Descobertas rochas brilhantes no lado oculto da Lua

CNSA / CLEP

O veículo lunar chinês Yutu-2 encontrou “rochas brilhantes” relativamente jovens durante as suas expedições de exploração no lado oculto da Lua.

De acordo com o portal de divulgação científica Our Space (de língua chinesa), citado pela agência noticiosa espanhola Europa Press, o veículo lunar que integra a missão Chang’e-4 fotografou as rochas espalhadas, que aparentam ter uma cor mais clara do que o solo que as alberga, em meados de dezembro de 2019.

As rochas agora encontradas são bastante diferentes das já encontradas pelo rover chinês e podem ajudar os cientistas a melhor compreender a história geológica e a evolução desta área específica do lado oculto da Lua, a cratera Von Kármán, que tem cerca de 180 quilómetros e 3.600 milhões de anos.

Uma análise mais detalhada destas rochas foi levada a cabo pela equipa de cientistas, revelando que as rochas sofreram pouca erosão, que na Lua é causada por micro-meteoritos e grandes mudanças de temperatura em longos dias e noites lunares.

Esta anomalia sugere que os fragmentos encontrados são relativamente jovens.

O brilho relativo das rochas indicou ainda que estas podem ter-se formado numa área muito diferente daquela que é agora explorada pela sonda chinesa.

Em declarações ao portal Space.com, Dan Moriarty, bolseiro de um programa de pós-doutoramento da agência espacial norte-americana (NASA) no Goddard Space Flight Center no estado norte-americano de Maryland, revelou que o tamanho, a forma e a cor das rochas trazem novas pistas sobre a sua origem.

“Como as rochas parecem ser muito semelhantes na sua forma e cor, é razoável supor que todas as rochas possam estar relacionadas”, disse.

E continuou: “Chang’e-4 alunou numa área de basalto e estes materiais vulcânicos são muito mais escuros do que a crosta normal das montanhas lunares. Se estas rochas são realmente mais brilhantes do que o solo, isto pode significar que estas são formadas por componentes e materiais de crosta mais elevados do que os solos circundantes”.

No dia 8 de dezembro de 2019, a China lançou com sucesso a sonda da missão Chang’e-4, tornando-se no primeiro país a realizar uma alunagem bem sucedida no lado oculto da Lua. Chang’e-4 e Yutu-2 estão a realizar várias medições e a recolher rochas que podem revelar novos detalhes sobre esta área inexplorada do nosso satélite natural.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Disney vai despedir 28 mil trabalhadores nos EUA devido ao "impacto prolongado da covid-19"

A Disney anunciou que vai despedir cerca de 28 mil trabalhadores dos seus parques de diversão, cruzeiros e outros eventos nos Estados Unidos devido à crise financeira causada pela pandemia de covid-19. A covid-19 chegou e …

OE2021: IVA gasto em alguns setores vai poder ser recuperado nas compras seguintes

O IVA suportado pelos consumidores em serviços ou produtos dos setores mais afetadas pelo impacto da pandemia vai poder ser recuperado nas compras seguintes realizadas nos mesmos setores, disse o ministro Pedro Siza Vieira. Em causa …

Temeu-se uma explosão em Paris. Mas foi "apenas" um caça a quebrar a barreira do som

Um avião militar que ultrapassou a barreira do som provocou esta quarta-feira o receio de que tivesse ocorrido uma explosão em Paris, já que o barulho foi ouvido em grande parte da capital francesa e …

Maduro propõe neutralizar sanções norte-americanas com Lei Antibloqueio

O Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, entregou na terça-feira um projeto de Lei Antibloqueio à Assembleia Constituinte (AC, composta unicamente por simpatizantes do regime) para neutralizar os efeitos das sanções impostas pelos Estados Unidos (EUA) …

Subsídio aos pobres na pandemia "não pode ser para sempre"

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, disse esta terça-feira que os subsídios destinados aos mais pobres pelo Congresso no âmbito da luta contra a pandemia de covid-19 “infelizmente para os demagogos e comunistas, não pode …

Reembolso do IVA do turismo e restauração pode demorar um ano se vier no IRS

A partir de 2021 os contribuintes poderão receber parte do valor do IVA de consumos no setor do turismo e restauração, medida anunciada pelo Governo na segunda-feira e que, antecipou a Deloitte, pode ser concretizada …

Novo lay-off passa a ser acessível para empresas com perdas entre 25% e 40%

As empresas com quebras de faturação homólogas entre 25% e 40% vão poder recorrer ao apoio à retoma progressiva, instrumento que passa também permitir a redução até 100% do horário quando a quebra de faturação …

Associação das Forças Armadas considera diretiva para comunicação inclusiva uma "provocação"

O presidente do Conselho Nacional da Associação de Oficiais das Forças Armadas (AOFA) afirmou que a nova diretiva do Governo que implementa uma comunicação inclusiva em todos os documentos oficiais é uma provocação aos militares …

60 milhões de infetados na Índia? Casos podem ser 10 vezes mais do que os números oficiais

Mais de 60 milhões de pessoas na Índia podem ter sido infetadas com o novo coronavírus, dez vezes mais que os números oficiais, anunciaram esta terça-feira autoridades médicas responsáveis pela pandemia, citando um estudo nacional …

Mais dois projetos do Chega "chumbados" na comissão de Assuntos Constitucionais

A comissão de Assuntos Constitucionais concluiu esta quarta-feira pela inconstitucionalidade de duas iniciativas do Chega, um projeto de lei para limitar o número de ministros e uma resolução a propor um referendo para reduzir o …