Cientistas podem ter encontrado a primeira lua fora do Sistema Solar

Alex Parker / NASA / ESA

Uma equipa de astrónomos pode ter encontrado a primeira lua fora do Sistema Solar. Se esta descoberta for confirmada, a exolua terá o tamanho e a massa de Neptuno e pode orbitar um planeta grande como Júpiter, mas uma massa 10 vezes maior.

Os sinais da possível lua foram registados através do projeto “Hunt for Exomooons with Kepler” – Caça a Exoluas com Kepler – e o estudo foi publicado na American Astronomical Society. Agora, os astrónomos pretendem usar o Hubble, em outubro, para realizar mais observações e confirmar a hipótese.

Até hoje, os astrónomos já descobriram mais de três mil exoplanetas – planetas que orbitam estrelas diferentes do Sol. A caça às exoluas, que orbitariam esses planetas distantes, prosseguiu em paralelo mas, até agora, não foram detectados satélites extrassolares dadas as limitações das tecnologia atual.

David Kipping, professor assistente de astronomia da Universidade de Columbia, em Nova Iorque, afirma que passou “a maior parte de sua vida adulta” à procura de exoluas. Em relação à possível descoberta, o especialista pede cautela.

“Poderiamos descrever o objeto, por enquanto, simplesmente como algo parecido com uma lua. Mas até pode ser outra coisa”, afirma.

O telescópio espacial Kepler tem vindo a procurar planetas através de pequenas oscilações no brilho das estrelas que ocorrem quando um planeta passa à sua frente – um evento conhecido como “trânsito“.

Para encontrar as exoluas, os cientistas observam a redução da luminosidade das estrelas antes e depois deste fenómeno. O novo sinal promissor foi registado durante três trânsitos, menos do que os astrónomos gostariam de ter observado para poderem anunciar com segurança a descoberta.

A investigação, conduzida por Kipping, Alex Teachey, e o cientista Allan R. Schmit, atribuiu o nível 4 de confiança ao sinal registado. Este nível de confiança descreve o quão improvável é que um resultado experimental seja simplesmente um acaso – Por exemplo, no jogo de “cara ou coroa”, seria o equivalente a tirar 15 “caras” seguidas.

No entanto, segundo Kipping, esta não é a melhor maneira de avaliar a potencial descoberta. “Estamos entusiasmados. Estatisticamente e formalmente é uma probabilidade muito alta. Mas será que confiamos realmente nas estatísticas? Isso é algo não quantificável. Até que consigamos analisar as observações do Hubble, é uma hipótese de 50%, na minha opinião”, pondera.

O candidato a lua é conhecido como Kepler-1625b I e foi observado num sistema solar situado a quatro mil anos-luz da Terra. Uma teoria atual da formação planetária sugere que esse corpo celeste, que orbita um planeta com a massa de Júpiter, não se formou ali, tendo sido capturado pela gravidade do planeta numa fase avançada da evolução do seu sistema planetário.

Os cientistas não encontraram nenhum indício de uma lua do tamanho de Neptuno em documentos, mas Kipping observa que não há nada na física que a impeça de existir.

Outros possíveis candidatos a exoluas surgiram no passado, mas nenhum foi confirmado até agora. “Eu diria que é o melhor candidato que já tivemos“, avalia Kipping.

“Quase sempre que esbarramos num candidato que passa nos nossos testes, inventamos mais testes que fazem com que seja eliminado. Neste caso, aplicamos todos os testes que já fizemos e o corpo celeste passou em todos. Mas, por outro lado, só tivemos três eventos”, acrescenta.

ZAP ZAP // BBC

PARTILHAR

RESPONDER

O mistério das anãs brancas com campos magnéticos incrivelmente fortes pode ter sido resolvido

Uma equipa internacional de cientistas acredita ter desvendado o mistério dos campos magnéticos incrivelmente fortes em anãs brancas: um mecanismo de dínamo. Um dos fenómenos mais marcantes da Astrofísica é a presença de campos magnéticos. Como …

Nova Iorque quer oferecer vacina aos turistas. Miami vai começar a vacinar no aeroporto

Em Nova Iorque os turistas irão receber a vacina da Johnson & Johnson e em Miami a vacina da Pfizer. Com o objetivo de reativar o turismo na cidade, as autoridades de Nova Iorque querem oferecer …

Carta misteriosa escrita por passageira do Titanic está a intrigar os peritos

Uma equipa de investigadores está a tentar desvendar um mistério que envolve uma carta que terá sido escrita por uma jovem a bordo do Titanic na véspera do naufrágio. Uma família encontrou a carta numa garrafa …

Violência na Colômbia preocupa comunidade internacional

Várias cidades colombianas continuam a ser palco de violentas manifestações contra o Governo do país, mas são reprimidas com força pela polícia e por militares. As manifestações começaram em forma de protesto contra uma reforma tributária …

Veterana de Bletchley Park tem um novo código da 2.ª Guerra para decifrar (mas precisa de ajuda)

Um casal que encontrou mensagens codificadas da II Guerra Mundial sob o assoalho está tentar decifrá-las com a ajuda do seu vizinho, um decifrador de códigos de Bletchley Park. John e Val Campbell encontraram um esconderijo …

"Caixas mistério" com animais de estimação geram indignação na China

Uma nova moda conhecida como "caixa mistério" ganhou popularidade na China. O método consiste em fazer uma encomenda através da internet e é enviada, pelo correio, uma caixa com um animal de estimação. Estas encomendas estão …

Arquivos da polícia do Estado Islâmico revelam como era a vida sob o califado

Arquivos da polícia do Estado Islâmico, conhecida como shurta, revelam como era a vida sob o califado. Os polícias eram tão bem pagos que não podiam ser subornados. Não é sempre que os regimes mirram …

Barco português detido por ancorar ilegalmente em águas da Malásia

Um navio mercante registado em Portugal está retido na Malásia por ter alegadamente ancorado em águas territoriais do país sem autorização, avançou esta sexta-feira a Guarda Costeira malaia. Num comunicado, Nurul Hizam Zakaria, diretor da agência …

”Eficácia e qualidade”. OMS aprova vacina chinesa da Sinopharm

A Organização Mundial da Saúde (OMS) aprovou, esta sexta-feira, o uso de emergência da vacina chinesa contra a covid-19 da Sinopharm. Trata-se da primeira vacina desenvolvida pela China a ser aprovada pela organização, lembra a agência …

Sem estado de emergência não pode haver confinamento de pessoas saudáveis

O constitucionalista Jorge Reis Novais defendeu hoje que sem estado de emergência que suspenda a garantia do artigo 27.º da Constituição não pode haver confinamento de pessoas saudáveis, até uma eventual revisão constitucional. Por outro lado, …