Escola nos EUA põe alunos a estudar de pé para combater sedentarismo

Parece algo demasiado rígido mas os professores da escola norte-americana garantem que, desde que a medida foi implementada, os alunos estão mais produtivos.

Na Escola Elementar Vallecito, na Califórnia, não há vestígios de mesas ou cadeiras, pelo menos das tradicionais, para os alunos usarem enquanto estão nas aulas.

A iniciativa, que à primeira vista pode parecer exagerada, tem como principal objetivo combater o sedentarismo, problema que afeta significativamente crianças e jovens nos Estados Unidos.

As novas mesas têm um design inovador, são mais altas do que o habitual e têm um suporte para que os estudantes possam descansar os pés quando necessitam.

Além disso, os bancos não foram totalmente excluídos e estão sempre à disposição das crianças, caso estas se cansem de estar em pé. Porém, os responsáveis pela escola dizem que os alunos já estão tão habituados a esta nova medida que quase não os usam.

“A ideia surgiu de alguns pais que estavam preocupados com o facto de os alunos passarem o dia todo sentados”, disse a diretora da escola, Tracy Smith, em declarações à BBC.

Segundo a diretora, as aulas ficaram ainda mais dinâmicas, houve um aumento na produtividade dos alunos e menos problemas relacionados com o comportamento dentro da sala de aula.

“Estas mesas dão a oportunidade de as crianças se movimentarem sem interromper a aula. Além disso, são mais saudáveis para a postura e para o sistema cardiovascular”, explicou.

Esta não é a primeira vez que se usa esta nova tendência. Várias empresas nos Estados Unidos já usam este sistema, em detrimento das mesas tradicionais, para que os seus funcionários possam trabalhar de pé.

Até a Casa Branca já anunciou que vai comprar este tipo de mesas, uma solução que poderá chegar a 700 mil dólares, cerca de 650 mil euros.

Sendo um investimento alto, nem todas as escolas do país têm capacidade financeira para suportar o custo.

Neste caso, a escola Vallecito foi ajudada pela organização StandUp Kids, que tem como principal objetivo angariar dinheiro para fornecer às escolas este material.

Alguns estudos apontam que este tipo de mesas faz com que os estudantes tenham uma melhoria de 15% nas notas e queimem cerca de 25% de calorias a mais.

Apesar de todo o contexto positivo, há alguns especialistas que ainda consideram ser preciso avaliar os efeitos destas mesas a longo prazo.

ZAP / BBC

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. No meu primeiro emprego, havia ainda as mesas dos escriturários, antigas, em que eles trabalhavam de pé. Mesas com ‘tulha’ por baixo do tampo, fechada à chave, onde eram guardados os livros de contabilidade e facturação…E havia ainda um funcionário que não abdicava de trabalhar numa dessas mesas, por lhe causar menos dores nas costas que a secretária «tradicional»…
    Portanto, nada de novo, nesta «tendência»…

RESPONDER

Isabel dos Santos usou equipa de espiões para provar "conspiração" e "vingança" de João Lourenço

A empresária Isabel dos Santos contratou uma firma de antigos agentes secretos israelitas para provar que foi vítima de um ataque orquestrado pelo governo de João Lourenço. Isabel dos Santos criou uma equipa de espiões para …

"Perdemos o avô da nação". Morte do príncipe Filipe deixou "um grande vazio" na vida de Isabel II

A morte do príncipe Filipe, duque de Edimburgo, na sexta-feira, aos 99 anos, deixou a Rainha Isabel II, sua esposa, com "um grande vazio na sua vida", disse este domingo aos jornalistas o seu filho …

Mapa online interativo ajudou indígenas do Panamá a fazer frente à pandemia

Quando a covid-19 chegou ao Panamá no ano passado, o cartógrafo Carlos Doviaza temeu pelas pessoas indígenas da sua comunidade. Por isso, para as ajudar, dedicou-se a fazer aquilo que faz melhor: mapas. "Pensei: 'Porque não …

"A política ama traição, mas despreza o traidor". Sócrates acusa PS de "ataque injusto" (e diz-se alvo de "vingança" da direita)

"A política ama a traição, mas despreza o traidor". No livro "Só Agora Começou", que será publicado nos próximos dias, José Sócrates acusa a atual direção do PS de traição. De acordo com o Diário de …

Portugal regista mais 566 casos e seis óbitos por covid-19

Portugal registou, este domingo, mais seis mortes e 566 novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da Direção-Geral da Saúde …

PS quer que Cavaco Silva diga "quando é que soube do buraco do BES"

O PS quer que o antigo Presidente da República Cavaco Silva esclareça "quando é que soube do buraco do BES" e porque é que "não agiu atempadamente" para evitar o aumento de capital, que gerou …

Perdoar o passado, celebrar o renascimento e cumprir tradições. A primavera traz o Nowruz, o ano novo persa

Assim que as flores começam a desabrochar e os dias ficam mais longos, fica claro que o Nowruz está prestes a chegar. A celebração do ano novo iraniano é secular, com raízes que remontam a …

“Mostrámos que sabemos governar”. Bloco apresenta candidata a Lisboa (e abre a porta a acordo com PS)

O Bloco de Esquerda apresentou a candidatura de Beatriz Gomes Dias à Câmara Municipal de Lisboa, pediu “mais força” para determinar a governação da cidade e abriu a porta a novos entendimentos com o PS …

Fé nos números. Foi o voto não religioso que Donald Trump perdeu em 2020 

Em novembro de 2020, Joe Biden foi eleito Presidente dos Estados Unidos da América. Uma análise revelou recentemente que a derrota de Donald Trump dependeu daqueles que não se identificam com nenhuma religião. Ryan Burge, professor …

Chega apresenta oito candidatos para o distrito do Porto. Ventura acredita que vai ter "grande resultado"

O líder do Chega anunciou este sábado oito candidatos às próximas eleições autárquicas no distrito do Porto, onde André Ventura acredita que o partido vai ter "um grande resultado". "Fizemos esta deslocação ao Porto para anunciar …