Exército norte-americano usou fundos de emergência covid-19 para comprar armas

O exército dos Estados Unidos utilizou fundos de emergência aprovados pelo Congresso especificamente para combater a covid-19 para comprar armas, denuncia esta semana o jornal norte-americano The Washington Post.

O caso remonta a março passado, quando o Congresso dos Estados Unidos alocou um fundo de emergência de mil milhões de dólares ao Pentágono, direcionando-o especificamente para reforçar equipamentos e suprimentos médicos para o país.

O exército canalizou, contudo, milhões de dólares deste fundo de emergência para comprar peças para satélites, armas, drones e outros equipamentos militares.

Questionado sobre a utilização do dinheiro, um porta-voz do Pentágono justificou ao diário: “A segurança económica e nacional estão intimamente relacionadas”.

Contudo, e segundo o jornal, muitas das empresas contratadas pelo Pentágono tinham já recebido pagamentos com outros fundos oriundos de programas de emergência para a pandemia. Além disso, centenas de milhões de dólares foram para grandes grandes empreiteiras como a General Electric, que permaneceu estável durante este período.

A notícia do jornal norte-americano surge na mesma altura em que o diretor do CDC, Robert Redfield, defende que há várias áreas de combate à covid-19 que permanente subfinanciadas, referindo-se por exemplo, à escassez nacional de máscaras N95.

O Presidente dos Estados Unidos disse esta terça-feira que que evitou o cenário dos Estados Unidos registarem mais de dois milhões de mortos por covid-19 e culpou a China por “deixar a praga escapar”. Questionado sobre as 200 mil mortes causadas pela pandemia no país, superadas na terça-feira, Donald Trump disse que “é uma pena”.

“Acho que fizemos a coisa certa e fizemos bem. Teríamos dois milhões e meio de mortes ou algo assim (…). Teríamos um número que seria bem maior (…) Poderíamos ter dois, dois e meio ou três milhões”, acrescentou o governante.

Os Estados Unidos ultrapassaram as 200 mil mortes por covid-19 na terça-feira e elevaram o total de casos para 6,89 milhões, de acordo com a contagem independente da Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos.

“A China deveria tê-lo detido [o coronavírus] na sua fronteira. Não deviam tê-lo deixado espalhar-se pelo mundo e isso é terrível”, acrescentou Trump, que expressou orgulho por ter ordenado rapidamente o fecho das fronteiras a cidadãos chineses, algo que no entanto, não serviu para impedir a disseminação do coronavírus no país.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Uma boa medida para derrotar o covid! Possivelmente até já aprenderam com os portugueses que quando recebem dinheiro para desenvolver agricultura ou indústria aproveitam e compram apartamentos na praia ou um carro de alta gama.

Covid-19. Portugal com mais 79 mortos e 4.935 novos casos de infeção

Portugal contabiliza esta sexta-feira mais 79 mortos relacionados com a covid-19 e 4.935 novos casos de infeção com o novo coronavírus, segundo o mais recente boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Desde o início da …

Confinamento ao fim de semana é pouco eficaz, diz estudo

Um novo estudo avaliou as medidas aplicadas em Portugal contra a covid-19, e chegou à conclusão que o impacto da inibição de circulação entre concelhos não é assim tão eficaz. Pelo contrário, optar pelo ensino …

Ação liderada por Ana Gomes reclama indemnização de 400 milhões à Mastercard

Uma associação de defesa de consumidores liderada por Ana Gomes, candidata à Presidência da República, entregou no Tribunal da Concorrência uma ação popular que visa indemnizar todos os consumidores portugueses por práticas lesivas da Mastercard, …

Prémio para profissionais de saúde. Dias de isolamento e doença também contam para receber compensação

O prémio de desempenho para profissionais de saúde do Serviço Nacional de Saúde (SNS) que trabalharam no combate à covid-19 na primeira vaga da pandemia foi publicado esta sexta-feira em Diário da República. "O diploma vem …

Injeção no Novo Banco sem Retificativo? Especialistas levantam dúvidas

O Governo diz conseguir fazer a injeção no Novo Banco sem recurso a um Orçamento Retificativo no próximo ano, mas especialistas em finanças públicas consultados pelo ECO duvidam. Tanto António Costa como João Leão dizem que …

Tudo pronto para Marcelo anunciar recandidatura. Mas recolha de assinaturas está a ser dificultada

Marcelo Rebelo de Sousa já tem o discurso escrito e o local escolhido, mas é improvável que o anúncio da recandidatura avance esta semana. De acordo com o Público, Marcelo Rebelo de Sousa está preparado para …

Biden vai pedir aos norte-americanos 100 dias com máscara (e convida Fauci para a sua equipa)

O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, anunciou esta quinta-feira que vai pedir aos americanos para usarem máscaras faciais durante 100 dias para ajudar a reduzir a disseminação de covid-19 no país. "Vou pedir às …

PSD ataca o Congresso, PCP as Festas Nicolinas. Tudo pelo cumprimento das regras anticovid

Esta quinta-feira, o PSD e o PCP trocaram farpas sobre o cumprimento das regras impostas pela pandemia no Congresso dos comunistas e nas Festas Nicolinas de Guimarães. João Oliveira, líder parlamentar do PCP, defendeu a opção …

"Um péssimo orçamento". Teodora Cardoso arrasa OE2021 e realça "os estragos" que provoca

A antiga presidente do Conselho das Finanças Públicas, Teodora Cardoso, critica duramente o Orçamento de Estado para 2021 (OE2021) aprovado no Parlamento, considerando que é "péssimo" e apontando "os riscos" que acarreta. "Este é, a todos …

Vacina da Moderna confere imunidade de pelo menos três meses

Um novo estudo publicado esta quinta- feira, mostra que a vacina da Moderna contra a covid-19, que recentemente demonstrou ter 94 por cento de eficácia, faz com que o sistema imunológico humano produza anticorpos que …