/

FC Porto “forçado” a vender jogadores em janeiro

visitporto / Flickr

Estádio do Dragão

O FC Porto poderá ser “obrigado” a vender jogadores em janeiro para fazer face ao investimento feito no mercado de verão. Alex Telles, Danilo ou Soares são alguns dos jogadores que poderão ter que sair.

Conta o desportivo A Bola que os dragões vão tornar público em breve o Relatório e Contas relativo ao período de 1 de julho de 2018 a 30 de junho de 2019.

O FC Porto vai apresentar um valor positivo de 20 milhões de euros, três anos depois de somar prejuízos consecutivos. Ainda assim, observa a imprensa desportiva, os dragões poderão ter que vender jogadores devido ao investimento feito no verão e à saída precoce da Liga dos Campeões à terceira pré-eliminatória da prova.

Na época passada, recorde-se, os dragões conseguiram recuperar economicamente devido à boa campanha europeia, bem como devido às vendas de Éder Militão, que saiu para o Real Madrid por 50 milhões, e Felipe, que saiu para o Atlético num negócio de 20 milhões.

O FC Porto consegui na época 2018/2019 chegar aos quartos de final da liga milionária, encaixando 78,44 milhões de euros, sem a receita proveniente do Market Pool.

Esta temporada, e no melhor dos cenários, isto é, se chegarem à final da Liga Europa, poderão encaixar 25 milhões de euros. 

No verão, o FC Porto investiu 60 milhões de euros em contratações.

 

Alex Telles, Danilo ou Soares são alguns dos jogadores portistas que poderão ter que deixar o FC Porto para equilibrar as contas da SAD dos dragões.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE