EUA abre processo contra a Google por monopólio ilegal e anticoncorrência

O Departamento de Justiça norte-americano entrou esta terça-feira com uma ação judicial contra a Google por violar leis antitrust, alegando monopólio ilegal dos mercados de publicidade e de buscas na Internet, prejudicando consumidores e concorrência.

“A Google é a porta de entrada para a internet e um gigante da publicidade em buscas”, disse o procurador-geral adjunto dos Estados Unidos, Jeffrey Rosen, numa conferência de imprensa, citado pela agência AP.

Segundo Jeffrey Rosen, a Google “manteve seu poder de monopólio através de práticas excludentes que são prejudiciais à concorrência”.

Os casos antitrust (relacionados com práticas de monopólio) na indústria de tecnologia precisam de avançar rapidamente, defendeu o procurador-geral adjunto, acrescentando que se isso não acontecer, há risco de se perder “a próxima onda de inovação”.

Esta ação antitrust contra a Google é a mais significativa em pelo menos duas décadas.

O procurador-geral adjunto do Departamento de Justiça explicou que o processo indica que a Google apoia o seu papel de “principal guardião do acesso” à Internet através de “uma rede ilegal de acordos exclusivos que prejudica concorrentes”, avança a agência EFE.

Entre eles, o responsável citou o pagamento de milhões de dólares à Apple para colocar o motor de busca da Google como o básico nos iPhones e a proibição de integrar motores de concorrentes através de contratos especiais.

A Google respondeu na rede social Twitter, afirmando que “o processo judicial do Departamento de Justiça é profundamente fraco”. “As pessoas usam o Google porque querem – não porque são forçadas ou porque não conseguem encontrar alternativas”, afirmou a empresa.

O gigante da tecnologia com sede em Mountain View, Califórnia, uma subsidiária da Alphabet, controla cerca de 80% das pesquisas na Internet nos Estados Unidos.

Nos últimos anos, os gigantes da tecnologia têm enfrentado críticas de diferentes governos e blocos, como a União Europeia (UE), devido ao grande poder que acumulam, aos benefícios exorbitantes que obtêm e aos baixos impostos que pagam.

Outros grandes conglomerados digitais como Facebook, Apple ou Amazon estão sob investigação de reguladores e legisladores, preocupados com possíveis casos de abuso de poder.

Com a transformação da Google num dos gigantes da tecnologia, a empresa tem sido seguida de perto pelas autoridades dos Estados Unidos, e a Comissão Federal de Comércio do país, que também tem autoridade para investigar casos de monopólio, já realizou investigações em torno da Google, embora tenha encerrado em 2013 sem provas suficientes.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Mais um ataque a uma empresa simplesmente porque é extremamente bem sucedida, tal como foi feito com a Microsoft.

    “As pessoas usam o Google porque querem – não porque são forçadas ou porque não conseguem encontrar alternativas” – esta é a questão. Não existe qualquer monopólio.

    “o responsável citou o pagamento de milhões de dólares à Apple para colocar o motor de busca da Google como o básico nos iPhones” – qual a diferença entre isto e uma empresa pagar ao Continente para que os seus produtos tenham um posicionamento preferencial na loja?

RESPONDER

"Guerra das matrículas" faz escalar tensão entre Sérvia e Kosovo

Esta semana, a fronteira entre o norte do Kosovo e a Sérvia esteve bloqueada por protestos de elementos da etnia sérvia, que não aceitam a decisão do governo kosovar, de etnia albanesa, de proibir a …

Num golpe de "fake it until you make it", Hong Kong vai a eleições a saber o vencedor

Hong Kong prepara-se para as primeiras eleições legislativas após as mudanças no sistema eleitoral implementadas pela China para garantir a vitória dos seus aliados. Aos olhares mais desatentos, as eleições em Hong Kong são mais um …

Stefano Pioli propõe regra de basquetebol que contribui para um "futebol de ataque"

O treinador do Milan, Stefano Pioli, propõe uma alteração nas regras do futebol que promete revolucionar o desporto rei. De forma semelhante ao basquetebol, uma vez dentro do meio campo adversário, as equipas não poderiam voltar …

Um dos maiores sites de dados sobre a covid-19 na Austrália é, afinal, gerido por adolescentes

Aproveitando o momento em que passaram a integrar as estatísticas que os próprios fazem chegar diariamente à população australiana, o grupo de três jovens revelou a sua identidade para surpresa de muitos dos seus seguidores. …

Mais cinco mortes e 713 casos confirmados em Portugal

Portugal registou, este sábado, mais cinco mortes e 713 casos confirmados de covid-19, de acordo com o mais recente boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Este sábado registaram-se mais cinco mortes e 713 novos casos …

Dirigente da Huawei detida no Canadá pode voltar à China após acordo com EUA

A justiça dos EUA aceitou hoje o acordo entre o Departamento da Justiça e a Huawei, que vai permitir à filha do fundador e diretora financeira do conglomerado chinês de telecomunicações regressar à China. Uma juíza …

Depois do coro de críticas, brasões da Praça do Império passam do jardim para a calçada

Os brasões florais que representam as capitais de distrito e as ex-colónias portuguesas vão mesmo ser retirados da Praça do Império, em Lisboa, mas passarão a estar representados em pedra da calçada. É a solução …

Vulcão, La Palma

Aeroporto de Las Palmas inoperacional devido à acumulação de cinzas

O aeroporto de La Palma, na Ilha de Tenerife, nas Canárias, está inoperacional por acumulação de cinzas, resultante da erupção do vulcão Cumbre Vieja, informou hoje a empresa gestora dos aeroportos e do tráfego aéreo …

Siza Vieira reforça que é "trabalho" dos Bancos discutir com os clientes o reembolso das moratórias

O ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, reforça que cabe aos Bancos "discutir com os seus clientes que têm moratórias nos sectores mais afectados" pela pandemia o reembolso das dívidas após o fim destes mecanismos …

Domingos Soares de Oliveira de saída do Benfica

Além de João Varandas Fernandes e José Eduardo Moniz, o administrador Domingos Soares de Oliveira também não vai integrar a lista de Rui Costa para as próximas eleições. Rui Costa confirmou na terça-feira que é candidato …