Consumo excessivo de antibióticos pode provocar cancro intestinal

As pessoas que tomam antibióticos de forma prolongada apresentam mais frequentemente pólipos na parede dos intestinos, lesões benignas que podem a longo prazo evoluir para cancro, revela um estudo publicado esta quarta-feira.

Esta investigação vem juntar-se a outros estudos recentes sobre o papel desempenhado pela flora intestinal no aparecimento de cancros digestivos.

O estudo analisou cerca de 16.600 mulheres americanas de mais de 60 anos que tinham feito pelo menos uma colonoscopia. Em 1.195 foram detetados pólipos ou adenomas colorretais.

Os autores do estudo, citados num artigo publicado na revista médica Gut do British Medical Journal observaram que as mulheres que tinham sido tratadas com antibióticos durante pelo menos dois meses cumulativos entre os 20 e os 39 anos tinham mais 36% de probabilidade de ter pólipos no colon ou reto comparativamente com as que tinham tomado menos antibióticos.

Entre as mulheres que tinham tomado antibióticos durante pelo menos dois meses entre os 40 e os 59 anos, a frequência de aparecimento de pólipos é 69% mais elevada.

Esta investigação constata uma probabilidade estatística, mas não estabelece ligação direta causa/efeito entre o consumo de antibióticos e o aparecimento de pólipos, advertem os autores.

Contudo, tal ligação terá “uma explicação biológica plausível”, sublinham, lembrado que se sabe que os antibióticos alteram a flora intestinal, diminuindo o número e a diversidade de bactérias presentes, e reduzem a resistência a infeções.

Os estudos observaram igualmente uma rarefação de algumas bactérias e a proliferação de outras naqueles pacientes que apresentam cancro colorretal.

“Estes dados juntam-se, assim, aos que já eram conhecidos sobre à importância da flora intestinal para a nossa saúde”, comentou Sheena Cruickshank, imunologista da Universidade de Manchester.

Contudo, prosseguiu, os antibióticos “são medicamentos essenciais para tratar infeções bacterianas e, quando prescritos pelos médicos e utilizados corretamente, podem salvar vidas”.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. A maior parte das pessoas não sabe o que são “probióticos”. Nem sequer são mencionados na notícia, como é possível!… Deveriam os médicos ser os primeiros a prescrever probióticos, para repor a flora intestinal, depois de ter sido destruída pelos antibióticos que receitaram. Pelos vistos, não estão a fazer bem o seu trabalho.

RESPONDER

Xiaomi lança máscara elétrica que carrega via USB

A pandemia de Covid-19 tem impulsionado o surgimento de alguns recursos melhorados para fazer face ao combate do novo coronavírus. É o caso da nova máscara de esterilização elétrica da Xiaomi, que carrega via USB. A …

Em paradeiro incerto, ministra da Guiné-Bissau diz correr perigo de vida

Ruth Monteiro, ministra da Justiça e dos Negócios Estrangeiros no Governo da Guiné-Bissau deposto no golpe do dia 27 de fevereiro, está em parte incerta e diz correr perigo de vida. De acordo com o semanário …

Ovelhas e bactérias estão a ajudar a combater o coronavírus

Anticorpos que podem ajudar a combater o SARS-CoV-2, o vírus que causa a covid-19, estão a ser testados em ovelhas. Estes podem ser usados para desenvolver testes de diagnóstico. O SARS-CoV-2, o vírus que causa a …

Marcelo sai uma vez por semana, usa máscara e luvas nas compras (e passa a Páscoa em Belém)

O Presidente da República afirmou este sábado que, para se proteger do surto de covid-19, só sai em trabalho uma vez semana, usa máscara nas compras e vai passar a Páscoa confinado no Palácio de …

A procura por sumo de laranja está a disparar (e a culpa é do coronavírus)

A procura por sumo de laranja tem disparado nos últimos tempos, muito devido à pandemia de covid-19. As pessoas querem reforçar o seu sistema imunitário. Já quase ninguém está indiferente à ameaça da pandemia de covid-19, …

Nove pessoas com covid-19 curadas após receberem plasma de doentes recuperados

Pelo menos nove pessoas internadas nos cuidados intensivos em Itália com covid-19 já foram curadas, depois de receberem plasma de pacientes recuperados. De acordo com o jornal italiano Corriere della Sera, os doentes receberam o plasma …

Grace tem seis anos e pode ser a autora mais nova de sempre de um artigo científico

Uma menina de seis anos, que vive na Austrália, pode ser a autora mais nova de sempre a ter um artigo científico publicado numa revista da especialidade. Grace Fulton tem uma enorme paixão por animais e, …

Geco encheu Lisboa com autocolantes (e a polícia de Roma está a pedir ajuda para o encontrar)

A polícia de Roma está a pedir ajuda à Associação Vizinhos de Lisboa para encontrar o graffiter Geco, cujas pinturas e autocolantes se podem ver por toda a capital portuguesa, e que está em investigação …

TikTok "esconde" publicações de pessoas feias e pobres para atrair novos utilizadores

O TikTok deu indicações aos seus moderadores para 'esconder' as publicações de utilizadores feios, pobres ou com deficiências. As suas audiências eram manipuladas para que os seus vídeos fossem vistos por menos pessoas. Antes conhecido como …

Jornal italiano acusa Rússia de ter enviado espiões para os hospitais de Itália

O jornal italiano Le Stampa acusou Moscovo de ter enviado, no contingente de 104 médicos e especialistas enviados da Rússia, oficiais da agência de inteligência militar russa (GRU). A Rússia enviou ajuda para Itália, na forma …