Deputadas do Bloco depõem contra Arroja no caso das “esganiçadas”

Paulete Matos / Flickr

A deputada do Bloco de Esquerda, Mariana Mortágua

O Parlamento autorizou, por unanimidade, as deputadas do Bloco de Esquerda a prestarem declarações, como testemunhas, no âmbito do inquérito movido ao economista Pedro Arroja que lhes chamou “esganiçadas”.

A Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género apresentou queixa contra Pedro Arroja no início de Janeiro passado, depois de o economista se ter referido às mulheres do Bloco de Esquerda como “esganiçadas”.

“Não queria nenhuma daquelas mulheres, nem dada”, disse ainda Pedro Arroja, no seu espaço de comentário no Porto Canal, em Novembro de 2015.

No entanto, só agora o Parlamento deu aval às deputadas Catarina Martins, Mariana Mortágua, Joana Mortágua, Isabel Pires e Sandra Cunha para prestarem declarações por escrito no âmbito do inquérito que decorre no Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP) do Porto.

A eurodeputada Marisa Matias também vai ser ouvida no âmbito do caso.

Em causa pode estar a prática do crime de discriminação sexual, conforme salienta o Jornal de Notícias, notando que a moldura penal prevista é de pena de prisão de seis meses a cinco anos.

ZAP

PARTILHAR

14 COMENTÁRIOS

  1. Crime de discriminação sexual? Mas que discriminação sexual? Então o homem já não tem direito a ter a sua opinião acerca de alguém? Mas que raio de liberdade é esta? A liberdade é só para alguns? Oraaaa tenham decoro… percam tempo com o que realmente interessa… deixem-se de historias para boi dormir… rssss

  2. É bom que Pedro Arroja aprenda que as pessoas lá por não serem da sua cor politica merecem respeito!
    As mulheres do PSD e CDS, quando põem defeito em tudo o que é de esquerda são o quê?
    Quanto a mim são mulheres! E também há os homens que fazem o mesmo!
    O que ele fez é discriminação reles e reveladora do mau carácter de um reles comentador. Isso sim!, E é bom que ele leve um correctivo!
    Quem vem para a comunicação social fazer comentários, deve ser responsabilizado pelo que diz e não dizer o que lhe apetece, sem respeito pelas pessoas.

  3. Mas consideraram que foi um piropo? ou agora dizer que não se gosta de alguém é crime? tenham juízo, vão dar banho ao cão!

  4. E não são esganiçadas? è alguma mentira? Tal como um comentador já aqui escreveu eu tb digo – ASSENTA-LHES QUE NEM UMA LUVA”

  5. Por unanimidade, quando toca a defenderem-se uns e outros, como eles conseguem unanimidade, é como os casos de corrupção, em que se escondem atrás uns dos outros.

  6. E o Parlamento autorizou por unanimidade as meninas do Bloco a prestarem declarações, pois assim até vamos compreender melhor porque razão um deputado goza de imunidade parlamentar, quando se trata de se protegerem a eles próprios tombam todos para o mesmo lado e estas no final mais esganiçadas ficarão certamente sentindo-se donas e senhoras disto tudo.

  7. É realmente ridículo fazer uma peixeirada com uma simples opinião (fundamentada, diga-se em abono da verdade). Ve-se que não têm nada de mais importante para tratar… Que tristeza!

  8. Incrível! O nojo de gente que para aqui anda! Se eu vos insultasse, não ficariam… ofendidos? Se ocupassem um cargo de relevo, não fariam algo? Só porque é do partido que não gostam, está bem?… Vocês metem-me nojo… Para vocês, cambada de…, vão “banho ao cão”, como disse o toni dos bifes!

  9. Que confusão…
    Quando se fala em “esganiçadas”, alguns pensam que se está a falar das suas mães…
    Já deviam saber que nem todas são iguais…

Responder a Rahul Cancelar resposta

Catarina Martins acusa PS de acenar com crise política quando negociações são "mais incómodas"

A coordenadora do Bloco de Esquerda (BE), Catarina Martins, apontou, na segunda-feira, que “há quem tenha vontade de ter uma crise política”, e que o PS habitualmente utiliza este argumento quando “as negociações são mais …

Diogo Jota marca na reviravolta do Liverpool sobre o Arsenal

O avançado estreou-se, esta segunda-feira, na Premier League pelo Liverpool, marcando o terceiro golo do campeão inglês, na reviravolta sobre o Arsenal (3-1). Diogo Jota, avançado luso contratado ao Wolverhampton, e que tinha jogado pelos reds …

"Absolutamente insano". Ao lado de von der Leyen, Costa rejeita crise política e pede “noção de emergência”

O primeiro-ministro afirmou esta segunda-feira que seria “absolutamente insano” se Portugal entrasse em crise política na atual conjuntura internacional e adiantou que as negociações do Orçamento com os parceiros de esquerda registam “avanços positivos“. Esta posição …

"Rotas Cruzadas 2". PSP detém 3 pessoas em megaoperação contra o tráfico de droga

A Polícia de Segurança Pública (PSP) está a levar a cabo, na manhã desta terça-feira, uma megaoperação de combate ao tráfico de droga - "Rotas Cruzadas 2" - nos concelhos de Lisboa, Sintra, Leiria, Batalha …

Quantos ovos pode consumir por semana sem prejudicar o coração? Os cientistas já têm um número

Uma equipa internacional de cientistas concluiu que o consumo de quatro ovos por semana não compromete a saúde do coração da população em geral. A investigação, cujos resultados foram esta semana publicados na revista European Journal …

“Mal vai o país” se líder da oposição e primeiro-ministro não conseguirem dialogar

O presidente do PSD, Rui Rio, considerou que "mal vai o país" se o líder da oposição e o primeiro-ministro deixarem degradar de tal forma a sua relação pessoal e política que quebrem todas as …

TAP agrava prejuízo para 582 milhões no 1.º semestre à boleia da pandemia

A TAP S.A. registou 582 milhões de euros de prejuízo no primeiro semestre, valor que compara com um resultado líquido negativo de 112 milhões apurado em igual período de 2019, comunicou hoje a companhia aérea …

Um milhão de mortes por covid-19. Guterres diz que mundo tem de aprender com os erros

O secretário-geral das Nações Unidas lamentou o "arrepiante" número de mortos provocados pela covid-19, que já ultrapassou um milhão em todo o mundo, e exortou a sociedade a aprender com os erros para superar a …

Prender grandes mamíferos em jardins zoológicos e aquários danifica os seus cérebros

Grandes mamíferos de cativeiro em jardins zoológicos e tanques sofrem danos graves no cérebro, sugerem cientistas. Muitos deles desenvolvem comportamentos anormais. Hanako, uma fêmea de elefante asiático, viveu num pequeno recinto de cimento no Inokashira Park …

"Não há lugar para querelas" nas pandemias. Marcelo deixa recado aos políticos (e um apelo aos "extraordinários" portugueses")

O Presidente da República defendeu que "não há lugar para querelas institucionais durante pandemias" e que nesta conjuntura a estabilidade se deve sobrepor aos ciclos eleitorais e a "visões particularistas ou de promoção pessoal". "Essa é …