Coreia do Norte avisa Trump para evitar “atitudes irresponsáveis”

(dv) KCNA / YONHAP

A Coreia do Norte avisou Donald Trump para se abster de qualquer “ato irresponsável”, no primeiro dia de uma viagem do Presidente norte-americano à Ásia, dominada pelas ameaças nucleares norte-coreanas.

Rodong Sinmun, o jornal do partido único no poder na Coreia do Norte, noticiou que certos norte-americanos defendem a destituição de Donald Trump e que as suas declarações controversas são suscetíveis de provocar “um desastre nuclear no continente americano”.

O Presidente norte-americano, acrescenta o jornal, é “espiritualmente instável”.

O Presidente dos EUA iniciou hoje uma visita de nove dias à Ásia, que o levará ao Japão, Coreia do Sul, China, Vietname e Filipinas, marcada pela ameaça nuclear norte-coreana e renegociação de acordos comerciais.

Creio que vamos ter um grande êxito. Vamos falar de comércio. Obviamente que vamos falar da Coreia do Norte”, afirmou Trump aos jornalistas antes da partida, ainda em Washington.

Já em Tóquio, o chefe de Estado norte-americano preveniu que “nenhum ditador” deve subestimar “a determinação da América“.

Apesar de não ter mencionado diretamente a Coreia do Norte, advertiu que “nenhum país pode impor-se às capacidades militares norte-americanas”, e assinalou que as tropas dos EUA “não irão vacilar nem um instante diante de qualquer ameaça”.

A agenda oficial de Trump em Tóquio começa na segunda-feira, com uma série de reuniões bilaterais, uma partida de golfe com o primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, e uma visita à família imperial japonesa. Trump também se desloca à base aérea de Yokota, para falar com tropas norte-americanas ali estacionadas.

Trump e Abe também deverão reunir-se com “familiares de japoneses sequestrados pelo regime norte-coreano”, indicou um responsável norte-americano, citado pela agência EFE.

No decorrer da visita à Coreia do Sul – que coincide com o primeiro aniversário da vitória de Trump nas eleições americanas – o Presidente dos EUA estará num jantar de Estado com o presidente Moon Jae-in e fará um discurso na Assembleia Nacional (Parlamento sul-coreano).

Trump não visitará a zona desmilitarizada que divide as duas Coreias, mas viaja a Camp Humphreys, uma base militar norte-americana 70 quilómetros a sul de Seul.

O Presidente norte-americano aterra na China na tarde de quarta-feira. Apesar de a ameaça norte-coreana estar em cima da mesa na reunião com os dirigentes chineses, o outro foco da conversa será a relação comercial bilateral.

Trump terá como prioridade pressionar o gigante asiático no sentido de tornar mais “justa” e equilibrada a relação comercial com os Estados Unidos.

A partir de dia 10, participa no Fórum de Cooperação Económica da Ásia-Pacífico (APEC), em Da Nang (Vietname). Já nas Filipinas, o Presidente dos EUA participa primeiro na Cimeira da Associação de Nações do Sudeste Asiático (ASEAN) e depois na EAS.

A Casa Branca realçou que Trump pretente sublinhar o compromisso dos EUA para com toda a região do Índico-Pacífico, sobretudo após a sua decisão de afastar os Estados Unidos do Tratado de Associação Transpacífico (TPP).

No decorrer da APEC, Trump poderá manter uma reunião bilateral com o Presidente russo, Vladimir Putin – que também estará presente na cimeira -, mas até ao momento não está marcado qualquer encontro entre os dois.

Este périplo internacional será o mais longo realizado por um Presidente dos Estados Unidos desde 1992, na altura com o presidente George H.W. Bush. Essa visita ficou conhecida porque Bush ficou doente e vomitou em cima do primeiro-ministro japonês, no decorrer de um jantar oficial.

O titular da Casa Branca tem-se envolvido numa espiral de ameaças belicistas e de insultos pessoais com o dirigente norte-coreano Kim Jong-Un. Perante a assembleia geral da ONU, Trump ameaçou mesmo “destruir completamente” o regime.

O Rodong Sinmun evocou o senador republicano Bob Corker, que preside à Comissão dos Negócios Estrangeiros, bem como outras personalidades norte-americanas, reportando que acusam Trump de agravar, sem razão, as tensões com a Coreia do Norte.

As tensões subiram de tom após o sexto ensaio nuclear realizado em setembro pela Coreia do Norte. O país multiplicou igualmente os disparos de mísseis, afirmando ser capaz de alcançar com fogo nuclear o continente americano.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

O detetive a bordo do rover da NASA Perseverance

Marte está muito longe da famosa 221 Baker Street, mas um dos detetives mais conhecidos da ficção estará representado no Planeta Vermelho quando o rover Perseverance da NASA pousar no dia 18 de fevereiro de …

Nem o mar profundo se safa das alterações climáticas

Um novo estudo mostra que as alterações climáticas já estão a bater à porta do mar profundo, e os seus habitantes poderão em breve estar em perigo. De acordo com o site IFLScience, a equipa de …

Príncipe belga pede desculpa por violar confinamento em festa ilegal em Espanha

O príncipe Joachim da Bélgica disse “lamentar profundamente” não ter respeitado “todas as medidas” do confinamento durante uma viagem a Espanha, onde participou numa festa ilegal em Córdoba que está a ser investigada pela polícia. Depois …

Politólogo que previu que Trump seria Presidente vaticina a sua reeleição

O politólogo que previu que Donald Trump seria Presidente dos Estados Unidos vaticina agora a sua reeleição em novembro de 2020. Helmut Norpoth, professor de ciências políticas da Universidade Stony Brook, nos Estados Unidos, previu …

Índia regista mais de oito mil novos casos. Tem "uma longa batalha" pela frente

A Índia registou mais de oito mil novos casos de covid-19 num único dia, um novo recorde desde o início da pandemia no país, foi este domingo anunciado. O número de casos confirmados de covid-19 na …

Jovens bolivianos forçaram picada de viúva-negra. Queriam ser como o Homem-Aranha

Três irmãos bolivianos de 8, 10 e 12 anos acabaram hospitalizados depois de fazerem com que uma viúva negra os picasse para que ficassem com super-poderes como o Homem Aranha. "Pensando que a [picada] lhes …

Bloco exige retirada de norma "insultuosa" no apoio a recibos verdes

O Bloco de Esquerda (BE) exigiu este domingo ao Governo que retire do formulário de apoio para os trabalhadores independentes uma norma "insultuosa" que lhes exige o compromisso de retomarem a atividade no prazo de …

Espetada de porco 2.0. Novameat propõe carne impressa em 3D para o jantar

A Novameat, uma empresa espanhola de tecnologia alimentar, apresentou um novo produto: carne de porco à base de plantas impressa em 3D, a que batizaram de espetada de porco 2.0. A Novameat quer apoiar um sistema …

Uber acusada de exploração de trabalhadores em Itália

Um tribunal de Milão ordenou a nomeação de um administrador judicial para a Uber Itália durante um ano, após ter determinado que o serviço de entrega de refeições da empresa explorava os trabalhadores. De acordo com …

Pinto de Costa: "Se Rui Moreira tivesse avançado, não me candidatava"

Pinto da Costa revelou que não teria avançado para a recandidatura à presidência do FC Porto se o presidente da Câmara do Porto tivesse entrado na corrida. "Se o Rui Moreira se tivesse candidatado, embora …