Dono da primeira smartshop em Portugal diz que não vendia produtos proibidos

cortto / Flickr

-

O proprietário da primeira smartshop a abrir em Portugal, em 2007, admitiu esta quarta-feira, no tribunal de Aveiro, ter vendido plantas e catos com substâncias proibidas por lei, mas alegou que os produtos em si não estavam abrangidos pela legislação.

“Eu não vendia substâncias. Vendia plantas e catos, que não constam da lista de produtos proibidos”, disse Carlos Marabuto, que começou hoje a ser julgado por um crime de tráfico de estupefacientes.

Perante o coletivo de juízes, o empresário recordou que, antes de abrir a loja, fez um estudo profundo da Lei da Droga portuguesa, adiantando que a legislação distingue o que é a planta e a substância.

O arguido admitiu que chegou a experimentar algumas das coisas que vendia e sabia qual o efeito que causavam, afirmando que, atualmente, continua a vender “sementes de catos e esporos para cogumelos”.

Na mesma sessão, foi ouvido um inspetor da Polícia Judiciária (PJ) de Aveiro que participou nas buscas ao estabelecimento, que disse que, naquela altura, esta matéria “era uma novidade”.

“Havia dúvidas se as substancias que estavam à venda poderiam ou não estar abrangidas pela legislação”, afirmou o inspetor, acrescentando que pediram ajuda ao Laboratório de Policia Científica, que detetou a presença de princípios ativos nas plantas.

O coletivo de juízes ouviu ainda alguns consumidores, que adquiriram produtos da smartshop, através da internet.

Questionada pela juíza presidente sobre o que sentiu quando consumiu o produto adquirido, uma das testemunhas disse que “sentiu alterações de humor, com altos e baixos”.

Ascensão e queda da primeira smartshop do país

Carlos Marabuto foi detido pela PJ de Aveiro em 2007, cerca de meio ano depois da abertura ao público da loja “Cogumelo Mágico“, que anunciava ser a primeira loja de droga “legal” do país.

A detenção do empresário ocorreu depois de uma busca ao estabelecimento, que levou à apreensão de catos, sementes e cascas de árvores, alegadamente contendo substâncias proibidas.

Posteriormente, o empresário foi despronunciado pelo Juízo de Instrução Criminal de Aveiro, mas o Tribunal da Relação de Coimbra deu razão ao recurso interposto pelo Ministério Público (MP) e mandou o processo seguir para a fase de julgamento.

O “Cogumelo Mágico” abriu ao público em 2007, no Centro Comercial Oita, em Aveiro, licenciado como ervanária especializada.

No “Cogumelo Mágico” eram comercializados produtos naturais contendo substâncias alucinogénias, o que Carlos Marabuto justificava por alegadamente não figurarem na lista de produtos proibidos pelas leis portuguesas.

A loja, que, atualmente, ainda se mantém aberta ao público, encontra-se em liquidação total, desde que foi aprovado o diploma que proibiu a venda de 160 novas substâncias psicoativas.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

PSD a 3 deputados da maioria na Madeira. CDS afasta geringonças

Miguel Albuquerque, político experiente, apreciador de música e apaixonado por rosas, voltou hoje a vencer as eleições regionais da Madeira, mas tem agora pela frente a ‘espinhosa’ tarefa de negociar um entendimento que garanta estabilidade …

Porto 2-0 Santa Clara | E vão cinco vitórias consecutivas na Liga

O FC Porto respondeu ao triunfo do Benfica no sábado em Moreira de Cónegos com a quinta vitória consecutiva na Liga, na recepção ao Santa Clara, por 2-0. Num jogo morno, com uma segunda parte mal jogada …

Mazda entra na corrida e prepara lançamento do seu primeiro carro elétrico

A Mazda garantiu o lançamento do seu primeiro carro elétrico já no próximo ano. O veículo será apresentado no Salão Automóvel de Tóquio. A corrida dos veículos elétricos acelera a todo o vapor e a Mazda …

Descobertas evidências de um reino bíblico em pleno deserto israelita

A bíblia faz referência a um reino de Edom, do século X antes de Cristo. Novas evidências sugerem que este reino poderá ter estado assente no deserto de Arava, no Israel. A análise de arqueólogos a …

PSD vence regionais na Madeira mas perde maioria absoluta

O PSD venceu hoje as eleições legislativas regionais na Madeira, com 37% a 41% dos votos, o que lhe retira a maioria absoluta no parlamento, segundo a projeção da RTP/Católica. O Partido Social Democrata venceu as …

No Afeganistão, há mulheres a arriscar a vida por um golo

As jogadores da seleção de futebol feminino do Afeganistão não treinam no seu país por razões de segurança. Muitas sofreram abusos sexuais e correm risco de vida para poderem jogar futebol. Pelo menos alguma vez na …

Cientista diz que avanços científicos podem levar à extinção humana

A evolução da ciência e tecnologia pode ser fundamental para evitar catástrofes, mas, ironicamente, pode também ser a causadora do fim da nossa espécie. O estudo das mudanças climáticas baseia-se em simulações cada vez mais de …

A ilha mais remota do mundo tem nome português

Tristão da Cunha é uma ilha com apenas 250 habitantes, onde ninguém fala português. Não há hotel nem aeroporto. Há quem parta em busca de um lugar sossegado para evitar as grandes multidões turísticas. Caso esteja …

Costa não tinha dúvidas. O parecer da PGR sobre familiares é “absolutamente inequívoco”

O secretário-geral do PS, António Costa, defendeu hoje que o parecer da Procuradoria-Geral da República (PGR) sobre as incompatibilidades entre governantes e negócios com empresas de familiares é “absolutamente inequívoco”. “O parecer é absolutamente inequívoco sobre …

Jovens do mundo inteiro ocupam a ONU em inédita Cimeira do Clima

Mais de 500 jovens, representantes de mais de 140 países, ocuparam este sábado o espaço habitualmente destinado aos diplomatas da ONU. A United Nations Youth Climate Summit, primeira cimeira da juventude sobre o clima, em Nova …