Detetada a mais poderosa (e mais longínqua) colisão de buracos negros já observada

LIGO

Conceção artística da colisão de dois buracos negros por Aurore Simonnet

Astrónomos detetaram quatro novas ondas gravitacionais, fazendo, assim, um total de 11 deteções. Uma delas é mais poderosa colisão de buracos negros alguma vez registada.

Do total, dez deteções têm origem na fusão binária de buracos negros e uma na fusão de duas estrelas de neutrões, que são os restos densos de explosões estelares. Uma fusão de buraco negro estava extraordinariamente distante e foi a explosão mais poderosa já observada na astronomia.

Os cientistas detetaram deformações no tecido espaço-tempo resultantes da colisão entre dois buracos negros. O Observatório de Ondas Gravitacionais por Interferómetro Laser (LIGO) revelou ter encontrado, além disso, quatro novas ondas gravitacionais – ondulações na curvatura do espaço-tempo que se propagam à velocidade da luz e que testemunham a fusão entre dois corpos celestes extremamente densos.

De acordo com o relatório, no ano passado, já havia sinais de que essas ondas gravitacionais tinham agitado as antenas do LIGO, mas não eram tão evidentes como os que protagonizavam as ondas gravitacionais detetadas anteriormente.

Após uma análise mais cuidadosa aos dados, o LIGO foi capaz de chegar a certas conclusões: aquele sinal era mesmo uma onda gravitacional provocado pela colisão de dois buracos negros gigantescos.

Um dos buracos negros tinha uma massa 34 vezes maior que a do Sol e outro tinha a massa de 50 sóis. Este último é o maior alguma vez observado e traz pistas para um fenómeno que ainda não conhecemos na totalidade. É que os cientistas acreditam que nenhuma estrela morta possa ter sido criado um buraco negro tão grande. É possível que ele tenha nascido da fusão de outros buracos negros mais pequenos.

Agora, o novo buraco negro resultado da estrondosa colisão deve ter formado outro buraco negro com a massa de 80 sóis. Isso está de acordo com as previsões do astrofísico Stephen Hawking, que sugeriu que, quando dois buracos negros se juntam, a área do novo buraco negro vai ser mais pequena do que a soma daqueles que lhe deram origem. O corpo celeste na origem deve ser um verdadeiro agregador de outros buracos negros.

As únicas coisas que podemos saber sobre os buracos negros é a velocidade a que rodam sobre eles próprios e a massa, por isso é que John Wheeler, um dos últimos colaboradores de Albert Einstein, dizia que os buracos negros “não têm cabelo”, ou seja, não desvendam grandes pormenores sobre eles. Já Stephen Hawking dizia que talvez seja possível que os buracos negros emitam de vez em quando uma partícula que transporte informação.

Os dados que temos ao nosso dispor não foram poucos para encontrar novidades neste fenómeno. Esta não é apenas a maior colisão entre dois buracos negros alguma vez observada pelos cientistas. Ao ocorrer a nove mil milhões de anos-luz da Terra, esta também se tornou na colisão entre dois buracos negros mais longínqua alguma vez detetada no espaço.

As conclusões das novas descobertas foram publicadas a 30 de novembro no arxiv.

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. As informacoes quanto as massas dos buracos negros estão erradas. Buracos negros possuem milhões de vezes a massa do sol. Provavelmente o equivoco foi causado pelo tamanho dos buracos negros, esses sim algumas dezenas de vezes o do sol.

    • As informações estão corretas. Os buracos negros estelares (que são os de que fala o artigo), têm massas entre 8 e cerca de 100 vezes a massa do sol. Quanto ao tamanho, são muito mais pequenos do que a Terra, da ordem de alguns km de diâmetro.

RESPONDER

Europeias: maior votação em 20 anos. PPE e socialistas juntos sem maioria

A taxa de participação nas eleições europeias, realizadas entre quinta-feira e hoje nos 28  Estados-membros da União Europeia, fixou-se nos 50,5%, a mais elevada dos últimos 20 anos e oito pontos acima do anterior sufrágio. Segundo …

Os anéis de Saturno estão a desaparecer (e a culpa é nossa)

Recentemente, um grupo de cientistas alertou que os anéis de Saturno podem vir a desaparecer devido às futuras explorações humanas.  Exploradores de asteróides e bilionários da tecnologia poderão roubar pedras preciosas do Espaço num futuro próximo, …

Forte tempestade faz reaparecer floresta pré-histórica no Reino Unido

A tempestade Hannah, que levou fortes marés e ventos ao Reino Unido, voltou a trazer à luz restos de árvores de uma floresta pré-histórica com cerca de 4.500 anos. Os vestígios estiveram escondidos durante anos …

PS vence Europeias. BE e PAN sorriem, CDS à espera de confirmar resultado catastrófico

As primeiras projeções aos resultados eleitorais geraram palmas e um ambiente efusivo por parte dos militantes do PS. O CDS é um dos grandes derrotados da noite e o PAN a surpresa. As eleições para …

Conan Osiris vence prémio de mais mal vestido em palco

Não é o prémio que Portugal esperava, mas é um prémio. Conan Osiris venceu o Barbara Dex Award, atribuído ao participante do Festival Eurovisão da Canção que veste a pior indumentária em palco. Conan Osiris é …

O exoesqueleto desta aranha parece o capacete de um minúsculo extraterrestre

No mundo animal, o acasalamento pode ser uma verdadeira batalha. As aranhas-pavão, por exemplo, deixam os seus capacetes para trás (literalmente).  Na hora do acasalamento, o macho da aranha-pavão (Maratus velutinus) deixa o seu exoesqueleto para …

Se chover durante a estadia, esta ilha italiana reembolsa os turistas

Há uma ilha italiana que reembolsa os turistas em aso de chuva. A iniciativa desafia as unidades hoteleiras a reembolsarem os clientes se chover mais de duras horas durante o dia. Se é daquelas pessoas que …

Prada deixa de usar peles a partir de fevereiro de 2020

A marca italiana dirigida por Miuccia Prada anunciou o fim da utilização de peles de animais a partir do próximo ano. A coleção apresentada em fevereiro de 2020, correspondente ao outono-inverno 2020/21, será a primeira …

Líderes falam em abstenção e apelam ao voto. Está "um dia maravilhoso para votar"

Cerca de 10,7 milhões de eleitores vão eleger os 21 deputados ao Parlamento Europeu. À boca das urnas, foram vários os líderes políticos que exerceram o seu direito de voto apelando à participação dos portugueses. A …

Se o mundo vivesse como os portugueses os recursos naturais acabavam hoje

Os recursos naturais da Terra chegavam este domingo ao fim se todas as pessoas do planeta consumissem como os portugueses. Na União Europeia, a Estónia e a Dinamarca já esgotaram os recursos em março passado.  Os …