Estado deixa de apoiar compra de carros elétricos acima de 60 mil euros

O Estado vai deixar de apoiar a compra de carros elétricos com um preço superior a 60 mil euros. Esta alteração vai constar nas novas regras de incentivos à introdução no consumo de veículos de baixas emissões.

No entender do Governo, ao avançar com este teto, quem compra um veículo 100% elétrico que custe mais do que 60 mil euros vai fazê-lo independentemente de ter ou não o apoio pecuniário do Estado, pelo que não se justifica o incentivo.

De acordo com o Público, no ano passado, o Estado apoiou a compra de 1170 novos veículos elétricos, gastando um total de 2,6 milhões de euros, através do Fundo Ambiental. Estes são valores superiores ao previsto inicialmente, já que se previa apoiar, no máximo, mil automóveis.

Segundo o jornal, o acréscimo acabou por ser suportado pelas verbas destinadas à aquisição de motociclos e ciclomotores, e cuja adesão, no primeiro ano em que foram também contemplados com este tipo de incentivo, ficou abaixo do previsto.

Os valores finais do Fundo Ambiental referentes ao ano passado mostram que foram entregues apenas 47 candidaturas de veículos de duas rodas, das quais 41 foram apoiadas, num total de 16 mil euros (nos motociclos e ciclomotores, o apoio do Fundo Ambiental corresponde a 20% do valor do veículo, até ao máximo de 400 euros).

Assim, a verba remanescente serviu para apoiar mais 170 automóveis. Mesmo com este apoio extra, ficaram de fora 322 candidaturas, que, segundo o Fundo Ambiental, “não chegaram a ser avaliadas por esgotamento da verba”.

A alteração das regras do incentivo à compra de carros elétricos surge numa altura de crescimento deste segmento: em 2018, foram vendidos 4073 destes veículos, o que representa um salto de 148% face ao ano anterior. Olhando para os 1170 carros cuja compra foi financiada, verifica-se que esse universo corresponde a quase um terço (29%) dos veículos vendidos em 2018.

Em 2017, a fasquia dos apoios tinha ficado abaixo do limite de 1000 automóveis. De acordo com os dados do Fundo Ambiental, nesse ano foram entregues 1266 candidaturas, das quais 976 foram validadas, o que correspondeu a uma verba total de 2,2 milhões de euros.

O Fundo Ambiental diz que, “considerando que cada veículo elétrico colocado em circulação substitui a 100% um veículo movido a combustão interna e que a utilização de cada veículo elétrico é de 20 mil quilómetros por ano”, a estimativa é a de que se evitem emissões de gases com efeitos de estufa que correspondem ao equivalente a 3513 toneladas de dióxido de carbono por ano.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Governo de Hong Kong pede desculpas após polícia pulverizar mesquita

O Governo de Hong Kong pediu esta segunda-feira desculpas a líderes muçulmanos, depois da polícia antimotim ter pulverizado um portão da mesquita e algumas pessoas com um canhão de água, quando as autoridades tentavam dispersar …

Telemóveis e computadores podem acelerar o envelhecimento

Uma nova investigação, levada a cabo por cientistas da Oregon State University, nos Estados Unidos, concluiu que a exposição diária à luz azul, como aquela que é emitida por telemóveis e computadores, pode afetar a …

Quatro espeleólogos portugueses desaparecem em gruta espanhola

Uma equipa de resgate foi acionada para localizar quatro espeleólogos portugueses que estão desde sábado na gruta de Cueto-Coventosa, em Espanha, com os trabalhos de socorro a serem dificultados pelo aumento do nível da água Quatro …

Afinal, Vénus pode não ser tão semelhante à Terra como pensávamos

Uma nova investigação questiona a habitabilidade de Vénus, planeta que os cientistas consideram há pouco tempo numa outra investigação poder ter um clima habitável semelhante ao da Terra. De acordo com a nova investigação, cujos …

Há gelo no polo sul da Lua e pode ter muitas fontes

Um novo estudo sugere que o gelo encontrado na superfície lunar pode ter milhares de milhões de anos, além de ter surgido de diferentes fontes. O estudo, publicado recentemente na Icarus, sugere que a maioria do …

A Evolução mostra que podemos ser a única forma de vida inteligente no Universo

As reduzidas probabilidades que acompanham a nossa evolução ao longo da história podem ser uma pista que talvez sejamos a única forma de vida inteligente no Universo. Será que estamos sozinhos no Universo? Tudo se resume …

A China está a usar a educação como arma para controlar o Tibete

A China quer obrigar crianças tibetanas a abandonarem as escolas da região e mudarem-se para escolas chinesas. O objetivo, segundo uma especialista, é "tirar o tibetano da criança". A batalha geopolítica entre a China e o …

Revelada explosão violenta no coração de um sistema que alberga um buraco negro

Uma equipa de astrónomos, liderada pela Universidade de Southampton, usou câmaras de última geração para criar um filme com alta taxa de quadros de um sistema com um buraco negro em crescimento e a um …

"É altura de dizer basta". Sporting corta com as claques

O Sporting rescindiu “com efeitos imediatos” os protocolos que celebrou em 31 de julho com a Associação Juventude Leonina e com o Diretivo Ultras XXI – Associação, anunciou hoje o clube, devido à “escalada de …

Poluição atmosférica associada a abortos espontâneos

Elevados níveis de poluição atmosférica foram associados a abortos espontâneos num estudo feito com mulheres grávidas a viver e trabalhar em Beijing, na China. A China é um dos países que mais sofre com a poluição …