Filho de Biden quebra o silêncio. “Sei que não fiz nada errado”

O filho do ex-vice-Presidente norte-americano, que tem estado no centro do inquérito para a destituição de Donald Trump, admitiu que o seu percurso profissional na Ucrânia foi uma má decisão, rejeitando, porém, ter feito algo de errado.

“Cometi um erro com base em alguma falha ética? Absolutamente não”, declarou Hunter Biden numa entrevista à estação norte-americana ABC News, divulgada esta terça-feira, rejeitando as suspeitas de corrupção lançadas contra si pelo Presidente Donald Trump e por membros do Partido Republicano.

“Em retrospetiva, acho que existiu um mau julgamento da minha parte”, prosseguiu, reforçando: “Eu sei que não fiz nada errado, mas foi uma má avaliação estar no meio de algo que é um pântano em várias maneiras”.

Na entrevista à estação norte-americana, o filho do ex-vice-Presidente, cujo percurso profissional também tem passado pela China, admitiu igualmente não ter avaliado devidamente as possíveis implicações da sua atividade profissional no estrangeiro na carreira política do seu pai.

Joe Biden encontra-se agora a disputar a corrida para a candidatura democrata para as Presidenciais de 2020 e é encarado como o favorito para a nomeação.

Ainda nesta entrevista, que marca o fim do seu silêncio, Hunter Biden reconheceu o peso do seu apelido e como este influenciou provavelmente a sua carreira em empresas no estrangeiro, onde tem ocupado cargos diretivos.

No domingo passado, através de um comunicado divulgado pelo seu advogado, Hunter Biden assumiu o compromisso de deixar de trabalhar para empresas estrangeiras caso o seu pai seja eleito Presidente nas eleições de 2020.

Donald Trump e membros do Partido Republicano têm levantado suspeitas de corrupção contra Hunter Biden, que fez parte do conselho de administração de uma empresa ucraniana de gás (Burisma), entre 2014 e o corrente ano.

Num telefonema realizado em meados de julho, Trump terá pedido e incentivado o seu homólogo da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, a avançar com uma investigação a Hunter Biden.

A divulgação desta informação, através de um denunciante, e as suspeitas então levantadas em redor do líder norte-americano levaram a que a presidente da Câmara dos Representantes, a democrata Nancy Pelosi, anunciasse, a 24 de setembro, que aquela câmara ia dar início a um inquérito parlamentar com vista a um processo de destituição de Trump.

Em reação, Trump, que também acusou Joe Biden de ter utilizado o seu poder político durante a sua vice-presidência para proteger o filho, tem apelidado o inquérito de destituição como uma “caça às bruxas”. Na entrevista à ABC News, Hunter Biden garantiu ainda que nunca discutiu os seus negócios com o pai.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Miguel Morgado desiste de se candidatar à liderança do PSD

O ex-adjunto de Pedro Passos Coelho anunciou, esta sexta-feira, que desistiu de avançar com a sua candidatura para liderar o PSD. Miguel Morgado anunciou, esta sexta-feira, através do Facebook, que "não foi infelizmente possível no presente …

Merkel fará a sua primeira visita ao antigo campo de concentração de Auschwitz

A chanceler alemã, Angela Merkel, pretende visitar o antigo campo de concentração nazi de Auschwitz na Polónia, pela primeira vez nos seus 14 anos no cargo, anunciou na quinta-feira um jornal de Munique. Segundo Sueddeutsche Zeitung, …

Bebé encontrado no lixo já está com uma família de acolhimento

O bebé encontrado num ecoponto, no início do mês, e que esteve até quinta-feira hospitalizado, já está com uma família de acolhimento, informou a Santa da Misericórdia de Lisboa esta sexta-feira. A instituição refere numa nota …

Fisco vai controlar declarações de IRS de beneficiários do programa "Regressar"

A Autoridade Tributária e Aduaneira vai desenvolver mecanismos para verificar se os contribuintes abrangidos pelo regime fiscal do programa "Regressar" reúnem as condições exigidas, prevendo-se que parte desse controlo ocorra com a entrega da declaração …

Greta Thunberg vai de Lisboa a Madrid num carro elétrico emprestado por Espanha

A Junta da Extremadura, região espanhola, disponibilizou um carro elétrico à jovem ativista sueca Greta Thunberg para que possa viajar de Lisboa para Madrid para assistir à Cimeira do Clima respeitando o meio ambiente, adiantou …

Enfermeiros garantem voltar à luta com os 200 mil que sobraram do crowdfunding

Os enfermeiros, que no ano passado iniciaram o "Movimento Greve Cirúrgica", pretendem voltar às ações de protestos com os cerca de 200 mil euros que restaram da campanha de crowdfunding. A intenção é revelada por …

OCDE: Nova crise pode tirar metade do rendimento às famílias portuguesas

Uma nova crise económica e financeira a nível global pode ter efeitos dramáticos para as famílias portuguesas, levando à perda de metade dos seus rendimentos. Esta é a previsão da Organização para a Cooperação e …

O cofre da rica mãe, heranças às dúzias e a vida "sem luxos". O que Sócrates disse a Ivo Rosa

Foram cerca de 20 horas de interrogatório no âmbito da Operação Marquês, em que José Sócrates manteve, perante o juiz Ivo Rosa, a versão de que as avultadas quantias de dinheiro que gastou nos últimos …

Associados podem ser chamados a resolver "buraco" do Montepio

Os cerca de 630 mil associados e pensionistas da Associação Mutualista Montepio Geral correm o risco de virem a ser chamados para resolver as perdas da instituição financeira, escreve o jornal Público. De acordo com o …

Bolívia divulga vídeo que sugere que Morales incitou bloqueios à entrada de alimentos

Arturo Murillo, ministro do Governo da Bolívia, divulgou na manhã de quarta-feira um vídeo que sugere que o antigo presidente do país, Evo Morales, incitou os bloqueios à entrada de alimentos que fragiliza o país. Os …