Descoberto novo ancestral humano graças à inteligência artificial

(dr) Johannes Krause / Museum of the Krapina Neanderthals

Recriação de uma cena da vida de um grupo de Neandertais

Uma equipa de cientistas espanhóis identificou a pegada de uma nova espécie de hominídeos até agora desconhecida no genoma do povo asiático. Segundo uma recente investigação, este ancestral humano é fruto do cruzamentos entre neandertais e denisovanos. 

O estudo, esta semana publicada na revista Nature Communications, recorreu à inteligência artificial e, utilizando a algoritmos e métodos estatísticos, conseguiu consolidar a hipótese de uma terceira espécie extinta que coexistiu com humanos após uma parte da população de homens modernos ter abandonado África.

De acordo com Jaume Bertranpetit, professor de Biologia da Universidade Pompeu Fabra (Barcelona) e do Instituto de Biologia Evolutiva, e um dos investigadores principais deste estudo, a ideia passava “simplesmente por tentar investigar o genoma das diferentes populações humanas atuais”.

A presença de genes neandertais e denisovanos em humanos até agora encontrada, não justificava a atual composição do genoma: “Precisávamos de um terceiro grupo, o que seria fundamental para explicar o genoma das populações asiáticas”, explicou Bertranpetit.

A comunidade científica concorda que todos os humanos modernos são geneticamente relacionados entre si numa profundidade de tempo de 300 mil anos e que compartilham uma raiz africana comum. Apesar de haver consenso nestes dois pontos, ainda se discutem os encontros entre os humanos modernos e os diferentes hominídeos já extintos, que conviveram na Eurásia. O novo estudo vem “elucidar” alguns aspetos desta convivência.

Composição das populações terá de ser reconstruida

Se há dez anos se descobriu com surpresa a falange do dedo de uma menina cujo genoma provou a existência de um hominídeo até então desconhecido – o Denisovan -, nos últimos anos descobriu-se que tanto o homem moderno como o de Neandertal se cruzaram com esta espécie recém-descoberta.

E, a nova descoberta aponta nesse sentido, mostrando que o cruzamento de neandertais e denisovanos era generalizado e, muito provavelmente, originou um novo hominídeo que, por sua vez, se terá cruzado mais tarde com os seres humanos atuais.

“[Os dados] encaixam com o híbrido que foi descoberto neste verão. Acreditamos que não foi apenas um indivíduo, mas antes uma população híbrida inteira”, sustentou o biólogo. Os resultados agora alcançados significam que “toda a composição das populações anteriores à chegada dos humanos modernos terá de ser complemente reconstruida”, rematou.

Além disto, e de acordo com o especialista, a nova investigação deixa a porta aberta para a descoberta de outras espécies de hominídeos: “Não está descartado que não houvesse mais [espécies]”, alertou Para Bertranpetit, o uso do deep learning (algoritmos de aprendizagem automática) trará “grandes surpresas no futuro”.

Claro é que com apenas dois grupos de hominídeos – neandertais e denisovanos – não é possível explicar a atual composição do genoma humano. Com três grupos, “possibilidades explicativas máximas” foram alcançadas, acrescenta o investigador.

ZAP // RT

PARTILHAR

RESPONDER

"Sem padrinhos, nem donos". Líder da JP levanta congresso centrista

O candidato à liderança do CDS Francisco Rodrigues dos Santos arrancou este sábado no congresso centrista, que está a decorrer em Aveiro, a maior ovação dos delegados, com um discurso inflamado, em defesa de um …

Quando chegaram à Europa pela primeira vez, as batatas eram "hereges"

Os espanhóis foram os primeiros europeus a encontrar batatas na América do Sul nos anos 1530. Porém, quando foram trazidas para o Velho Continente, não foram bem recebidas por todos. Depois de terem sido encontradas pelos …

Ano vai ser "inevitavelmente" de contestação social, avisa CGTP

O secretário-geral da CGTP, Arménio Carlos, disse esta sexta-feira que este ano vai ser “inevitavelmente” de contestação social se o Governo e as empresas continuarem a insistir num modelo de baixos salários. O líder da intersindical …

Maior ameaça ao crescimento português vem de Espanha

Diz o ditado popular que de Espanha nem bom vento, nem bom casamento. Mas, na verdade, o crescimento económico do país vizinho tem contribuído para puxar pela economia portuguesa. Agora, quando se prevê um abrandamento …

Cabo Verde esteve sem Internet durante 24 horas

O arquipélago de Cabo Verde voltou a ter acesso à Internet na tarde desta sexta-feira, cerca de 24 horas depois de uma instabilidade provocada por falhas no fornecedor internacional do serviço. O país tinha ficado sem …

Ventura em operação de charme no Porto depois de um atraso muito criticado no Parlamento

O deputado André Ventura, eleito pelo Chega, tem agendada para este sábado uma verdadeira operação de charme no Porto, com encontros com o presidente da Associação Comercial do Porto e com apoiantes do partido. Iniciativas …

Assistente social acusada de maltratar 14 crianças em centro de acolhimento

O Ministério Público (MP) acusa uma mulher de 46 anos, que era assistente social e diretora técnica de um centro de acolhimento na Maia, no distrito do Porto, de maltratar 14 crianças nesta instituição. De …

Marcelo não vê razão de preocupação com empresas portuguesas de Isabel dos Santos

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, disse esta sexta-feira ter sinais de que não há razão para preocupação nos setores económicos e empresas portuguesas nas quais a Isabel dos Santos está a vender …

Mina de lítio em Montalegre. "Impactes negativos minimizáveis” e 370 empregos

O Estudo de Impacte Ambiental (EIA) da concessão de exploração de lítio, em Montalegre, conclui que o projeto possui “impactes negativos” que, no entanto, “não são significativos”, “são minimizáveis” e de “abrangência local”. O EIA do …

Cristas faz o mea culpa e abandona o congresso. Corrida à sucessão faz-se a cinco

O 28.º congresso nacional do CDS arrancou este no Parque de Feiras e Exposições de Aveiro com o discurso da líder demissionária Assunção Cristas, que fez uma espécie de mea culpa e agradeceu aos centristas …