De tanto acasalar, tartaruga centenária conseguiu salvar espécie da extinção

jdegenhardt / Flickr

Diego, tartaruga gigante macho de Galápagos com mais de 100 anos

Diego, tartaruga gigante macho de Galápagos com mais de 100 anos

Uma tartaruga gigante macho de Galápagos com mais de 100 anos de idade está a ser considerada a grande responsável por recuperar a população da espécie na sua ilha nativa, salvando-a da extinção.

Diego é uma tartaruga Chelonoidis hoodensis, espécie encontrada na natureza apenas em Española, ilha ao sul do arquipélago de Galápagos, no oceano Pacífico.

O arquipélago ficou famoso mundialmente por ter sido alvo de estudos do naturalista inglês Charles Darwin, autor da Teoria da Evolução, devido à sua grande biodiversidade.

Há 50 anos, havia apenas dois machos e 12 fêmeas da espécie de Diego em Española – e os animais estavam demasiado espalhados pela ilha para que fosse possível reproduzirem-se.

Contudo, o apetite sexual de Diego reverteu a situação. A viver num centro de reprodução na ilha Santa Cruz, uma das maiores de Galápagos, ele tornou-se pai de cerca de 800 filhotes.

“É um macho reprodutor muito ativo sexualmente e contribuiu enormemente para repopular a ilha”, descreve à agência AFP Washington Tapia, especialista em preservação de tartarugas do Parque Nacional de Galápagos.

De volta a Galápagos

Com 80 quilos, 90 centímetros de comprimento e 1,5 metros de altura (se esticar as pernas e o pescoço), Diego é o macho dominante entre os três selecionados para recuperarem a espécie em Española. Ele convive com seis fêmeas, suas parceiras nesta missão.

Diego foi encontrado no zoo de San Diego, nos Estados Unidos – é daí que vem o seu nome -, após a espécie ter sido identificada por cientistas e uma campanha internacional ter sido lançada para encontrar mais exemplares deste tipo raro de tartaruga.

San Diego Shooter / Flickr

Tartarugas dos Galápagos a acasalar

Tartarugas dos Galápagos a acasalar

“Não sabemos exatamente como ou quando ele chegou aos Estados Unidos. Deve ter sido retirado de Española entre 1900 e 1959 por uma expedição científica”, afirmou Tapia.

Diego foi levado de volta para Galápagos em 1976 e incluído no programa de reprodução da espécie.

Espécies ameaçadas

Os cientistas não tinham conhecimento do quanto Diego tinha contribuído para esta meta até uma análise genética mostrar, há seis anos, que era pai de 40% dos filhotes libertados na natureza pelo projeto.

Ao todo, duas mil tartarugas foram distribuídas pela ilha, e hoje a espécie não está mais ameaçada de extinção.

“Não diria que a espécie está em condições perfeitas, porque os registos históricos mostram que houve provavelmente mais de cinco mil tartarugas na ilha. Mas está a correr bem, e a população está a aumentar, o que é mais importante”, disse Tapia.

Das 15 espécies de tartarugas gigantes com origem em Galápagos, três foram extintas, vítimas dos piratas do século XVIII que pilharam o frágil ecossistema do arquipélago.

Entre as espécies ameaçadas atualmente, nem todas têm um macho como Diego para vir para salvá-las.

A esperança de recuperar a espécie Chelonoidis abingdoni, por exemplo, morreu quando, em 2012, faleceu o último sobrevivente conhecido, a tartatuga George, o Solitário, depois de se recusar por muitos anos a reproduzir em cativeiro.

ZAP / BBC

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Artistas exigem 1% do Orçamento do Estado para a Cultura

Mais de 300 artistas concentrados esta terça-feira em frente ao Teatro Nacional de São Carlos, em Lisboa, exigiram um valor imediato de 1% do Orçamento do Estado para a Cultura, em 2020. O protesto, convocado pela …

Depois do Idai, ainda há carência de comida e água potável

São milhares os desalojados que, após o ciclone Idai, continuam sem acesso a água potável. Além disso, a necessidade de comida mantém-se em níveis inalterados. Os dados da Organização Internacional para as Migrações (OIM), patentes no …

Há mulheres-polícia que recebem menos quando estão grávidas

De acordo com um relatório sobre as iniquidades de género dentro da Polícia de Segurança Pública (PSP), ao qual a revista Sábado teve acesso, há mulheres-polícia que recebem menos quando ficam grávidas. Segundo o inquérito realizado …

França. Governo adia entrada em vigor das novas pensões

O novo sistema universal de pensões em França vai abranger apenas as gerações nascidas a partir de 1975 e só terá nova formulação, através de pontos, a partir de 2025. O novo sistema universal de pensões …

Greta Thunberg é a "Personalidade do Ano" da revista Time

Greta Thunberg é a “Personalidade do Ano” mais jovem alguma vez escolhida pela revista Time. A capa da edição de 23 de dezembro foi divulgada esta quarta-feira. A revista norte-americana Time elegeu a ativista climática sueca …

Erupção do Whakaari. Nova Zelândia encomendou 120 metros quadrados de pele para tratar os feridos

A Nova Zelândia já encomendou 120 metros quadrados de pele humana aos Estados Unidos para tratar os 30 feridos do vulcão Whakaari, na Ilha Branca. Cirurgiões neozelandeses têm trabalhado sem parar dado o número de queimados …

Entidade Reguladora da Saúde diz que fez tudo o que devia no caso do bebé sem rosto

Esta quarta-feira, a presidente da Entidade Reguladora da Saúde (ERS) considerou que o regulador fez tudo o que devia ter feito no caso do bebé que nasceu em Setúbal com malformações graves não detetadas as …

Legislação não impede que animais selvagens sejam vendidos a circos estrangeiros

A nova lei de proteção a animais selvagens não impede que estes sejam vendidos e continuem a ser usados em circos estrangeiros. Animais como camelos, cães e cavalos continuam a poder ser usados. A lei de …

Oito migrantes do norte de África desembarcam na praia de Monte Gordo

Oito migrantes oriundos do norte de África foram detidos na manhã desta quarta-feira pela Polícia Marítima, depois de desembarcarem em Monte Gordo, no Algarve. Oito migrantes foram detidos na manhã desta quarta-feira pela Polícia Marítima em …

Universidade impede que Laurent seja o mais novo a licenciar-se e criança desiste

Laurent Simons já não deverá ser o menino mais novo do mundo a licenciar-se, depois de a universidade ter alargado os seus estudos até meados de 2020. A Universidade Técnica de Eindhoven, na Holanda, propôs a …