Concentração Motard de Faro arranca hoje com segurança reforçada

A 37.ª edição da Concentração de Motos de Faro começa esta quinta-feira e prolonga-se até domingo, sendo esperados 18 mil participantes, que terão segurança reforçada da GNR, uma semana após as detenções de 59 elementos do grupo motociclista Hells Angels.

A GNR anunciou na quarta-feira, em comunicado, que esta edição da Concentração de Faro terá um efetivo superior, sobretudo da Unidade de Intervenção.

A par deste reforço, o comando territorial de Faro vai realizar “uma operação de segurança de grande visibilidade” dirigida aos motociclistas, automobilistas e público que participa na concentração internacional.

A edição de 2018 decorre após a Polícia Judiciária ter detido, na semana passada, 58 elementos do grupo de motociclistas Hells Angels em Portugal, por indícios de associação criminosa, tentativa de homicídio, roubo, ofensa à integridade física, posse e tráfico de armas proibidas e tráfico de droga.

Dos 58 detidos em Portugal, o Tribunal de Instrução Criminal de Lisboa determinou na quarta-feira prisão preventiva para 39 arguidos e apresentação periódica às autoridades para os restantes 19. Os arguidos que ficam em liberdade estão proibidos de sair dos concelhos das respetivas residências e participar em concentrações ‘motards’.

A coordenadora da Unidade Nacional de Combate ao Terrorismo, Manuela Santos, assumiu em conferência de imprensa que a operação policial de desmantelamento do grupo, a 11 de julho, teve em conta a realização do encontro de Faro e a possibilidade de ajustes de contas entre grupos rivais.

O tenente Carvalho Afonso, oficial de comunicação e relações públicas do comando territorial da GNR de Faro, disse à agência Lusa que a segurança dentro do recinto está a cargo de uma empresa de segurança privada, como aconteceu nos anos anteriores.

No entanto, os militares da GNR vão estar nas imediações do recinto e, “se houver necessidade, será feita uma intervenção”, afirmou, dando conta de que a valência da investigação criminal vai estar a monitorizar e a recolher informações durante todo o evento.

Carvalho Afonso disse também que a GNR está em contacto com as outras forças de segurança portugueses e internacionais para troca de informações. A organização da Concentração de Motos de Faro afirmou, por sua vez, que vai manter a segurança habitual no recinto.

Para José Amaro, presidente do Motoclube de Faro, organizador da concentração de motos algarvia, as informações sobre as detenções de 59 pessoas ligadas aos Hells Angels para evitar um ataque na concentração estão a ser “empoladas pela imprensa”.

“Há sempre preocupação todos os anos com a segurança da concentração, principalmente sobre o problema dos incêndios. Essa é uma das principais preocupações da organização, porque a concentração está numa zona propícia a incêndios”, disse José Amaro, referindo-se ao facto de o recinto e o parque de campismo disponibilizado pela organização estarem junto de uma mata.

O presidente do Motoclube garantiu que “toda essa organização está preparada com os bombeiros e as autoridades” e frisou que, “no que se refere à outra segurança, dentro do recinto, o dispositivo vai ser precisamente igual ao do ano passado”.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Detido proprietário de jornal de Hong Kong ao abrigo da lei de segurança nacional

A polícia de Hong Kong fez buscas, esta segunda-feira, ao grupo de comunicação social Next Media, considerado pró-democracia, pouco depois da detenção do seu proprietário, ao abrigo da lei de segurança nacional. Dezenas de agentes das …

Detetado surto de covid-19 em lar do Barreiro. Há pelo menos 47 infetados

Um surto de covid-19 no Lar São José, no Barreiro, contabiliza 47 casos positivos e dois internamentos de idosos, mas a "situação está controlada", disse, este domingo, o delegado de saúde adjunto regional de Lisboa …

Índia regista recorde diário de mortes. Reino Unido atinge marca negra

O novo coronavírus continua a alastrar-se um pouco por todo o mundo. Enquanto alguns países estão a conseguir lidar com a pandemia de covid-19, outros estão a fracassar nessa tarefa. Este domingo, no total, registaram-se 6.106 …

"Um disparate". Presidente nega envolvimento na vinda de Juan Carlos para Cascais

O Presidente da República afirmou que “qualquer pessoa minimamente inteligente e sensata” perceberia que o chefe de Estado não se poderia envolver na questão do rei emérito de Espanha, classificando essa ideia como um "disparate". Em …

Plano do hidrogénio vai sair "muito caro" aos portugueses

Os fundadores da Tertúlia Energia defendem que o plano do hidrogénio do Governo tem várias lacunas e vai custar "muito caro" aos consumidores portugueses. Num artigo publicado no jonal ECO, os fundadores da Tertúlia Energia, Abel …

Governo vai lançar plano para salvar empresas viáveis em dificuldades (e perdoar juros ao Fisco)

O Governo vai lançar um plano para salvar empresas viáveis que será um novo mecanismo temporário para ajudar empresas que se encontrem em situação económica difícil ou em insolvência devido à pandemia. O plano, que se …

Fábio Silva a prazo no Dragão. Avançado deverá sair por 40 milhões

Fábio Silva deverá abandonar o FC Porto dentro dos próximos dias. O jovem avançado permitirá um encaixe de 40 milhões de euros para os cofres portistas. A saída de Fábio Silva do FC Porto parece praticamente …

"Há filhos e enteados?". Marques Mendes arrasa decisão "inacreditável" de realizar festa do Avante

Luís Marques Mendes criticou este domingo a realização da festa do Avante, considerando "inacreditável" que a habitual festa comunista seja realizada no atual contexto da pandemia de covid-19 em Portugal. No seu habitual espaço de …

Varandas só tem espaço para 24 jogadores. Metade será de Alcochete

Com o intuito de reduzir custos, o presidente sportinguista, Frederico Varandas, diz que quer um plantel com 24 jogadores para a próxima época. Cerca de metade são produtos de Alcochete. Frederico Varandas pretende encurtar o plantel …

Duas demissões no Governo do Líbano. Beirute ficou com cratera de 43 metros de profundidade

Duas demissões no Governo do Líbano foram anunciadas nas últimas horas depois da explosão no porto de Beirute que provocou pelo menos pelo menos 158 mortos, 6.000 feridos e dezenas de desaparecidos. A ministra da …