Exploração de petróleo é “declaração de guerra” contra Algarve e Alentejo

Autarcas do Algarve e do Baixo Alentejo, associações empresariais e ambientalistas exigem ao Governo que acabe de imediato com o furo de prospecção de petróleo, no mar de Aljezur. Caso não o faça, é uma “declaração de guerra” à região, afirmam.

Cerca de 30 entidades, entre autarquias algarvias e alentejanas, associações empresariais e movimentos ambientalistas, assinaram uma moção contra a pesquisa e a exploração de petróleo do consórcio ENI/Galp, que foi prolongada pelo Governo há cerca de um mês e meio.

Esta posição vai ser enviada aos ministros do Ambiente e da Economia, a par da solicitação de uma reunião de emergência com o primeiro-ministro.

“Se o Governo não ceder será uma guerra ao Algarve”, considera a presidente de Lagos, Maria Joaquina Matos, citada pelo Expresso.

“Avançar com a pesquisa e exploração de petróleo é uma decisão que vai contra o tempo em que vivemos e que é de aposta nas energias limpas e renováveis“, acrescenta a autarca.

Também o presidente da Câmara de Aljezur, José Amarelinho, diz ao jornal que tem “a convicção de que o Governo vai recuar”. O autarca critica ainda o “jogo da batata quente” entre a Secretaria de Estado da Energia e o Ministério do Ambiente neste processo.

Na moção mencionada acima, os autarcas realçam o parecer unânime dado pelos municípios contra o furo, exigindo que o Governo “respeite a decisão das autarquias”, ao contrário do que fez relativamente à “opinião dos mais de 40.000 cidadãos que se pronunciaram” contra na consulta pública efectuada.

ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Esta o caldo entornado, se for descoberto petroleo, vao ser criados novos postos de trabalho, o que nao interessa aos parasitas do alentejo e algarve que vivem de subsidios!!!!!!!

    Oh porra, Maria la vamos de tere de trabalhari!

    • Deves viver noutro planeta, já pensaste que os parasitas do Algarve são esses ditos tugalhóides, com cabeça de subsídio ou mama…??? O povo do Algarve é trabalhador e honesto, falta ao respeito aos teus conterrâneos… se faz favor—. Certamente que indivíduos como tu são indesejáveis por estes lados…

    • Deves estar atoa só podes.. desde quando que alentejano e algarvio é preguiçoso? É no algarve que sai uma grande percentagem de dinheiro todos os anos para gastarem centro e norte de portugal. Esquecendo que nos algarvios existimos e que é do nosso suor sim, do nosso que voces tem regalias.
      Por isso seja menos ignorante sff.

  2. Sou imigrante; porque imigrei . Falta de opção . Os nossos governantes , continuam querendo o atraso do nosso país . Isso é vergonhoso . Toda a nação, exploram os seus recursos. A espanha não explora o seu petróleo . Me fala .Tem menos turistas que portugal. Vamos deixar de atraso .Vamos tirar a gravata , e mãos á obra , criem riqueza , esse não não não fica muito mal

  3. Autarcas do Algarve e do Baixo Alentejo, associações empresariais e ambientalistas exigem ao Governo que acabe de imediato com o furo de prospecção de petróleo.
    estes gajos falam mas decerteza que vão reclamar e chegam de carro a diesel ou gasolina!
    e no caso que no norte do pais da extracão do níquel para as baterias , é poluente, mas se assim não for, esses que deem o exemplo, abatam os carros e que andem de bicicleta!
    apenas se devem tomar medidas para poluir o minimo possivel na extracão
    atrazador mentais!

RESPONDER

Bruno de Carvalho suspeito de tirar meio milhão de euros ao Sporting

Duas avultadas transferências de dinheiro, que saíram do Sporting a 24 de junho, estão sob suspeita. Estão em causa cerca de meio milhão de euros que terão sido pagos a duas construtoras. Não se sabe exatamente …

Bombeiros não informaram Proteção Civil de 50% das ocorrências

O corte de relações entre os bombeiros voluntários e a Proteção Civil está a fazer-se sentir. Os bombeiros não informaram a Proteção Civil de 50% das ocorrências no país. A Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC) …

Funcionários públicos que continuem no ativo depois dos 70 não vão perder dinheiro

Os trabalhadores da Função Pública com mais de 70 anos que queiram continuar a trabalhar e, que para isso tenham a autorização do Estado, vão passar a receber, além do salário a que têm direito, …

Viagens podem obrigar deputados a entregar novas declarações de rendimentos

Os deputados podem ter de alterar as declarações de rendimentos para incluírem o reembolso das despesas de transporte como “rendimentos do trabalho”. A notícia foi avançada esta manhã pelo Diário de Notícias e surge depois de, …

Portugal já não deve ao FMI. Pagamento antecipado poupa 100 milhões de euros

O ministro das Finanças, Mário Centeno, anunciou que Portugal concretiza esta segunda-feira o pagamento do total da dívida ao Fundo Monetário Internacional (FMI), com a liquidação de 4,7 mil milhões de euros. Numa conferência de imprensa …

37% dos portugueses rezam diariamente. Somos o 9º país mais religioso da Europa

Portugal é um dos países mais religiosos da Europa, ocupando a nona posição, à frente de Itália (13.º) e de Espanha (16.º), com 44% da população a afirmar a sua crença absoluta em Deus. Estes dados …

Rui Rio acusa Governo de discriminação salarial

O presidente do PSD, Rui Rio, disse esta segunda-feira não compreender a proposta do Governo, que determina um salário mínimo diferente para o público e para o privado, defendendo que não deve haver discriminações. "Não compreendo. …

China e EUA discutem calendário de negociações para acabar com guerra comercial

O breve comunicado de Pequim indica que foi discutido "o calendário das próximas consultas económicas e comerciais", sem precisar, no entanto, onde e quando terão lugar. Negociadores chineses e norte-americanos discutiram por telefone um calendário de …

Sindicatos voltam ao Ministério das Finanças para discutir aumentos salariais

Os aumentos salariais na função Pública são esta terça-feira de novo discutidos entre as estruturas sindicais do sector e a secretária de Estado da Administração Pública, Maria de Fátima Fonseca. A Frente Comum de Sindicatos da …

Brexit. Juncker garante que "não há qualquer espaço" para renegociação

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, garantiu esta terça-feira no Parlamento Europeu que o texto do acordo de saída do Reino Unido da União Europeia (UE) não vai ser renegociado. "Estou espantado, porque chegámos a …