Gabriela foi morta pelo ex-marido e os colegas convocaram uma vigília por ela

European Parliament / Flickr

Gabriela Monteiro, de 46 anos, foi morta pelo seu ex-marido, junto ao Tribunal de Braga. O Theatro Circo, onde trabalhava há uma década, convocou uma vigília por ela.

O homem esfaqueou a mulher no peito e pescoço com uma navalha e, depois, entregou-se numa esquadra da PSP, dizendo que tinha ferido “a companheira com uma arma branca”, na Rua Professor Machado Vilela. Ainda foram acionados os meios de emergência, mas já só foi possível declarar o óbito.

“Viemos trabalhar de manhã e soubemos que a nossa colega tinha sido morta pelo ex-marido”, contou Paulo Brandão, diretor artístico do Theatro Circo, ao jornal Público. Ficaram todos em choque. Todos os dias a viam por ali a tratar de assuntos relacionados com a gestão quotidiana do teatro.

“Sempre muito simpática, disponível, prestável.” De acordo com os colegas, Gabriel tinha-se “separado há pouco” do homem com quem se casara havia “dois ou três anos”, mas poucos sabiam que era vítima de violência doméstica ou que era alvo de perseguição. Ninguém imaginava tal desfecho.

“Isto é uma coisa que nos afeta a todos”, salienta Paulo Brandão. “Temos 17 mulheres a trabalhar aqui. Somos uma estrutura de cultura, mas também uma instituição que quer marcar a diferença, que quer levar a sociedade a pensar.”

Ao Expresso, Cláudia Leite, administradora do Theatro Circo e amiga da vítima, conta que Gabriela Monteiro, que trabalhava na área da gestão, “tinha acabado de se divorciar e confidenciara com algumas colegas de trabalho que era alvo de alguma perseguição por parte do ex-marido, que procurava ainda uma reconciliação e insistia numa aproximação”. “Havia ainda uma obsessão”.

Na quinta-feira, as portas do teatro mantiveram-se fechadas. Em solidariedade, a Companhia de Teatro de Braga – CTB cancelou o espetáculo que estava agendado para essa noite. Pelas 21h30, realizou-se uma vigília em frente ao velho edifício. Quem ali trabalha quis prestar homenagem a “Gabriela e a todas as vítimas de qualquer tipo de violência doméstica”.

“Convidamos a cidade a juntar-se a nós, vestindo de branco e trazendo consigo uma flor”, lê-se num comunicado que emitiram à hora do almoço de quinta-feira, antes da vigília.

Gabriela deixa dois filhos de uma relação anterior. Há uma terceira criança envolvida, o filho do suspeito de homicídio, também de uma relação anterior.

O homem, funcionário da Bragaparques, de 47 anos, está detido e foi presente esta quinta-feira no Tribunal Judicial de Guimarães.

Segundo a Procuradoria-Geral da República, “o coordenador do grupo de trabalho para a definição de uma estratégia contra a violência doméstica tem efetuado uma monitorização permanente dos homicídios em contexto de violência doméstica”. Atendendo apenas a este ano, já há “indícios seguros de morte ocorrida em contexto de violência doméstica” de 21 pessoas do sexo feminino, incluindo uma criança, e seis do sexo masculino.

“Existem outros casos, designadamente com vítimas mulheres, que ainda não é possível assegurar com a necessária segurança que ocorreram em contexto de violência doméstica, aguarda-se que as investigações esclareçam os exactos contornos”, refere ainda o gabinete de imprensa do Ministério Público.

O número de queixas apresentadas nos postos da GNR e nas esquadras da PSP mantêm-se elevadas. Segundo o Relatório Anual de Monitorização de 2018, as forças de segurança registaram 26.432 participações de violência doméstica. Lisboa (5981), Porto (4614), Setúbal (2458), Aveiro (1804) e Braga (1801) foram os distritos com mais queixas.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

"Abusei da amizade". Santos Silva confessa que pediu ajuda a Sócrates num concurso público

O empresário Carlos Santos Silva confessou no primeiro dia de interrogatório com Ivo Rosa que chegou a sugerir ao antigo primeiro-ministro José Sócrates que o ajudasse num concurso público em que o Grupo Lena participou. De …

O Nepal proibiu, mas mulheres continuam a ser forçadas a dormir em "cabanas menstruais"

"Chaupadi" é uma tradição hindu, característica do Nepal, que força as mulheres a dormirem num abrigo quando estão menstruadas por serem consideradas impuras. Segundo o IFLScience, uma nova investigação mostra que 77% das raparigas que vivem …

O golo "doloroso" de Ansu Fati que fez dele o mais jovem jogador a marcar na Champions

Ansu Fati, avançado do Barcelona, tornou-se no mais jovem jogador de sempre a marcar um golo na Liga dos Campeões. Com 17 anos e 40 dias de idade, o espanhol faz mais uma vez história …

Almeida Henriques suspeito de receber avença enquanto esteve no Governo por favores a empresário

Almeida Henriques, antigo secretário de Estado Adjunto da Economia e Desenvolvimento Regional do Governo de Passos Coelho, e atual presidente da Câmara de Viseu, é suspeito de ter recebido dinheiro por favores ao empresário Agostinho …

Costa responde a Ventura: Programa do Governo não muda "semana sim semana não"

Recorrendo à ironia, o primeiro-ministro, António Costa, respondeu esta terça-feira ao deputado único do Chega, afirmando que o programa do Governo não muda "semana sim, semana não" consoante as críticas. No debate quinzenal na Assembleia da …

Pela primeira vez, porcos nascem com células de macaco (e morrem uma semana depois)

Pela primeira vez, cientistas chineses criaram pequenos leitões com órgãos que continham células de macaco. Os animais acabaram por morrer todos no espaço de uma semana. Os investigadores travam uma longa batalha para vir a desenvolver …

Iniciativa Liberal anuncia voto contra OE2020

O deputado único e presidente da Iniciativa Liberal (IL) anunciou esta terça-feira que o partido votará contra o Orçamento do Estado para 2020, depois de uma reunião com o Governo. "Este orçamento vai dar corpo ao …

Funcionários admitidos até 2005 podem perder férias se estiverem de baixa prolongada

Os funcionários públicos admitidos antes de 2006 e que estiverem de baixa por doença superior a 30 dias podem vir a perder dias de férias, segundo uma proposta do Governo ainda em negociação com os …

Tiroteio num supermercado em Nova Jersey faz seis mortos

As autoridades de Nova Jersey, nos Estados Unidos, informaram que o tiroteio registado num supermercado, esta terça-feira, causou seis mortos, entre os quais um polícia e dois suspeitos da autoria dos disparos. Os disparos foram ouvidos …

Atividade das amígdalas cerebelosas associada a comportamentos de bullying nos jovens

Certos padrões na atividade cerebral dos adolescentes, nomeadamente nas amígdalas cerebelosas, foi associada a comportamentos de bullying. Estes jovens revelaram ser menos empáticos perante rostos temerosos. O bullying é um problema social que afeta muitas crianças …