Ensaio clínico dá novas esperanças para um tratamento contra o lúpus

Um ensaio clínico com um medicamento chamado anifrolumabe poderá dar a primeira esperança, em 50 anos, aos pacientes diagnosticados com lúpus.

O lúpus é uma doença autoimune potencialmente fatal, que afeta cerca de cinco milhões de pessoas em todo o mundo, e ainda não tem causa ou cura conhecida. Agora, avança o Science Alert, um ensaio clínico internacional de três anos está a dar a primeira esperança real aos portadores desta doença em 50 anos.

O estudo de fase 3, chamado TULIP-2, testou um medicamento chamado anifrolumabe numa seleção aleatória de 180 pessoas com lúpus, dando-lhes 300 miligramas a cada quatro semanas, durante 48 semanas. Ao mesmo tempo, foi dado um placebo a 182 participantes que também têm a doença.

Os autores do estudo, agora publicado na revista New England Journal of Medicine, afirmam que esta substância produziu uma redução estatisticamente significativa e clinicamente significativa da doença.

Depois de 52 semanas, o medicamento não só reduziu a atividade auto-imune nos órgãos relevantes de muitos dos pacientes tratados, mas também reduziu a taxa de surtos — que incluem febre, dores nas articulações, fadiga e erupções cutâneas — e diminuiu a necessidade de esteróides.

Mesmo quando nenhuma virose pode ser encontrada, estudos recentes mostram que a grande maioria dos pacientes com lúpus produz excesso de interferon Tipo 1, que é uma proteína imune ligada ao desenvolvimento de glóbulos brancos. Tentativas anteriores de bloquear essa proteína falharam, mas o anifrolumabe bloqueia os recetores dessa proteína e não a própria molécula.

Até agora, esta substância foi testada em três ensaios clínicos e os resultados de cinco dos seis desfechos favoreceram o medicamento em relação ao placebo. Dada a desesperada necessidade de tratamento, muitas pessoas com a doença estão a pedir aos reguladores que considerem ensaios que permitam uma maior flexibilidade na definição do sucesso.

E, sim, é necessária mais investigação para comprovar se os benefícios do anifrolumabe superam os seus efeitos colaterais a longo prazo. Alguns pacientes que tomam o medicamento apresentaram um maior risco de bronquite e infeção respiratória e os riscos além das 52 semanas ainda não são claros.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Campanha internacional quer salvar leões subnutridos em parque no Sudão

Várias fotografias de leões subnutridos no zoo de Al-Qureshi, no Sudão, atraíram a atenção de milhares de pessoas, que tentam agora salvar os animais. O fotógrafo Ashraf Shazly encontrou cinco leões malnutridos, enjaulados e sem …

Joacine Katar Moreira defende mais direitos para deputados não inscritos em partidos

A deputada única do Livre, Joacine Katar Moreira, defendeu nesta sexta-feira o alargamento dos direitos regimentais dos deputados não inscritos em partidos, durante uma reunião do grupo de trabalho para racionalizar os votos objecto de …

Nova universidade internacional de Soros pretende combater populismo e alterações climáticas

O filantropo multimilionário George Soros vai investir mil milhões de dólares (cerca de 904 milhões de euros) numa universidade internacional que terá como foco a oposição a governos autoritários e às alterações climáticas. Segundo avançou o …

"O índio está evoluindo e cada vez mais é um ser humano igual a nós", diz Bolsonaro

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, disse, durante um vídeo em direto em que comentava a criação do Conselho da Amazónia, que "o índio está evoluindo e cada vez mais é um ser humano igual …

Jorge Brito Pereira deixa de ser advogado de Isabel dos Santos

O advogado anunciou, esta sexta-feira, que saiu da sociedade de advogados Uría Menéndez Proença de Carvalho, suspendeu a atividade profissional e, como consequência, vai cessar "o patrocínio jurídico" à empresária angolana. "Face às informações publicadas nos …

621 milhões de euros. Ministra reconhece que redução do défice no SNS ficou aquém

A ministra da Saúde reconheceu, esta sexta-feira, que a redução do défice do SNS em 2019 para 621 milhões ficou aquém do que estava previsto, sublinhando o aumento dos custos com pessoal. A ministra da Saúde, …

Governo prevê descontos nas portagens no interior

A ministra da Coesão Territorial disse esta sexta-feira que o novo modelo de desconto das portagens para o interior do país prevê descontos para quem vive, para quem trabalha e para quem visita no …

Excesso de higiene está a tornar a nossa saúde mais frágil, aponta estudo

Um grupo de investigação do Instituto Gulbenkian de Ciência (IGC) divulgou recentemente um estudo sobre a perda de diversidade da flora intestinal - também denominada como microbiota - e as consequências desta diminuição na nossa …

Tiroteio na Alemanha faz pelo menos seis mortos e vários feridos

Pelo menos seis pessoas morreram e várias ficaram feridas num tiroteio, esta sexta-feira, na cidade alemã de Rot am See. Um tiroteio, cujo presumível autor foi detido, fez hoje seis mortos e dois feridos graves em …

IKEA aumenta salário de entrada dos trabalhadores para 700 euros

A IKEA aumentou o salário de entrada para trabalhadores a tempo inteiro de 650 euros para 700 euros brutos mensais, acima do salário mínimo nacional (635 euros), anunciou hoje a cadeia de venda de mobiliário. Em …