Estudantes de Coimbra recusam convite para almoçar com Passos Coelho

d.r. Sherlock AAC / Blogspot

Bruno Matias, presidente da direcção da AAC

Bruno Matias, presidente da direcção da AAC

A Associação Académica de Coimbra recusou o convite do primeiro-ministro para um almoço esta terça-feira, Dia do Estudante, defendendo que esse dia deve ser celebrado “junto dos estudantes”, disse à agência Lusa o presidente da AAC.

“O Dia do Estudante deve ser celebrado com os estudantes, unidos, a reivindicar por melhores condições e por um ensino superior com mais qualidade”, sublinhou o presidente da AAC, Bruno Matias, referindo que esta posição surge em sentido contrário à da maioria do movimento associativo nacional, que se irá sentar à mesa com Pedro Passos Coelho.

Para o dirigente estudantil, a presença na rua nesse dia “é mais importante do que almoços com o primeiro-ministro”, de cujos resultados políticos duvida assim como da “discussão profunda” do ensino superior português.

Os problemas não se resolvem em almoços“, apontou Bruno Matias, considerando o convite “deselegante”.

O presidente da AAC recordou que a associação de estudantes tinha já convidado o Governo a estar presente no dia 24 de março em Coimbra, para conhecer “as dificuldades dos estudantes”, tendo esse mesmo convite sido recusado.

“Era expectável”, comentou, criticando a atitude “cobarde” do Governo de se recusar a conhecer os problemas da comunidade estudantil.

Quanto à presença no almoço da maioria das associações de estudantes, Bruno Matias salientou que a AAC “tem uma visão diferente do restante movimento associativo”.

No Dia do Estudante, a AAC vai promover um cordão humano com os estudantes com as mãos e pés atados em protesto contra os cortes no ensino superior, após uma arruada do Largo Dom Dinis ao edifício da associação académica, que deverá começar às 13:00.

Esta manifestação simbólica foi aprovada a 9 de março, em assembleia magna de estudantes.

Na altura, Bruno Matias referiu que a manifestação pretende mostrar “solidariedade” para com aqueles que abandonaram o ensino superior, querendo a AAC “trabalhar para que mais nenhum volte a abandonar e para que os outros voltem” a estudar.

Nessa mesma assembleia magna, foi rejeitada uma proposta de manifestação em Lisboa, que mereceu o voto contra do presidente da AAC, que afirmou que se tem de “aguardar pelo final dos processos” relativos ao novo modelo de financiamento e à alteração do regulamento de atribuição de bolsas antes de se avançar com protestos a nível nacional.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

3.800 euros por mês. Genebra aprova o primeiro salário mínimo (e é o mais alto do mundo)

Os habitantes de Genebra, na Suíça, aprovaram, este domingo, a proposta de um salário mínimo de 23 francos suíços por hora (equivalente a cerca de 21,30 euros) para todos os que trabalham na cidade. De acordo …

No day after do debate caótico, Biden pede regras rígidas e Trump queixa-se do moderador

O debate caótico entre Donald Trump e Joe Biden motivou críticas generalizadas que suscitam dúvidas sobre se será de manter os outros dois debates ou se, mantendo-os, será necessário alterar as regras. Um dia após a …

OE2021. Pontas soltas, alguns avanços e uma certeza: se houver entendimento, há acordo por escrito

Se houver entendimento em algumas matérias com o Bloco de Esquerda e o PCP, haverá um "compromisso escrito", adiantou Duarte Cordeiro, secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares. Em entrevista ao podcast Política com Palavra, do PS, …

Covid-19. Hospitais da região de Lisboa pedem camas uns aos outros

Os hospitais da região de Lisboa e Vale do Tejo continuam a bater à porta uns dos outros a pedir camas para internar doentes com covid-19. Segundo a edição desta quinta-feira do jornal Público, os …

Vinícius perto do Tottenham de Mourinho

O avançado brasileiro deverá ser confirmado como reforço do Tottenham ainda esta quinta-feira, saindo do Benfica por empréstimo e com opção de compra que ronda os 40 milhões de euros. De acordo com o jornal Record, …

Navalny acusa Putin de estar por trás do seu envenenamento

O líder da oposição russa, que já deixou o hospital alemão onde estava a ser tratado, acusou o Presidente do país de ser a pessoa responsável pelo seu envenenamento. "Afirmo que Vladimir Putin está por trás …

Vírus está fora de controlo no Reino Unido, admitem peritos britânicos

Os especialistas britânicos de saúde pública admitem que o país está a ir na direção errada, à medida que o número de internamentos escala. Esta quarta-feira, os especialistas de saúde pública do Reino Unido admitiram que …

Soares reforça equipa que não venceu qualquer jogo na liga

Avançado brasileiro deixa o campeão português para representar uma equipa que ficou no último lugar do campeonato chinês deste ano. A mudança já era esperada e agora foi confirmada: Soares já não faz parte do plantel …

PJ investiga segunda morte no SEF do aeroporto de Lisboa. Espancamento de Ihor durou 20 minutos

A Polícia Judiciária está a investigar uma eventual segunda morte no Centro de Instalação Temporária além da de Ilhor Homenyuk, o ucraniano que morreu em março após agressões de três inspetores do Serviço de Estrangeiros …

Brexit. Bruxelas abre processo de infração contra Reino Unido por lei polémica

A Comissão Europeia decidiu esta quinta-feira instaurar um procedimento de infração contra o Reino Unido por causa de uma proposta de lei controversa que anula parcialmente o Acordo de Saída do Reino Unido da União …