CP impôs silêncio a trabalhadores no mesmo dia que exonerou diretor

No mesmo dia em que exonerou o diretor de material circulante, a CP distribuiu um código de ética pelos funcionários que exige que ninguém ponha “em risco a imagem da empresa”.

O diretor de material circulante da CP, José Pontes Correia, foi exonerado depois de se ter manifestado contra um ato de gestão da administração da empresa, que pode, na sua opinião, pôr em causa a segurança dos passageiros. Nesse mesmo dia, a empresa distribuiu um código de ética pelos funcionários que exige que ninguém ponha “em risco a imagem da empresa”.

Segundo o Jornal de Notícias, a CP – Comboios de Portugal recusa, porém, a ideia de que a saída de José Pontes Correia esteja relacionada com as suas críticas ao adiamento das revisões periódicas dos comboios.

De acordo com o código de ética distribuído pela empresa, os trabalhadores devem “agir nas relações interpessoais e com a empresa de modo a não pôr em risco a reputação e a imagem da mesma”.

O JN contactou representantes da comissão de trabalhadores que explicaram que o adiamento das revisões implicava, inicialmente, que em vez de as composições terem de ir à revisão após cumprirem 1,7 milhões de quilómetros, esse limite passaria para os 1,8 milhões de quilómetros.

No entanto, mais tarde, o limite passou para os dois milhões de quilómetros, o que foi lido como uma forma de evitar que essas revisões – que irão provocar supressões no serviço – ocorressem na altura das eleições legislativas do próximo ano.

Atualmente, as regras indicam que os rodados das automotoras têm de ser avaliados ao fim de 1,7 milhões de quilómetros, eventualmente sendo substituídos para que a composição possa regressar ao serviço.

Em cima da mesa está uma proposta de alargamento desse limite para dois milhões de quilómetros que José Pontes Correia criticou. “Fui exonerado por discordar”, disse à TSF, acrescentando que enquanto esteve “de baixa, nomearam um diretor interino para aprovar aquilo que eu rejeitei”.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Estamos numa “ditadura” não se pode exercer o direito de opinião…
    Despedido ??? Por estar a defender a segurança do utilizadores. Depois os acidentes acontecem e a “CULPA” não é de ninguém…

  2. É claro que não dá jeito nenhum que “essas revisões – que irão provocar supressões no serviço – ocorressem na altura das eleições legislativas do próximo ano”…
    É preciso resolver o assunto e em vez de antecipar, adia-se. A segurança, interessa lá a alguém? Aconteça o que acontecer, ninguém paga!…
    Quem não está de acordo, leva…

RESPONDER

Atividade física ajuda a prevenir a perda de visão

Uma nova investigação sugere que o exercício físico pode ser um componente-chave na prevenção da perda de visão. Os benefícios da atividade física são cada vez mais conhecidos, mas há alguns que devem ser tidos em …

Dubai vai construir uma cidade marciana no deserto

O Dubai tem em mãos um projeto ambicioso: a construção de uma cidade marciana. O projeto foi apresentado por uma empresa sediada em Copenhaga e Nova Iorque e é uma parte do plano dos Emirados …

Coreia do Norte voltou a rejeitar negociações com os Estados Unidos

A Coreia do Norte disse, esta terça-feira, que não tenciona retomar o diálogo com os Estados Unidos, quando o vice-secretário de Estado norte-americano, Stephen Biegun, chegou à Coreia do Sul para discutir diplomacia nuclear. Num comunicado …

Construiu uma cadeira de rodas com bicicletas elétricas para a namorada. Agora, vai produzi-la em massa

Para Zack Nelson, construir esta  peça inovadora de engenharia foi "super divertido e surpreendentemente simples". Há cerca de um ano, Zack Nelson, o youtuber de tecnologia do canal JerryRigEverything, uniu duas bicicletas elétricas para criar uma …

A reeleição de Trump nunca esteve tão ameaçada. A culpa é do pessimismo dos americanos

A gestão do Presidente norte-americano face à pandemia e a perspetiva de uma crise económica ameaçam a reeleição de Donald Trump. Um estudo de opinião da Fundação Peter G Peterson para o The Financial Times indica …

Ministros da Indonésia promovem colar de eucalipto como cura para a covid-19

O ministro da Agricultura da Indonésia foi muito criticado por especialistas por alegar que um colar feito de eucalipto pode ajudar a impedir a transmissão da covid-19. Segundo o The Guardian, o ministro da Agricultura da …

SATA pede auxílio ao Estado no valor de 163 milhões de euros

A SATA, companhia aérea detida a 100% pela Região Autónoma dos Açores, precisa do valor até ao final do ano para pagar dívidas. A SATA pediu um auxílio ao Estado de 163 milhões de euros para …

Cortiça portuguesa usada em foguetões da Space X

A Corticeira Amorim forneceu a Space X, de Elon Musk, para componentes usados nos foguetões espaciais da empresa, adiantou o presidente da empresa, António Rios Amorim. "É o nosso maior cliente [deste segmento] neste momento desde …

Pandemia põe em risco mais de 40% dos empregos no Algarve

Além do Algarve, outros destinos turísticos europeus, como ilhas do sul da Grécia, Canárias e Baleares, estão também em risco. As regiões onde o turismo tem mais peso enfrentam um risco maior de destruição de emprego, …

Imunidade de grupo não vai travar pandemia, diz estudo espanhol

Um estudo espanhol, que abrangeu mais de 60 mil pessoas, colocou em causa a viabilidade da imunidade de grupo como forma de combater a pandemia de covid-19, estimando que apenas 5% da população tenha desenvolvido anticorpos …