiana em Inglaterra, onde Gabriella vive, ter recebido uma carta do filho, Mark, de 65 anos, …

Moscovo enviou dois aviões com soldados e armamento para a Venezuela

Duas aeronaves russas aterraram no aeroporto de Caracas, este sábado, trazendo 100 soldados e 35 toneladas de armamento. As tropas chegaram sob supervisão do chefe do comando principal das forças terrestres russas, Vasilly Tonkoshkurov. A chegada …