Crianças do Estado Islâmico treinam decapitações com bonecas

(cv) YouTube

-

A estratégia do Estado Islâmico na Síria e no Iraque passa pelo uso de crianças em atentados suicidas, na frente de combate e também em vídeos de decapitações. E nos campos de treino do grupo terrorista, rapazes com idades a partir dos 8 anos aprendem a decapitar pessoas com bonecas.

Um adolescente de 14 anos, que conseguiu fugir de um campo de treinos do Estado Islâmico, conta à Associated Press como passou cinco meses a fazer “exercícios, treinos com armas e estudos Corânicos”, como foi obrigado a bater no próprio irmão para ficar “mais forte” e como os guerrilheiros lhes batiam “em todo o lado”.

Este jovem da minoria curda Yazidi, capturado juntamente com o irmão mais novo e com a mãe no Iraque, recebeu o nome muçulmano de Yahya no campo de treinos e foi obrigado a ver vídeos de decapitações, tal como os outros cerca de 120 rapazes com idades entre os 8 e os 15 anos que aí se encontravam.

O adolescente conta que os guerrilheiros lhes diziam que um dia também eles teriam que executar uma decapitação e para treinarem davam-lhes uma boneca e uma espada.

“Então, ensinaram-me como segurar na espada e disseram-me como golpear. Disseram-me que era a cabeça dos infiéis”, conta o jovem à Associated Press.

A actuação do Estado Islamico na Síria e no Iraque passa por matar os homens e raptar as mulheres e as crianças. E se elas – independentemente da idade – são usadas para escravidão sexual, eles são reeducados, forçados a converterem-se ao Islamismo e a tornarem-se guerrilheiros “jihadistas”.

Há relatos de crianças raptadas nas ruas e de outras convencidas a juntarem-se ao grupo terrorista a troco de presentes e de doces e, muitas vezes, contra a vontade dos próprios pais.

Depois, são vítimas de uma verdadeira lavagem cerebral, treinando nos campos durante 8 a 10 horas por dia, para serem usados em atentados suicidas e até nas decapitações de reféns.

Nas últimas semanas, foram divulgados na Internet vídeos com uma criança que não aparenta ter mais de 10 anos a decapitar um soldado sírio e  com 25 rapazes a darem um tiro na cabeça, sem hesitações, a 25 soldados sírios capturados.

Considerados “Ashbal”, o árabe para “crias de leão“, estes rapazes são rebaptizados com nomes muçulmanos e preparados para servirem a causa do Estado Islâmico cegamente.

De acordo com a organização britânica Observatório Sírio para os Direitos Humanos, só neste ano, juntaram-se ao Estado Islâmico 1100 crianças sírias com menos de 16 anos. E há a certeza de muitos casos que não estão documentados, o que aumenta o número até níveis desconhecidos.

Os dados da mesma organização apontam para a morte de 52 crianças, incluindo oito bombistas suicidas.

SV, ZAP

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Triste muito triste porque afinal onde está o resto do Mundo que nada faz.
    ( E ainda bem que não andamos a ensinar os nossos jovens a fazer decapitações…
    Ser solidário sim! )
    Esta parte era bom se fosse verdade pois hoje em dia o que mais se ensina é serem desonestos e olharem primeiro para os seus umbigos pois por alguma razão estamos hoje em dia como estamos em todas as partes do Mundo, mas isto é a minha opinião e claro que também existem pessoas de bem mas começa a ser um bem escasso.

RESPONDER

Já foram assassinadas 30 mulheres este ano, metade por violência doméstica

O Observatório das Mulheres Assassinadas (OMA) contabilizou 30 mulheres assassinadas entre 1 de janeiro e o dia 15 de novembro, 16 das quais em contexto de relações de intimidade, um valor abaixo das 21 registadas …

Netanyahu terá visitado Arábia Saudita (e reunido com Mike Pompeo e o príncipe herdeiro em segredo)

O primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, terá viajado no domingo em segredo à Arábia Saudita para se encontrar com o príncipe herdeiro saudita Mohammed bin Salman, divulgaram esta segunda-feira vários meios de comunicação de Israel. De acordo …

Arguidos no processo da queda da árvore na Madeira vão a julgamento

O Tribunal da Comarca da Madeira decidiu, esta segunda-feira, após a fase de instrução, levar a julgamento os dois arguidos no caso da queda da árvore no Funchal que, em agosto de 2017, provocou a …

Ausência de máscara na via pública dá multa a pelo menos 7 pessoas por dia

Entre 28 de outubro e 16 de novembro, a GNR e a PSP aplicaram 825 coimas por incumprimento relativo ao uso de máscara, sendo que mais de 130 foram por falta dela na via pública. De …

França cria "crime de ecocídio" para punir danos graves ao ambiente

A ministra da Transição Ecológica, Barbara Pompili, e o ministro da Justiça de França, Eric Dupont-Moretti, anunciaram a criação do "crime de ecocídio", que visa prevenir e punir os danos graves ao ambiente. Ao Journal du Dimanche, explicaram …

BCE reitera que retoma económica só em 2022 (e "enfraquecida")

Para Philip Lane, economista-chefe do Banco Central Europeu, a vacina traz uma perspetiva para o final do próximo ano e para 2022, mas não para os próximos seis meses. O economista-chefe do Banco Central Europeu (BCE), …

Ventura notificado para apresentar defesa em processo por discriminação

A Comissão para a Igualdade e contra a Discriminação Racial (CICDR) notificou André Ventura para apresentar a sua defesa na sequência de alegadas declarações de carácter discriminatório em relação à etnia cigana no Facebook. A comissão …

UNICEF prepara maior operação da história para administrar dois mil milhões de vacinas

A UNICEF anunciou hoje que está a analisar a logística de transporte de cerca de dois mil milhões de vacinas contra a covid-19 para 92 países e que esta será a maior operação internacional da …

China deteta surtos em três cidades e impõe bloqueios e milhões de testes

As autoridades chinesas estão a testar milhões de pessoas, a impor bloqueios e a fechar escolas depois de vários casos do novo coronavírus transmitidos localmente terem sido diagnosticados nos últimos dias, em três cidades. À medida …

Joe Biden escolhe Antony Blinken para secretário de Estado

O Presidente-eleito escolheu Antony Blinken - um dos seus assessores mais antigos e mais próximos de Joe Biden - para o cargo de secretário de Estado, decisão que ainda terá de ser validada pelo Senado …