Criança de dois anos cai do 12º andar (mas acaba por ser salva por estafeta)

(cv)

No passado domingo, em Honói, na capital do Vietname, um estafeta salvou a vida de uma criança de dois anos que caiu do 12° andar de um prédio. Nguyen Ngoc Manh é agora conhecido como herói nacional.

O homem de 31 anos estava a realizar o seu serviço como estafeta, quando se deparou com uma criança pendurada numa varanda.

“Eu estava sentado no carro à espera de entregar umas encomendas a um cliente no prédio em frente e ouvi o choro de um bebé”, disse Manh, citado pelo Vietnam Times.

No entanto, Manh conta que “assim que ouvi alguém a gritar por socorro, pus a minha cabeça fora do carro, olhei e vi uma menina a sair disparada de uma varanda”. Nesse momento, o vietnamita revela que saiu do carro rapidamente e tentou encontrar maneira de arranjar uma posição adequada para poder amparar a queda da criança.

Apesar de todo o esforço, o estafeta realça que o ato heroico aconteceu por mero acaso. “Tentei estender a mão e fiz o máximo de esforço para agarrar a menina. Felizmente, caiu no meu colo”, contou ele.

Numa entrevista à VN Express, Manh realçou que “aconteceu tudo num minuto. Eu não entendi como pude escalar o telhado tão rapidamente. Não conseguia acreditar que salvei a vida da menina”.

Depois do salvamento, o homem acabou por levar a criança para um hospital próximo, avança o The Independent. Segundo o relatório médico, a menina está com um braço e uma perna partidos, mas está estável.

Os habitantes da cidade que testemunharam e registaram o ato heroico elogiaram bastante a atitude de Manh, que de repente se tornou num herói no país. Em declarações a vários órgãos de comunicação, o homem tem dito que o seu telemóvel não pára de tocar e que as suas redes sociais contabilizam mais seguidores dia após dia.

Contudo, apesar de muitas pessoas o chamarem de herói, Manh disse que não se encaixa no apelido, pois diz acreditar que qualquer um teria feito o mesmo. “Não me vejo como um herói. Só quero fazer o bem”, disse o estafeta, citado pelo VN Express.

  Ana Isabel Moura, ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE