Estados Unidos ameaçam Europa com mais taxas alfandegárias

David Maxwell / EPA

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump

Esta segunda-feira, os Estados Unidos ameaçaram penalizar com taxas alfandegárias mais elevadas 11 mil milhões de dólares de importações provenientes da União Europeia.

Numa retaliação ao que Washington diz serem os apoios públicos ilegais dados pela Europa à construtora aeronáutica Airbus, os Estados Unidos ameaçaram, esta segunda-feira à noite, penalizar com taxas alfandegárias mais elevadas 11 mil milhões de dólares de importações provenientes da União Europeia.

O anúncio foi feito na véspera de um encontro de alto nível em Bruxelas entre a União Europeia e a China, em que o comércio internacional será o tema em cima da mesa, com os mercados ainda à espera que a China e os Estados Unidos cheguem a um acordo que reduza o risco de uma guerra comercial.

Robert Lighthizer, representante norte-americano para o comércio internacional, anunciou que irá dar início a um processo na Organização Mundial do Comércio contra a União Europeia de retaliação contra as ajudas públicas dadas à Airbus e que causaram “efeitos adversos aos Estados Unidos”.

Na lista de produtos que constituem 11 mil milhões de dólares das importações norte-americanas provenientes da União Europeia estão bens relacionados com a indústria aeroespacial (aviões, helicópteros e suas componentes) e diversos produtos alimentares (vinhos, azeites e queijos).

Segundo o Público, as discussões entre os EUA e a UE sobre as ajudas à indústria aeroespacial duram já há 14 anos. Os Estados Unidos queixam-se dos subsídios concedidos pelos países europeus à Airbus e a UE queixa-se das ajudas recebidas pela Boeing por via de benefícios fiscais nos EUA.

Ambas as partes abriram processos na Organização Mundial do Comércio, tendo-se vindo a assistir a longas discussões, sem que se tenha chegado a conclusões definitivas. Até hoje, altura em que, segundo Lighthizer, “chegou o tempo da ação”.

Segundo o representante, o objetivo dos EUA é “chegar a acordo com a UE“, acabando “com todos os subsídios inconsistentes com as regras da OMC”. “Quando a UE acabar com estes subsídios, as taxas alfandegárias adicionais impostas podem ser levantadas.”

Se estas sanções económicas avançarem, Portugal poderá vir a sr prejudicado, já que os Estados Unidos são o principal parceiro comercial português fora da União Europeia e o quinto a nível global, com as exportações nacionais a cresceram de 3,4 mil milhões de euros em 2013 para 4,66 mil milhões de euros em 2017, o que representa um aumento de 8,6% em cinco anos, adianta o Dinheiro Vivo.

As maiores empresas nacionais exportadoras para os EUA são a Amorim, Petróleos de Portugal, Bosch, Browning Viana, Continental, Hovione, IKEA Portugal, Navigator e Netsjets Transportes Aéreos. Entre os maiores investidores nacionais no mercado norte-americano estão a EDP Renováveis, Hovione, grupo Amorim, Portucel e o grupo Pestana.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Os Estados Unidos são o principal parceiro comercial português fora da União Europeia e o quinto a nível global, mas…onde está o dinheiro? A maioria das famílias portuguesas continua pobre! Às tantas não precisamos assim tanto dos Americanos como se possa pensar, afinal pobre é pobre, e Portugal irá continuar um dos Países mais pobres da Europa, não estou a ver isso mudar tão depressa pois é uma questão cultural.

  2. Venham lá essas taxas, ontem já era tarde. Assim pode ser que a UE Aprenda a não ser subserviente e cãozinho amestrado dos EUA. Está na altura de a UE romper de vez com os EUA, e pode inclusive dizer aos EUA que retire todos os militares e material de guerra da UE. ONtem já era tarde. Mas nós cidades eleitores europeus podemos acelerar a sua retirada ao votar nas europeias em partidos anti NATO. Eu voto.

RESPONDER

Confinamento ao fim de semana é pouco eficaz, diz estudo

Um novo estudo avaliou as medidas aplicadas em Portugal contra a covid-19, e chegou à conclusão que o impacto da inibição de circulação entre concelhos não é assim tão eficaz. Pelo contrário, optar pelo ensino …

Ação liderada por Ana Gomes reclama indemnização de 400 milhões à Mastercard

Uma associação de defesa de consumidores liderada por Ana Gomes, candidata à Presidência da República, entregou no Tribunal da Concorrência uma ação popular que visa indemnizar todos os consumidores portugueses por práticas lesivas da Mastercard, …

Prémio para profissionais de saúde. Dias de isolamento e doença também contam para receber compensação

O prémio de desempenho para profissionais de saúde do Serviço Nacional de Saúde (SNS) que trabalharam no combate à covid-19 na primeira vaga da pandemia foi publicado esta sexta-feira em Diário da República. "O diploma vem …

Injeção no Novo Banco sem Retificativo? Especialistas levantam dúvidas

O Governo diz conseguir fazer a injeção no Novo Banco sem recurso a um Orçamento Retificativo no próximo ano, mas especialistas em finanças públicas consultados pelo ECO duvidam. Tanto António Costa como João Leão dizem que …

Tudo pronto para Marcelo anunciar recandidatura. Mas recolha de assinaturas está a ser dificultada

Marcelo Rebelo de Sousa já tem o discurso escrito e o local escolhido, mas é improvável que o anúncio da recandidatura avance esta semana. De acordo com o Público, Marcelo Rebelo de Sousa está preparado para …

Biden vai pedir aos norte-americanos 100 dias com máscara (e convida Fauci para a sua equipa)

O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, anunciou esta quinta-feira que vai pedir aos americanos para usarem máscaras faciais durante 100 dias para ajudar a reduzir a disseminação de covid-19 no país. "Vou pedir às …

PSD ataca o Congresso, PCP as Festas Nicolinas. Tudo pelo cumprimento das regras anticovid

Esta quinta-feira, o PSD e o PCP trocaram farpas sobre o cumprimento das regras impostas pela pandemia no Congresso dos comunistas e nas Festas Nicolinas de Guimarães. João Oliveira, líder parlamentar do PCP, defendeu a opção …

"Um péssimo orçamento". Teodora Cardoso arrasa OE2021 e realça "os estragos" que provoca

A antiga presidente do Conselho das Finanças Públicas, Teodora Cardoso, critica duramente o Orçamento de Estado para 2021 (OE2021) aprovado no Parlamento, considerando que é "péssimo" e apontando "os riscos" que acarreta. "Este é, a todos …

Vacina da Moderna confere imunidade de pelo menos três meses

Um novo estudo publicado esta quinta- feira, mostra que a vacina da Moderna contra a covid-19, que recentemente demonstrou ter 94 por cento de eficácia, faz com que o sistema imunológico humano produza anticorpos que …

Ljubomir Stanisic acusado de corromper polícia com garrafas para furar confinamento

O chef Ljubomir Stanisic, um dos empresários da restauração que esteve em greve de fome durante sete dias, está a ser acusado pelo Ministério Público (MP) de ter corrompido um agente da PSP para poder …