Cientistas estão a jogar Fortnite para explicar as alterações climáticas

O Fortnite é um verdadeiro fenómeno dos videojogos, um jogo no qual o objetivo é ser a última pessoa a resistir a uma batalha numa ilha mágica. Agora, os cientistas estão a aproveitar a popularidade deste jogo virtual para tentar ensinar às crianças questões relacionadas com as alterações climáticas.

O novo canal ClimateFortnite no Twitch divulga transmissões em direto de jogos de Fortnite. No entanto, o áudio que acompanha a transmissão não contém apenas dicas e estratégias do Fortnite, mas também as consequências relativas à mudança de que o nosso planeta está a ser alvo.

A ideia é de Katharine Hayhoe, cientista da Texas Tech University, que escreveu no Twitter sobre a disparidade de visualizações entre o seu seminário sobre mudanças climáticas no YouTube e o fluxo de visualizações de transmissões em direto de jogos de Fortnite no Twitch. Henri Drake, estudante de pós-graduação do MIT, aceitou o desafio e assim nasceu o ClimateFortnite.

“Construímos uma comunidade onde as pessoas podem fazer perguntas difíceis diretamente a um especialista. Para um tópico como as alterações climáticas, impregnado em desinformação, o acesso direto a especialistas é crucial“, defende Drake.

O canal, que conta atualmente com 17 vídeos, tem transmissões de Drake e outros cientistas a discutir os melhores tópicos das alterações climáticas com outros jogadores online. Das emissões de gás metano à energia renovável, há muito terreno coberto – tanto virtualmente, na ilha Fortnite, como no que diz respeito aos tópicos discutidos.

Por enquanto, os números de visualizações são muito baixos. Apesar disso, Drake e outros cientistas esperam atrair um público mais abrangente com o tempo. O canal está também disponível no YouTube.

Além de informativo, o canal é também interativo: os telespectadores podem fazer perguntas, através de um chat em tempo real no Twitch, perguntas essas que Drake pode colocar a qualquer especialista com quem esteja a conversar.

Além de usarem o Fortnite como meio para discutir os desafios e os perigos das alterações climáticas, os cientistas debatem também algumas formas que nos poderiam ajudar a contornar este problema, a mitigá-lo de forma a assegurar um futuro estável ao nosso planeta.

Nem todas as pessoas ouvem os políticos ou leem artigos de opinião. O ClimateFortnite é uma ótima maneira de alcançar pessoas que não recebem notícias de fontes tradicionais”, disse o cientista atmosférico Andrew Dessler, da Texas A & M University, à Wired.

PARTILHAR

RESPONDER

Demissão em bloco dos chefes de equipa de urgência do hospital D. Estefânia

Os chefes de equipa de urgência do hospital D. Estefânia, em Lisboa, consideram que houve "quebra do compromisso" feito pela instituição de contratar mais médicos. O anúncio, feito esta quarta-feira, refere que os médicos consideram que …

Lidl aumenta salário mínimo para 670 euros

O Lidl decidiu aumentar “para 670 euros o valor do ordenado de entrada” no primeiro ano na empresa, acima do salário mínimo nacional, que é de 600 euros. O Lidl Portugal anunciou esta terça-feira que …

Sindicato dos estivadores prolonga greve até 2019

O Sindicato Nacional dos Estivadores e Atividade Logística (SEAL) vai avançar com o pré-aviso para que a greve às horas extraordinárias dos estivadores do Porto de Setúbal continue em 2019 por tempo indeterminado. A greve às …

Time elege Khashoggi e outros jornalistas "guardiões da verdade" como personalidades do ano

O jornalista saudita Jamal Khashoggi, assassinado a 2 de outubro deste ano no consulado da Arábia Saudita em Istambul, é uma das personalidades do ano eleitas pela revista norte-americana Time. O colunista do Washington Post, voz …

Função Pública: Nova modalidade pré-reforma propõe 25% a 100% do salário-base

O Governo quer avançar com uma nova modalidade de pré-reforma na Função Pública, permitindo assim que os funcionários com 55 anos ou mais possam deixar de trabalhar, mantendo parte do salário. O Governo quer avançar com …

Trump ameaça paralisar Governo caso não consiga fundos para o muro. Norte-americanos preferem que desista

O Presidente norte-americano, Donald Trump, ameaçou nesta terça-feira paralisar o próprio Governo caso não consiga fundos suficiente para a construção do muro na fronteira com o México, iniciativa contestada pelos democratas.  “Se não conseguir o que …

"Coletes Amarelos" chegam a Portugal a 21 de dezembro e querem parar o país

O evento, marcado para o dia 21 de dezembro e inspirado nos "Coletes Amarelos" franceses, ganha cada vez mais dimensão nas redes sociais: mais de 13 mil pessoas confirmaram presença. Depois de França, é a vez …

Ministério Público abre inquérito às incongruências no currículo de candidata à JS

O Ministério Público de Lisboa abriu um inquérito ao casos dos erros e incongruências no currículo de Maria Begonha, candidata à liderança da Juventude Socialista. O Ministério Público abriu um inquérito ao caso dos erros e …

"Agora, só falo de anos aos 100". Ninguém sabe como Marcelo vai celebrar os 70

Marcelo Rebelo de Sousa cumpre hoje 70 anos de vida e, como não é nada habitual, não tem agenda oficial, deixando de lado os compromissos como Presidente da República, e até recusou dar entrevistas, afastando-se …

Atentado em Estrasburgo faz três mortos. Atirador ainda em fuga

A França está em estado de "Alerta Atentado", depois do tiroteio em Estrasburgo. O atirador que matou 3 pessoas estava sinalizado por radicalização e continua em fuga. O movimento "Coletes Amarelos" lança no ar uma …