Dove retira anúncio “racista” e pede desculpa

(dr)

A publicidade destinada às redes sociais mostrava uma mulher negra a transformar-se em branca depois de usar um gel de banho da marca.

A Dove, marca da multinacional Unilever, publicou, este sábado, no Facebook, um vídeo publicitário em que uma mulher negra, ao tirar a t-shirt, transforma-se numa mulher de pele branca que, por sua vez, também se transforma numa terceira mulher morena e de cabelo preto.

Para muitos internautas, este efeito visual criou a sensação de que “a troca de pele” teria acontecido graças ao uso do gel de banho, o que gerou numerosas acusações de racismo.

A chuva de críticas levou a marca a retirar imediatamente a publicidade, mas muitos utilizadores conseguiram copiar e gravar as imagens do vídeo, sendo novamente divulgadas nas redes sociais.

​​No mesmo dia, a Dove fez um pedido de desculpas. “A imagem que recentemente publicámos no Facebook não conseguiu representar as cores de pele das mulheres de forma respeitosa. Lamentamos profundamente as ofensas que podem ter sido causadas”, escreveu a marca na sua conta oficial do Twitter.

​Contudo, vários internautas acreditam que muitas pessoas se apressaram a tirar conclusões sem ter visto o vídeo todo, ou seja, sem ter visto a terceira “transformação”, na qual a mulher caucasiana “tira a pele” e se transforma numa latina.

Olhando para as sequência completa de imagens, efectivamente, talvez a notícia de que a Dove fez mais um anúncio racista seja ligeiramente exagerada. E há quem diga mesmo que é uma acusação fake de racismo por parte de quem, inadvertidamente ou com intuitos maliciosos, se apressou mais uma vez a lançar a indignação nas redes sociais.

No entanto, esta não é a primeira vez que a marca é acusada de discriminação racial. Em 2011, a Dove apresentou um anúncio em que colocava três mulheres, a primeira com a pele mais escura e a última com uma cor de pele mais clara, como se a mulher branca fosse o bom resultado conseguido graças à utilização dos produtos da marca.

​Em 2015, lançou um creme de verão destinado para “peles normais às mais escuras”.

E aos que clamam que este é mais um caso de mera “fúria despropositada nas redes sociais” com uma situação que eventualmente nem o merecia, não faltou quem tivesse tido o cuidado de contextualizar o mais recente anúncio no histórico de anúncios racistas da Unilever, marca mãe da Dove.

PARTILHAR

RESPONDER

Califórnia já tem uma estrada pavimentada com plástico

O que parece uma estrada comum é agora a mais recente novidade na cidade de Oroville, na Califórnia. A nova construção junta uma tecnologia que mistura garrafas de plástico com asfalto. Por cada quilómetro de …

Mais de mil operacionais combatem cinco grandes fogos em Portugal

Mais de 1100 operacionais e 16 meios aéreos estão a combater, esta quinta-feira, os cinco maiores incêndios rurais em território continental, concentrados sobretudo na região Centro, de acordo com dados da Proteção Civil. Segundo o site …

Coca-Cola financiou estudos científicos que minimizaram o papel das bebidas açucaradas na obesidade, revela investigação

A Coca-Cola terá financiado com milhões de dólares vários estudos científicos que minimizaram o impacto das bebidas açucaradas na obesidade. A conclusão é de uma investigação publicada na revista médica Public Health Nutrition, que conta …

André Ventura vai pedir suspensão temporária do mandato no Parlamento

O deputado do Chega vai pedir, em setembro, a suspensão do mandato parlamentar até fevereiro do próximo ano para se dedicar às campanhas eleitorais da região dos Açores e das Presidenciais. Em declarações à agência Lusa, …

Governo abre concursos para 800 novos técnicos especializados nas escolas

As escolas vão poder contratar mais de 800 novos técnicos especializados, um reforço de recursos humanos "englobado nas medidas excecionais de organização e funcionamento das escolas para o próximo ano letivo". "As escolas vão poder contratar …

Macron em Beirute: "Se não houver reformas, Líbano continuará a afundar-se"

O Presidente francês chegou, esta quinta-feira, a Beirute, no Líbano. É o primeiro chefe de Estado a visitar o país depois das explosões que destruíram parte da capital.  Emmanuel Macron aterrou no Líbano, esta quinta-feira, e …

"Eu disparei". Neonazi alemão confessa ter matado autarca Walter Lübcke

Um neonazi alemão confessou hoje em tribunal ter matado o autarca Walter Lübcke em 2019, homicídio que chocou o país e fez ressurgir o debate sobre a violência de extrema-direita na Alemanha. "Eu disparei" sobre Walter …

Há 16 anos que não havia tão pouca água na albufeira do Alqueva

É preciso recuar ao ano de 2004 para encontrar uma altura em que esta albufeira tenha tido menos água do que agora, que corresponde apenas a 63,8% do seu nível de pleno armazenamento. De acordo com …

CTT passam de lucros a prejuízos de dois milhões de euros

Os CTT registaram, no primeiro semestre deste ano, prejuízos de dois milhões de euros, o que compara com lucros de nove milhões de euros em igual período de 2019. "O resultado líquido foi de -2 milhões …

Equipa do ciclista em estado grave vai apresentar queixa-crime contra o rival

O diretor da equipa Deceuninck-Quick Step confirmou, esta quinta-feira, que vai apresentar uma queixa-crime contra o ciclista Dylan Groenewegen, face à sua responsabilidade na grave queda de Fabio Jakobsen no Tour da Polónia. "Confirmo as mensagens …