Facebook foi crucial no possível genocídio dos rohingya

Investigadores das Nações Unidas acusam o facebook de ter desempenhado um papel importante no possível genocídio em Myanmar ao disseminar o discurso de ódio.

O enviado especial das Nações Unidas para os direitos humanos na região considerou, no início do mês passado, que as operações violentas dos militares contra os muçulmanos de origem rohingya têm “características de  genocídio“.

O Facebook ainda não reagiu às críticas feitas esta segunda-feira. No passado, a rede social já procedeu à remoção de comentários que incentivavam ao ódio em Myanmar e proibiu os utilizadores da rede social de o espalhar.

Mais de 650 mil muçulmanos Rohingya fugiram do estado de Rakhine de Myanmar para Bangladesh, desde agosto passado. Muitos forneceram testemunhos angustiantes de assassinatos e violações cometidos pelas forças de segurança de Myanmar.

De acordo com o The Guardian, também o responsável máximo dos Direitos Humanos da ONU disse, na semana passada, que suspeitava fortemente da ocorrência de atos de genocídio. O assessor de segurança nacional de Myanmar exigiu “evidências claras“.

Marzuki Darusman, presidente da Missão Internacional Independente de Pesquisa de Fatos da ONU em Myanmar disse aos jornalistas que as redes sociais desempenhavam um “papel determinante” na região.

“O facebook contribuiu substancialmente para o nível de acrimónia e dissensão e conflito entre o público. O discurso de ódio é certamente uma parte disso”, afirmou Darusman.

O investigador da ONU, Yanghee Lee, disse ainda que o Facebook era uma grande parte da vida pública, civil e privada em Myanmar, e que o governo usou a rede social para divulgar informações. “Tudo é feito através do Facebook em Myanmar”, acrescentou Lee.

“Foi usado para transmitir mensagens públicas, mas sabemos que os budistas ultranacionalistas têm seus próprios Facebooks e estão realmente incitando muita violência e muito ódio contra os Rohingya e outras minorias étnicas”, disse.

“Tenho medo de que o Facebook se tenha transformado numa besta, e não naquilo que que pretendia ser originalmente”.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Marcelo Rebelo de Sousa promulgou a nova lei da paridade (mas com alguns parêntesis)

O Presidente da República promulgou a nova Lei da Paridade. A lei estabelece que as listas para a Assembleia da República, para o Parlamento Europeu e para as autarquias locais têm de assegurar a representação …

Cientistas descobrem o que provocou três eras glaciais na Terra

Cientistas estadunidenses calcularam que um evento geológico repetido deu origem às três últimas eras glaciais no nosso planeta, a última das quais ainda mantém o seu gelo nas regiões polares. Segundo a revista Science, a responsável …

A Terra pode guardar um Oumuamua no seu interior

Uma parte da terra que pisamos poderia vir, literalmente, de outras regiões da galáxia - áreas muito distantes do local onde o planeta está localizado e que para chegar até aqui teriam que viajar anos-luz …

Há um planeta mais próximo da Terra do que Vénus

A partir do Sol, a ordem dos primeiros planetas começa com Mercúrio, depois Vénus e depois a Terra. Então, Vénus é o planeta mais próximo do nosso? A resposta é: depende. Uma equipa de cientistas acaba …

O fim das consolas está à vista. Google lança serviço de videojogos na "nuvem"

A Google apresentou o seu novo serviço de jogos na "nuvem", Stadia, na Game Developers Conference (GDC), em São Francisco. O serviço não precisa de nenhuma consola e pode ser jogado em qualquer plataforma. O CEO …

Câmaras escondidas em hotéis filmavam hóspedes sem consentimento

O escândalo foi revelado na Coreia do Sul, onde dois homens foram presos por esconder câmaras em hotéis, que transmitiam as imagens em direto para um site, onde havia quem pagasse dinheiro para ver as …

Mesquita Nunes quer ser feliz (e que haja espaço nos partidos para quem tem vida profissional)

Adolfo Mesquita Nunes defende que "tem de haver espaço nos partidos para quem tem vida profissional". O antigo vice-presidente do CDS/PP apresentou a sua demissão do partido para assumir funções na administração da Galp. "Tem a …

Finlandeses são o povo mais feliz do mundo

A Finlândia lidera, pelo segundo ano consecutivo, um ranking da ONU das populações mais felizes, onde os investigadores dizem que os níveis de felicidade no mundo estão a diminuir. O Relatório Mundial sobre a Felicidade de …

Condenado por homicídio com provas semeadas pela Polícia vai receber 13 milhões de dólares

O Conselho de Supervisores de San Francisco, nos Estados Unidos (EUA), aprovou na terça-feira uma indemnização de 13,1 milhões de dólares (cerca de 11,5 milhões de euros) a um homem que passou mais de seis …

Manhattan vai crescer para se proteger das mudanças climáticas

O responsável de Manhattan, Bill de Blasio, anunciou o seu plano de expandir o litoral de Manhattan até o East River para proteger a parte baixa de Manhattan, centro dos mercados financeiros da cidade, dos …