“Firenado” na Holanda: fogueira fora de controlo causa redemoinhos de fogo na praia

O vento forte que se fez sentir numa praia holandesa no primeiro dia do ano levou a que uma fogueira de grande dimensão saísse do controlo, originando vários redemoinhos de fogo que se espalharam pelo local.

Segundo o HuffPost, o incidente decorreu numa praia em Scheveningen, um distrito de Haia (Holanda), durante uma tradicional competição anual de véspera de Ano Novo, que junta a comunidade vizinha de Duindorp.

Nesta edição da competição, a fogueira feita com paletes de madeira velha alcançou quase 160 metros antes que o fogo ficasse descontrolado, levando à formação das ‘firenadoes’, também conhecidos como redemoinhos de fogo.

Embora ninguém tenha ficado ferido, as faíscas e as cinzas projetados pelo fogo, que ficou controlado por volta das 05:00, danificaram vários prédios.

De acordo com a NLTimes, a polícia de choque estive no local para controlar os espectadores, que dificultavam o trabalho dos bombeiros.

Em declarações à Euronews, a prefeita de Haia, Pauline Krikke, disse que seria aberta uma investigação sobre o ocorrido, acrescentando que o evento podia não continuar no futuro.

Os ‘firenadoes’, explicou a Live Science, são criados pelo ar quente e seco que sobe rapidamente do chão. Devido a isso, esses redemoinhos de fogo “têm mais em comum com furacões ou ‘dust devils’, que normalmente se formam em dias quentes e ensolarados, quando o solo aquece o ar nas proximidades”, esclareceu.

Também no dia 01 de janeiro o Dutch News avançou que quatro pessoas morreram durante as comemorações do Ano Novo na Holanda, duas das quais em acidentes com fogo de artifício.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Recandidatura de Trump arranca com despedimentos de responsáveis por sondagens negativas

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, apresenta esta terça-feira a sua recandidatura à Casa Branca pelo Partido Republicano, num comício que juntará 20 mil pessoas em Orlando, Flórida, e numa altura em que sondagens …

Atlético ganhou a corrida. João Félix vai para Madrid

João Félix deverá mesmo rumar ao Atlético de Madrid. Segundo escreve a imprensa desportiva esta terça-feira, os colchoneros adiantaram-se na corrida pelo avançado de 19 anos e estarão mesmo dispostos a bater a cláusula de …

Freira e Diocese de Fátima disputam imóveis de 5 milhões de euros

É uma "guerra" que corre pelos tribunais há 11 anos e que envolve um património imobiliário avaliado em 5 milhões de euros. Podia ser mais uma história comum de desaguisados na justiça, não fosse o …

Fim das taxas moderadoras custa mais de cem milhões de euros por ano

O diploma aprovado, na última semana, no Parlamento para acabar com a maioria das taxas moderadoras vai custar ao Estado mais de cem milhões de euros por ano. O projeto de lei do Bloco do Esquerda …

Tancos. Detetada discrepância na listagem de lança-granadas

O CDS alega diferenças entre as listas comunicadas pelo Exército e entregues pela Polícia Judiciária Militar ao Ministério Público e quer alterar relatório final sobre Tancos. O CDS alegou existir uma diferença de 80 lança-granadas …

Rio defende inocência de Álvaro Amaro e critica julgamentos na praça pública

O presidente do PSD defendeu esta segunda-feira, em Viana do Castelo, o respeito pelo princípio de presunção de inocência para todos os portugueses e criticou julgamentos "na praça pública", referindo-se ao processo que envolve o …

Campanha para ajudar Miguel Duarte já angariou mais de 30 mil euros

A campanha de crowdfunding para ajudar Miguel Duarte, acusado pela justiça italiana de auxílio à imigração ilegal, já angariou quase 30 mil euros. Para surpresa de Miguel Duarte, o objetivo inicial da campanha de crowdfunding lançada no …

Misteriosas ilhas artificiais na Escócia são mais antigas que Stonehenge

Arqueólogos da Universidade de Southampton, que trabalharam com colegas da Universidade de Reading e com o arqueólogo local Chris Murray, descobriram que alguns "crannogs" escoceses datam do período neolítico - muito mais antigos do que …

Greves da Soflusa e Transtejo desconvocadas

A secretária-geral e responsável pela comunicação da Soflusa, Margarida Perdigão, confirmou esta segunda-feira que as greves da empresa de transportes foram desconvocadas. As greves tinham início marcado para terça-feira. Os sindicatos assinaram um protocolo que vai …

ONG pede investigação sobre a morte do ex-presidente do Egito Mohamed Morsi

A organização não-governamental Human Rights Watch pediu uma investigação sobre o acesso à assistência médica e aos alegados maus tratos sofridos ao longo dos anos por parte do ex-presidente do Egito Mohamed Morsi, que morreu …