Deputados alemães ameaçados de morte por reconhecerem genocídio arménio

unaoc / Flickr

Recep Erdogan, Presidente da Turquia

Recep Erdogan, Presidente da Turquia

O Parlamento alemão votou esta quinta-feira uma resolução de reconhecimento do genocídio dos arménios, que a Turquia nega categoricamente. No entanto, nos últimos dias, milhares de e-mails chegam às mãos dos deputados, com protestos e mesmo ameaças.

O projeto de lei, objecto de acordo entre democratas-cristãos, social-democratas e verdes, foi aprovado quase com unanimidade, mas poderá levar a fricções diplomáticas com a Turquia. O texto aplica por várias vezes a expressão “genocídio” ao extermínio de cerca de 1,5 milhões de arménios em 1915 e 1916.

A RTP cita que milhares de e-mails de protesto têm sido enviados aos deputados por cerca de cinco centenas de associações turcas sediadas na Alemanha.

Der Spiegel cita uma mensagem de apelo ao protesto onde se considera a resolução como um “veneno para a coexistência pacífica entre alemães e turcos neste país, mas também na Turquia”. “Mais de 90% do povo turco rejeita acertadamente a acusação de genocídio e considera-a uma calúnia”, lê-se no texto.

A mensagem está assinada por grupos ligados a partidos como os Democratas Euro-Turcos (UETD, uma cisão do partido governamental AKP); a União Islamo-Turca para a Religião (Ditib); o partido de oposição CHP; e o partido de extrema-direita Lobos Cinzentos.

Em especial os deputados de origem turca no Bundestag têm sido tratados por e-mail, twitter ou facebook, com expressões como “traidor”, “porco arménio”, filho da p…”, “terrorista arménio” ou “nazi”, denunciou o líder parlamentar dos Verdes, Cem Özdemir, à cadeia de televisão ARD.

Algumas dessas mensagens, enviadas a políticos e jornalistas, vão mais longe: “Tu tens de ser eliminado”.

“O teu fim vai ser como o de Hrant Dink”, lê-se em outra mensagem, referindo-se ao jornalista turco de origem arménia assassinado em Istambul, em 2007, por um jovem de extrema-direita.

Votação sobre genocídio é “teste de amizade entre Ancara e Berlim”

A votação no parlamento alemão sobre a resolução de reconhecimento do genocídio dos arménios, que a Turquia nega categoricamente, vai ser “um verdadeiro teste à amizade” entre Ancara e Berlim, declarou hoje o primeiro-ministro turco.

“Este texto não significa nada para nós (…) e vai ser um verdadeiro teste à amizade” entre os dois países, indicou Binali Yildirim, num discurso proferido em Ancara, algumas horas antes da votação em Berlim.

“Alguns países, que consideramos amigos, quando atravessam momentos difíceis internamente, tentam desviar a atenção e este texto é um exemplo disso”, considerou Yildirim, durante uma reunião do Partido da Justiça e Desenvolvimento (AKP, islamita-conservador), no poder.

Sem qualquer ameaça de represálias políticas ou económicas contra Berlim, o chefe do governo turco lembrou que “3,5 milhões de turcos vivem na Alemanha e contribuem ativamente para a economia” do país.

“Os nossos amigos alemães não tem o direito de dececionar esta comunidade”, advertiu.

O presidente turco, Recep Erdogan, não publicou nenhuma declaração formal, mas fez um telefonema à chanceler alemã a protestar contra a resolução para reconhecer o genocídio do povo arménio pelo Império Otomano.

O projeto de resolução alemão foi apresentado pelos grupos parlamentares da maioria – os conservadores da CDU/CSU e o SPD – e pelos Verdes (oposição).

No passado, perante a adoção deste tipo de textos por países europeus, a Turquia chamou temporariamente os embaixadores em funções nas diferentes capitais. Em outubro de 2015, 29 países em todo o mundo, incluindo a França, Itália e Rússia, tinham reconhecido oficialmente o genocídio arménio

Para a Arménia, 1,5 milhões de arménios foram massacrados sistemática e premeditamente pelas forças do Império Otomano, durante a Primeira Guerra Mundial.

A Turquia afirma que as mortes ocorreram num cenário de uma guerra civil, agravada por um período de fome, no qual morreram entre 300 e 500 mil arménios e um número idêntico de turcos.

ZAP

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Os alemães (e outros cobardes europeus) que continuem a dar palha aos turcos (principalmente a este regime ditatorial turco) e depois queixem-se!…

RESPONDER

Antártida tem quase mais 20% de colónias de pinguins-imperador do que se pensava

Imagens de satélite revelam que há quase mais 20% de colónias de pinguins-imperador na Antártida do que se pensava anteriormente, totalizando 61, divulgou esta quarta-feira a Agência Espacial Europeia (ESA). Dados obtidos por dois satélites europeus …

De taxista a bombeiro. EHang lança drone para combater incêndios em arranha-céus

A chinesa EHang tem concentrado os seus esforços em serviços de táxi ou turismo aéreo. Agora, a empresa de mobilidade quer provar a versatilidade da sua plataforma de veículos autónomos com o lançamento de uma …

Netflix lidera mercado de streaming em Portugal e ranking do IMDb

A Netflix junta, neste momento, o melhor de dois mundos. Tem um catálogo maior, e por isso com mais produções bem cotadas no IMDb, e é também o serviço de streaming com maior número de …

"Estou cansada de ter medo". Candidata da oposição faz tremer presidenciais na Bielorrússia

Na Bielorrússia, Svetlana Tikhanovskaya, candidata da oposição de apenas 37 anos, está a fazer frente ao mais antigo líder da europa, na corrida as eleições presidenciais. Tikhanovskaya mantém-se firme na luta pelo poder contra o presidente …

Fauci revela que recebeu ameaças de morte e que as suas filhas foram assediadas

Anthony Fauci, um dos principais peritos em doenças infecciosas da Casa Branca, revelou esta quarta-feira que recebeu ameaças de morte e que as suas filhas foram assediadas por causa das suas declarações sobre a covid-19. "Receber …

Califórnia já tem uma estrada pavimentada com plástico

O que parece uma estrada comum é agora a mais recente novidade na cidade de Oroville, na Califórnia. A nova construção junta uma tecnologia que mistura garrafas de plástico com asfalto. Por cada quilómetro de …

Mais de mil operacionais combatem cinco grandes fogos em Portugal

Mais de 1100 operacionais e 16 meios aéreos estão a combater, esta quinta-feira, os cinco maiores incêndios rurais em território continental, concentrados sobretudo na região Centro, de acordo com dados da Proteção Civil. Segundo o site …

Coca-Cola financiou estudos científicos que minimizaram o papel das bebidas açucaradas na obesidade, revela investigação

A Coca-Cola terá financiado com milhões de dólares vários estudos científicos que minimizaram o impacto das bebidas açucaradas na obesidade. A conclusão é de uma investigação publicada na revista médica Public Health Nutrition, que conta …

André Ventura vai pedir suspensão temporária do mandato no Parlamento

O deputado do Chega vai pedir, em setembro, a suspensão do mandato parlamentar até fevereiro do próximo ano para se dedicar às campanhas eleitorais da região dos Açores e das Presidenciais. Em declarações à agência Lusa, …

Governo abre concursos para 800 novos técnicos especializados nas escolas

As escolas vão poder contratar mais de 800 novos técnicos especializados, um reforço de recursos humanos "englobado nas medidas excecionais de organização e funcionamento das escolas para o próximo ano letivo". "As escolas vão poder contratar …