Coleção Berardo fica mais seis anos no CCB

endless autumn / Flickr

Museu Colecção Berardo

A Coleção Berardo vai manter-se no Centro Cultural de Belém (CCB) por mais seis anos, na sequência de um acordo alcançado entre o Ministério da Cultura e Joe Berardo.

De acordo com o Público, o Governo e o empresário chegaram a acordo sobre a continuidade da coleção no CCB, prevendo renovações automáticas a partir de 2022, “se não for denunciado por nenhuma das partes”.

O empresário Joe Berardo e o gabinete do Ministério da Cultura confirmaram ao Público o fecho das negociações que começaram antes do verão. A assinatura da “adenda ao acordo de 2006” será feita na quarta-feira no CCB, em Lisboa.

Quanto ao conteúdo do protocolo, o Ministério da Cultura adiantou apenas que caberá à Fundação Berardo decidir se as entradas continuarão a ser gratuitas.

O Público realçou, contudo, ainda que a Fundação Berardo “vai passar a assumir as despesas da bilhética e fica obrigada a garantir entradas grátis pelo menos um dia por semana“.

A adenda obtida pelo ministro da Cultura, Luís Filipe Castro Mendes, “garante que as mais de 900 obras do Museu Coleção Berardo, instalado no CCB desde junho de 2007, vão ficar exatamente onde estão, pelo menos até ao final de 2022”, revelou o jornal.

O acordo entre as partes foi assinado em 2006 e o museu abriu em junho de 2007, tendo as aquisições sido feitas nesse ano e no seguinte, surgindo a Coleção Estado/Berardo, com um total de 214 peças de artistas portugueses e estrangeiros, que “atualmente está parada”.

O acordo de empréstimo das obras da coleção de arte do empresário para a criação do Museu Berardo, instalado no CCB, terminava a 31 de dezembro deste ano.

O Público recorda que um braço de ferro entre o anterior presidente do CCB, António Lamas, o então ministro da Cultura João Soares e o presidente da Câmara Fernando Medina acabou por conduzir à demissão do primeiro, em fevereiro deste ano.

À semelhança dos seus antecessores Lamas, nunca escondeu o desconforto que sentia em relação ao Museu Berardo. “Se tivesse de dispor daquele espaço, não o alienaria a uma única entidade“, afirmou Lamas ao Público em novembro de 2014, referindo-se ao facto de o museu ocupar todo o centro de exposições do CCB.

 

Em julho, no parlamento, o ministro da Cultura anunciou que a opção tinha sido renegociar o acordo porque o Governo e Berardo estavam interessados em manter a coleção em Portugal.

O Museu Berardo abriu com um acervo inicial de 862 obras da coleção de arte do empresário, cedidas ao Estado, e avaliadas nessa altura em 316 milhões de euros pela leiloeira internacional Christie’s.

O museu celebrou nove anos em junho passado, com mais de seis milhões de visitantes das exposições permanentes e temporárias, segundo dados do museu.

 

ZAP / Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. e foi para isto que se cosntruiu o CCB? desde um quadro em branco a dois pedaços de madeira colocados no chao…a vários caixotes do lixo de folha a plástico…..de facto e lamentável que os portugueses estejam a sustentar esta coleção que não e mais que o caixote do lixo da arte. certa esquerda em Portugal ate lhe convem que os papalvos gostem disto…para depois os seus artistas protegidos fazerem boa figura.
    naqueles belos salões poderia fazer se algo mais e mais util que expor ridículas “obras de arte” pagas a peso de ouro……eu la deixaria a minha escultura se pudesse e o espaço fosse livre e democratico..um caglhoto de cao embrulhado num papel de jornal onde se evidenciasse a foto do berardo abraçado ao socrates.

RESPONDER

"DeepNude". Inteligência Artificial "tirou a roupa" a mulheres nas redes sociais

A empresa de informação Sensity alertou que mais de 100 mil imagens foram carregadas para um canal de Telegram onde um bot "tirou a roupa" de mulheres. A empresa de segurança Sensity revelou recentemente que existe …

Poluição atmosférica "custa" a cada citadino europeu 1.276 euros por ano

A poluição atmosférica "custa" 1.276 euros por ano a cada cidadão europeu residente em cidades, de acordo com um estudo da Aliança Europeia de Saúde Pública (EPHA) divulgado esta quarta-feira. O estudo chegou ao valor médio …

"Emergência arqueológica". O degelo dos Alpes está a "libertar" artefactos escondidos há milhares de anos

As alterações climáticas podem estar a ajudar os arqueólogos a encontrar artefactos escondidos nos glaciares do Alpes há milhares de anos. O derretimento dos glaciares dos Alpes está a "liberta" objetos que permaneceram congelados no tempo …

Thermite RS3 é o primeiro robô de combate a incêndios dos EUA (e está pronto a entrar ao serviço)

O Corpo de Bombeiros de Los Angeles, nos Estados Unidos, deu as boas-vindas ao mais recente membro da equipa: um bombeiro robótico. O Thermite RS3 é um rover de controlo remoto capaz de bombear milhares de …

Inventor dinamarquês que matou jornalista no seu submarino escapou da prisão (mas já foi apanhado)

O inventor dinamarquês Peter Madsen, condenado a prisão perpétua por torturar e assassinar a jornalista sueca Kim Wall, fugiu da prisão esta terça-feira.  As autoridades dinamarquesas capturaram-no minutos depois. Peter Madsen, o dinamarquês condenado a prisão …

Molécula descoberta por menina de 14 anos pode levar a uma cura para a covid-19

A jovem norte-americana de 14 anos, Anika Chebrolu, descobriu uma molécula que pode levar a uma potencial cura para a covid-19. Enquanto cientistas dos quatro cantos do mundo trabalham no desenvolvimento de uma vacina para a …

Cerca de 1.300 reclusos fogem de prisão no Congo após ataque do Estado Islâmico

Cerca de 1.300 reclusos escaparam de uma prisão na República Democrática do Congo na manhã de terça-feira, após um ataque reivindicado pelo Estado Islâmico, informou a Organização das Nações Unidas (ONU). Embora as autoridades locais tenham …

Amesterdão vai usar flores para impedir que os ciclistas estacionem bicicletas nas pontes

A cidade conhecida pelo uso de bicicletas, vai agora tomar uma medida em relação ao estacionamento destas nas pontes. Tudo para proteger as vistas para os seus famosos canais. Amesterdão orgulha-se de ser uma das cidades …

Morreu voluntário envolvido no ensaio da vacina de Oxford. Tinha 28 anos e era médico recém-formado

As autoridades de saúde brasileiras divulgaram esta quarta-feira a morte de um voluntário dos testes da vacina contra a covid-19, desenvolvida pelo laboratório AstraZeneca e pela Universidade de Oxford. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), …

Milo, o "comunicador de ação" que permite conversar em grupo durante atividades ao ar livre

Chegou o Milo, o novo aparelho que vai revolucionar as aventuras em grupo. Este pequeno dispositivo permite-lhe conversar com o seu grupo à distancia sem precisar de levar o smartphone para o meio da montanha, …