“El Chapo”, o traficante mais poderoso do mundo, começa a ser julgado em Nova Iorque

Mario Guzman / EPA

O barão da droga Joaquin Guzman Loera, conhecido como El Chapo

A Justiça norte-americana começa esta segunda-feira a julgar o narcotraficante Joaquín Guzmán Loera, em Nova Iorque, sob fortes medidas de segurança. Desde de a morte de Pablo Escobar, “El Chapo” é considerado o narcotraficante mais poderoso do mundo. 

De acordo com as autoridades norte-americanas, “El Chapo” tornou-se o traficante mais poderoso do mundo após a morte do colombiano Pablo Escobar, em 1993. Se for condenado, Guzman arrisca a prisão perpétua.

Em 2003, os Estados Unidos consideraram-no o “traficante mais poderoso do mundo”. Por sua vez, os procuradores que a partir de hoje o começam a julgar, descreveram-no como o “maior criminoso do século XXI“.

“El Chapo”, de 61 anos, está acusado de ter dirigido, entre 1989 e 2014, o poderoso cartel de Sinaloa, responsável pelo envio de mais de 150 toneladas de cocaína para os EUA. O famoso narcotraficante é também suspeito de protagonizar uma campanha de assassínios e sequestros e da lavagem de milhares de milhões de dólares.

O processo de acusação é enorme, contando com mais de 300 mil páginas e cerca de 117 mil gravações de áudio. De acordo com o New York Times, há 16 testemunhas que decidiram colaborar com o Ministério Público, a maioria subalternos e rivais do narcotraficante. Como por exemplo Ismael Zamabada García, um dos seus colaboradoes mais diretos, que se suspeita ter contribuído para a deteção de “El Chapo.

Todo o processo judicial está envolto em extremas medidas de segurança. O julgamento terá um tribunal de júri que, por questões de segurança, permanece em anonimato.

As autoridades federais norte-americanas decidiram ainda encerrar a ponte de Brooklyn sempre que “El Chapo” tiver der ser transportado do estabelecimento prisional onde se encontra, na zona de Manhattan, para o tribunal de Brooklyn onde será julgado. Ou seja, o julgamento implica encerrar a ponte duas vezes ao dia em horário de ponta.

As medidas de seguranças já eram esperadas, tendo em conta o historial de fugas de Guzmán.  Preso pela primeira vez na Guatemala, em 1993, e após ser condenado a 21 anos de prisão, Guzmán escapou em 2001 de uma penitenciária de alta segurança de Puente Grande (estado de Jalisco).

Após 13 anos em fuga, foi capturado em 2014, mas escapou um ano mais tarde de uma prisão de máxima segurança de Altiplano, perto da Cidade do México, através de um túnel com 1,5 quilómetros.

Em janeiro de 2016, e após várias tentativas, o Presidente Enrique Peña Nieto anunciou finalmente a captura de “El Chapo”. Um ano mais tarde, o narcotraficante foi extradito para os Estados Unidos, onde agora vai começar a ser julgado.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Museu Neandertal responde a Joe Biden. "Eram mais espertos do que pensa"

O Museu Neandertal, na Alemanha, endereçou um convite ao Presidente norte-americano Joe Biden, depois de o governante ter considerado a decisão do governador do Texas de acabar com a obrigatoriedade de utilização de máscara um …

Olhos postos no Senegal. Violentos protestos contra a prisão do opositor do Governo

Os confrontos no Senegal, os piores dos últimos anos, foram desencadeados pela detenção do líder da oposição Ousmane Sonko. Os confrontos eclodiram em Dakar, na quinta-feira, depois de o principal líder da oposição, Ousmane Sonko, ter …

Grupo de cientistas questiona missão da OMS e pede investigação independente na China

Um grupo de cientistas está a pedir uma investigação independente sobre a origem do Sars-CoV-2, com acesso total aos registos da China. Um grupo de cientistas escreveu uma carta aberta, divulgada nos jornais Le Monde e …

Brasil a braços com uma tragédia anunciada. República Checa pede ajuda estrangeira

No Brasil, o número diário de mortes já ultrapassou o dos Estados Unidos. Alemanha, Suíça e Polónia estão a disponibilizar os seus hospitais para receber casos graves de covid-19 da República Checa. Em relação a número …

Iniciativa Liberal diz não a Moedas e avança com candidatura em Lisboa

Este sábado, a Iniciativa Liberal rejeitou integrar a megacolicação encabeçada por Carlos Moedas e anunciou um candidato próprio à Câmara de Lisboa.  Foi este sábado, na Praça do Município, que João Cotrim de Figueiredo, líder do …

Agente da PSP que chamou "aberração" a Ventura suspenso por 10 dias

A Direção Nacional da Polícia de Segurança Pública (PSP) confirmou a suspensão de dez dias a Manuel Morais, o agente que chamou "aberração" a André Ventura. O agente da PSP Manuel Morais vai iniciar, este sábado, …

1.007 novos casos e 26 mortes nas últimas 24 horas

Portugal registou este sábado 26 mortes e 1.007 novos casos de infeção nas últimas 24 horas, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). O boletim epidemiológico deste sábado, divulgado pela Direção-Geral da Saúde, dá conta de 1.007 …

Publicada lista de entidades abrangidas por alargamento da ADSE

A ADSE já publicou a lista de entidades abrangidas pelo alargamento do subsistema de saúde da função pública aos trabalhadores com contrato individual de trabalho. As entidades reguladoras e a maioria das empresas municipais foram …

O "caminho ainda é longo", mas Portugal já administrou um milhão de vacinas

Esta sexta-feira, Portugal ultrapassou o marco do primeiro milhão de vacinas administradas, mas o "caminho ainda é longo". Portugal ultrapassou, esta sexta-feira, um milhão de vacinas contra a covid-19 administradas, uma marca que o secretário de …

Cavaco fala em "democracia amordaçada" (e na "vergonha" dos números da pandemia)

Este sábado, numa participação na Academia de Formação Política das Mulheres Sociais-Democratas, Cavaco Silva deixou duras críticas ao Executivo de António Costa, sublinhando que a pandemia mostrou um "SNS fragilizado por decisões erradas do governo". O …