Consumidores pagam gás de botija que não consomem

Daniele Civello / Flickr

-

A Associação de Defesa do Consumidor DECO alertou hoje para os desperdícios de gás de botija pagos pelos consumidores, que podem chegar aos 72 euros anuais no consumo de uma garrafa por mês.

Segundo a DECO, para quem compra uma botija de gás por mês, o desperdício que fica na garrafa representa 72 euros anuais, o que corresponde ao custo de quase três garrafas.

“Numa botija de gás butano existem sempre cerca de 300 gramas de gás que são devolvidos à marca, mas se for usada num esquentador a quantidade de gás que não é queimado e volta para a marca ronda os 3 quilos”, afirma a DECO.

O Governo ficou de apresentar hoje um estudo sobre os preços do gás natural e do gás de botija e o Governo, mas, segundo o gabinete de Jorge Moreira da Silva, o documento será entregue na quinta-feira aos deputados.

De acordo com a TSF, o ministro do Ambiente vai avançar com um preço de referência para o gás de botija, decisão que terá sido tomada na sequência de um estudo que indica que o preço do gás de botija é superior em 50% ao preço do gás natural.

“Ao considerarmos que 58% dos lares consomem gás butano, se os consumidores usarem 12 garrafas por ano e devolverem cada uma com quase 300 gramas, as marcas têm um ganho anual mínimo que ronda os 16 milhões de euros”, estima a associação, defendendo uma revisão da forma como o gás é vendido.

A Deco avaliou a quantidade de gás que vem nas botijas, face ao anunciado, e verificou se ficam mesmo vazias, na sequência de alertas recebidos de vários consumidores.

Foram analisadas 40 botijas adquiridas no Algarve e nas zonas de Lisboa e Porto.

“O problema maior é quando a botija só é usada no esquentador. Se puder também colocá-la no fogão, gaste aí o gás remanescente”, aconselha a DECO em comunicado.

Mesmo assim, nunca é queimada a totalidade do gás, sobrando em média 285 gramas, avisa.

A Deco defende medidas que impeçam que os consumidores sejam lesados e que reforcem o controlo da qualidade e segurança, sugerindo a inscrição de informações na garrafa como a data, o lote e o local de enchimento, com caráter obrigatório.

A associação diz ser fundamental que entre em pleno funcionamento, o mais rapidamente possível, a recém-criada Entidade Nacional para o Mercado de Combustíveis.

/Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. É verdade… Se for em botijas de 45kg e com tempo frio, chega a ir meia botija para trás. É por isso que os distrubuidores passam por casa para “transferir” o gás para as botijas deles com uns motores manhosos… mas isto não é de agora.

  2. O gás deveria de ser vendido ao kg. Assim pesa-se a garrafa à saída e à entrada e faz-se a diferença. Para isso é que inventaram as balanças à com gramas… O consumidor compra X Kgm de gás e devolve Y gm de gás… simples

  3. Ao fim de quase 50 anos a DECO descobriu a polvora dos restos de Gás, esqueceu-se de dizer foi tudo, como de custume, vai ver a EDP Gás faz publicidade na Deco. Publicidade extra sem custos.
    Podiam dizer que o poder calorifico do gás natural, não ghega as 9.000 kcl e que o gás Butano tem 28.000 kcl, ou seja, poupamos tempo, água. saneamento e Gás.
    Já agora se quiserem vir com uma balança pesar cada garrafa, o que é fácil porque elas vêm com o peso da tara inscrito nelas, vão ter uma grande surpresa. o problema não está no desperdicio esta nos quase 55% de imposto que o estado cobra por garrafa, enquanto no gás natural, só cobra os 23%, aí é que está a diferença.

RESPONDER

MIT desenvolve mão robótica insuflável (que devolve o tato aos amputados)

Apesar de haver membros biónicos altamente articulados, concebidos para detetar os sinais musculares residuais e imitar roboticamente os seus movimentos pretendidos, a destreza de alta tecnologia tem um custo muito alto. Recentemente, engenheiros do Massachusetts Institute …

É agora possível os robôs mexerem-se sozinhos, graças a novos polímeros de alta energia

Através do uso de novos polímeros que armazenam mais energia e são depois aquecidos, investigadores da Universidade de Stanford conseguiram colocar manequins a mexer os braços sozinhos. Era ver robots a mexer os braços sozinhos, pelo …

"Poço do Inferno". Espeleólogos encontram serpentes, mas não demónios

No deserto da província de Al-Mahra, no leste do país, um buraco redondo e escuro de 30 metros de largura serve de entrada para uma caverna de cerca de 112 metros. Uma maravilha natural que …

Vitória SC 1-3 Benfica | “Águia” passa tranquila em Guimarães e continua a voar no topo

Naquele que era apontado como o mais duro teste à sua liderança até ao momento, o Benfica passou com relativa tranquilidade em Guimarães. Frente a um Vitória que tentou discutir o jogo de igual para igual …

Fazer umas calças de ganga exige 10 mil litros de água. Dez marcas estão a criar jeans sustentáveis

As calças de ganga são das peças de vestuário com piores impactos para o ambiente, mas há marcas que estão a apostar na sustentabilidade como um factor atractivo para os consumidores. Estão sempre na moda e …

"Guerra das matrículas" faz escalar tensão entre Sérvia e Kosovo

Esta semana, a fronteira entre o norte do Kosovo e a Sérvia esteve bloqueada por protestos de elementos da etnia sérvia, que não aceitam a decisão do governo kosovar, de etnia albanesa, de proibir a …

Num golpe de "fake it until you make it", Hong Kong vai a eleições a saber o vencedor

Hong Kong prepara-se para as primeiras eleições legislativas após as mudanças no sistema eleitoral implementadas pela China para garantir a vitória dos seus aliados. Aos olhares mais desatentos, as eleições em Hong Kong são mais um …

Stefano Pioli propõe regra de basquetebol que contribui para um "futebol de ataque"

O treinador do Milan, Stefano Pioli, propõe uma alteração nas regras do futebol que promete revolucionar o desporto rei. De forma semelhante ao basquetebol, uma vez dentro do meio campo adversário, as equipas não poderiam voltar …

Um dos maiores sites de dados sobre a covid-19 na Austrália é, afinal, gerido por adolescentes

Aproveitando o momento em que passaram a integrar as estatísticas que os próprios fazem chegar diariamente à população australiana, o grupo de três jovens revelou a sua identidade para surpresa de muitos dos seus seguidores. …

Mais cinco mortes e 713 casos confirmados em Portugal

Portugal registou, este sábado, mais cinco mortes e 713 casos confirmados de covid-19, de acordo com o mais recente boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Este sábado registaram-se mais cinco mortes e 713 novos casos …