//

Eva Braun, a companheira de Hitler, tinha antepassados judeus

2

Bundesarchiv, B 145 Bild-F051673-0059 / CC-BY-SA / Wikimedia

-

Um documentário do canal britânico Channel 4 assegura que Eva Braun, que foi durante 15 anos companheira de Adolf Hitler e sua mulher nos últimos momentos das suas vidas, tinha antepassados judeus.

O programa “Dead Famous DNA”, que será emitido na quarta-feira no Reino Unido, tem por base um cabelo que alegadamente pertenceu a Braun, no qual foi encontrado um fragmento de ADN transmitido pela linha maternal – o haplogrupo N1b1 – associado aos judeus asquenazim, de origem europeia.

O fio de cabelo provém de uma escova recolhida por um oficial do exército americano em 1945 da residência alpina de Berghof (Alemanha), onde Eva Braun, 23 anos mais nova do que Hitler, passava longas temporadas.

Durante a Segunda Guerra Mundial, Hitler foi responsável pelo plano de extermínio sistemático dos judeus que os nazis chamaram de “solução final” e com o qual mataram seis milhões de pessoas.

No final da guerra, Hitler e Braun refugiaram-se num bunker em Berlim – demolido em 1987 – onde passaram os seus últimos dias de vida.

A 29 de abril de 1945 Hitler contraiu matrimónio com Braun, e no dia seguinte, ambos suicidaram-se no interior do bunker.

A análise de DNA do suposto cabelo de Braun “é um resultado que chama à reflexão”, afirmou Mark Evans, apresentador do programa do “Channel 4”, que em projetos anteriores aprofundou os segredos genéticos de personagens como o imperador francês Napoleão Bonaparte, o cantor Elvis Presley e o ex-presidente dos Estados Unidos, John Fitzgerald Kennedy.

/Lusa

2 Comments

  1. Os judeus asquenazim são de origem europeia? E pensava eu que os judeus tinha origem na Palestina…
    Pensava eu pensavam os historiadores, mas o ZAP fez uma descoberta que vai fazer abanar os alicerces da História tal como a conhecemos! Um grupo de judeus de origem europeia, é de rir.
    Que lhes posso dizer? O mesmo que os meus professores da primária e do liceu: leiam! Leiam muito! Cultivem-se e pensem ouco antes de escreverem afirmações tão absurdas.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE