Cientistas russos estão a um passo da cura da cegueira

A cura da cegueira está próxima. Quem o garante é o Centro de Análises Clínicas de Medicina Físico-Química da Rússia, cujos cientistas afirmam ter cultivado retinas, com sucesso, através da reprogramação de células.

Segundo um estudo publicado esta quarta-feira no jornal russo Izvestia, um primeiro transplante de testes será realizado em 2017.

Com a ajuda de novas tecnologias, cientistas planeiam realizar posteriormente estudos também no uso de células reprogramadas no tratamento da doença de Parkinson.

A reprogramação de células é um fenómeno bastante recente na ciência.

O professor Signa Yamanaka, investigador da Universidade de Quioto e prémio Nobel em 2012, descobriu a capacidade única de células humanas de determinados tecidos, como a pele, de mudar a sua estrutura para o estado embrionário.

As células-estaminais podem também dar origem a quase todo o tipo de tecido.

Segundo os cientistas do CAC MFQ – Centro de Análises Clínicas de Medicina Físico-Química da Rússia, é agora possível criar uma retina a partir dos fibroblastos da pele.

Esta operação permitirá tratar, em primeiro lugar, pacientes que estão a perder a visão devido a degeneração macular genética, doença que causa a cegueira em pessoas com mais de 55 anos.

O tecido mais fácil de usar na reprogramação de células é a pele, porque a realização da biopsia não causa danos graves ao paciente, e as células multiplicam-se significativamente.

Mesmo havendo alguns tratamentos que retardam o progresso da cegueira, os pacientes com degeneração macular genética começam a cegar entre 20 e 30 anos, – não havendo, até agora, tratamento eficaz contra ela.

Segundo o chefe do Laboratório de Tecnologias Biomédicas do CAC MFQ, Sergei Kiselev, testes clínicos de transplante de retina estão a ser realizado astualmente nos EUA e na Europa.

Foram também realizados no Japão, antes de serem temporariamente suspensos devido a mudanças na legislação, mas o país pretende continuar com o desenvolvimento da técnica em 2017.

Mesmo havendo tratamentos que retardam o progresso da cegueira, os pacientes com degeneração macular genética começam a cegar entre os 20 e 30 anos, pois não há, até agora, um tratamento definitivo contra a cegueira.

A técnica poderá também ser usada para o transplante de neurónios humanos, que, juntamente com um procedimento da correcção de genoma, ajudará no tratamento de pacientes com a doença de Parkinson.

ZAP / Agência BR / Sputnik News

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Muitíssimo boa esta noticia. Fico triste pelo facto que em Portugal ainda se perde tempo e gozando com a cara dos contribuintes como estas últimas noticias. AT a tentar cobrar .. .não se sabe bem o quê nem a quem. Os portuguese ficam com a ideia de que os políticos portugueses são como as colheres de pau ” MECHEM EM QUALQUER PANELA ” desde que seja lixo.

  2. Esta notícia é excelente. Parabéns aos Investigadores.

    O meu problema é uma neuropatia óptica bilateral, será que posso alimentar alguma esperança para estas patologias?

    Melhores cumprimentos,

    Luís Carimbo – Tel. 919 617 546

RESPONDER

Veneno de caracol marinho usado para criar insulina híbrida promissora no tratamento da diabetes

Cientistas criaram uma versão minimalista e híbrida de insulina, a partir da hormona humana e de um caracol marinho, que pode vir a melhorar o tratamento da diabetes, divulgou a universidade norte-americana de Ciências da …

Sequelas da covid-19 em doentes mais graves ainda estão por compreender

O acompanhamento depois da alta para doentes que estiveram internados com covid-19 é um dos grandes desafios do sistema de saúde para compreender que sequelas, por enquanto desconhecidas, a doença poderá deixar. “Só daqui a seis …

Criança nasce com duas bocas nos EUA. É o 35.º caso registado desde 1900

A menina, nascida nos Estados Unidos, foi operada ao seis meses para remover a cavidade oral secundária, que incluía dentes, língua e um lábio. Uma bebé nasceu nos Estados Unidos com duas bocas, devido a uma …

Funcionários do Facebook em "greve virtual" face à recusa de Zuckerberg em agir contra Trump

Os funcionários do Facebook estão insatisfeitos com a decisão do fundador da rede social de manter uma postura neutra perante as recentes publicações do Presidente dos Estados Unidos. De acordo com o jornal The Guardian, os …

Inteligência Artificial recria "verdadeiro" rosto de Napoleão Bonaparte

Recorrendo a uma técnica de Inteligência Artificial, um artista holandês criou um retrato em alta definição do imperador francês Napoleão Bonaparte. O fotógrafo freelancer holandês Bas Uterwijk, cujo pseudónimo é Gandbrood, recorreu a uma rede neuronal …

"Apito" da covid-19. Novo teste deteta novo coronavírus em apenas um minuto

Uma equipa de cientistas da Universidade Ben-Gurion, em Israel, desenvolveu um novo dispositivo que é capaz de detetar a presença do novo coronavírus no organismo humano em apenas um minuto. O novo teste, desenvolvido pelos investigadores …

"We Call it Alentejo". Novo filme promocional destaca as maravilhas alentejanas

A gastronomia e vinhos, as pequenas aldeias, a sustentabilidade e a natureza são atributos do Alentejo evidenciados no mais recente filme promocional do território, lançado pela agência regional de promoção turística para chamar visitantes estrangeiros. Com …

Curandeiro convocou cerca de 100 pessoas para se abraçarem contra a "farsa" da pandemia

Josep Pàmies, um agricultor espanhol defensor das terapias alternativas, convocou cerca de 100 pessoas a abraçarem-se a beijarem-se contra a "farsa" da pandemia. No sábado, cerca de uma centena de pessoas juntaram-se em Balanguer, na província …

Rússia anuncia início de ensaios clínicos de uma vacina contra a covid-19

A Rússia vai começar os ensaios clínicos de uma vacina contra a covid-19 em 50 soldados que se ofereceram para participar nos testes, anunciou esta terça-feira o Ministério da Defesa. "Para verificar a segurança e eficácia …

Montenegro tem uma carta na manga para promover o turismo

Para incentivar o turismo, Montenegro tem a intenção de usar a carta da segurança sanitária para convencer os turistas estrangeiros a visitar o país. No dia 25 de maio, Montenegro declarou-se um "país livre de coronavírus" …