Cientistas descobrem a melhor maneira de ensinar uma nova língua a crianças

As pessoas muitas vezes assumem que as crianças aprendem novas línguas facilmente e sem esforço, independentemente da situação em que se encontram. Mas será verdade que as crianças absorvem linguagem como esponjas?

Estudos mostraram que as crianças são aprendizes altamente bem-sucedidas se tiverem muita exposição a um novo idioma por um longo período de tempo, como no caso de imigrantes que estão cercados pela nova língua todos os dias. Nesse cenário, as crianças tornam-se muito mais proficientes no novo idioma a longo prazo do que os adultos.

No entanto, se a quantidade de linguagem a que as crianças são expostas é limitada, por exemplo, à sala de aula, as crianças geralmente aprendem mais devagar e são menos bem sucedidas do que adolescentes ou adultos.

Investigadores argumentam que isto acontece porque as crianças aprendem implicitamente, ou seja, inconscientemente. E para aprender uma nova língua é necessário uma maior convivência com a linguagem durante um longo período de tempo.

À medida que envelhecemos, desenvolvemos a capacidade de aprender explicitamente — isto é, analiticamente e com esforço deliberado. Isto explica por que alunos de sala de aula mais velhos têm maior sucesso: eles podem recorrer a processos de aprendizagem mais desenvolvidos, eficientes e explícitos, que também exigem mais esforço.

Qual é a melhor maneira?

Quando se trata de aprender uma língua não é uma questão de aprendizagem implícita ou explícita. Elas podem coexistir, portanto, é mais comum a questão de quanto de cada abordagem é usada.

Num estudo publicado há um par de meses na revista Studies in Second Language Acquisition, os cientistas questionaram-se se as crianças mais novas que geralmente aprendem implicitamente já desenvolveram alguma capacidade de aprender explicitamente também. Além disso, observaram se a capacidade de analisar a linguagem pode prever o sucesso da aprendizagem de línguas estrangeiras na sala de aula.

Os investigadores trabalharam mais de 100 crianças do 4º ano, com idades entre oito e nove anos, em cinco escolas primárias em Inglaterra. As crianças realizaram uma série de testes, incluindo uma medição da sua capacidade de aprendizagem de línguas.

Durante a primeira metade do ano letivo, as crianças participaram em aulas de um novo idioma 75 minutos por semana e foram divididas em quatro grupos. A cada grupo foi ensinado, respetivamente, alemão, italiano, esperanto e esperanto com um método específico.

Nesta forma de aprendizagem específica, era-lhes pedido para pensarem sobre o que partes específicas das palavras podem significar ou como frases são construídas nessa língua. Por outras palavras, foram encorajadas a usar a sua capacidade analítico-linguística, adotando uma abordagem explícita.

Nos outros grupos, a língua era ensinada de uma forma que é tipicamente usada na escola primária, isto é, inteiramente divertida com jogos e músicas. É mais provável que este método resulte em aprendizagem implícita.

Na segunda metade do ano letivo, todos os grupos participaram no mesmo tipo de aula da nova língua: todos aprenderam francês, ensinados com o método específico usado anteriormente para o esperanto.

Os resultados

Ao contrário do que as pessoas poderiam esperar, os investigadores descobriram que a capacidade analítico-linguística das crianças era mais importante, seguida pela consciência fonológica. Estas duas habilidades contribuíram para prever o desempenho das crianças em francês, enquanto a capacidade de memória foi apenas marginalmente relevante.

Isto sugere que crianças de oito ou nove anos de idade podem de facto aprender explicitamente até certo ponto, se o método de ensino que experimentam os encoraja a analisar a linguagem que está a ser aprendida.

É importante notar que as crianças em idade escolar primária ainda estão a desenvolver a sua capacidade de aprender explicitamente. Portanto, não podemos esperar ensiná-los línguas exatamente da mesma maneira como ensinamos adolescentes ou adultos.

Mas algumas atividades que incentivam as crianças a refletir conscientemente e a analisar a linguagem a ser aprendida podem ser introduzidas para fazer melhor uso do tempo de aula limitado que está disponível para o ensino de línguas estrangeiras.

PARTILHAR

RESPONDER

Detetada a estrela de neutrões mais massiva alguma vez encontrada

Observações com o telescópio Green Bank revelaram a estrela de neutrões mais massiva até ao momento, chamada J0740 + 6620. De acordo com a revista especializada Nature Astronomy, onde foi descrita a descoberta, é um pulsar …

Portugueses criam nanomateriais feitos de algas para despoluir água

De algas abundantes no litoral de Portugal, investigadores da Universidade de Aveiro extraíram biopolímeros capazes de remover alguns poluentes da água, como antibióticos ou herbicidas. Uma equipa de investigadores da Universidade de Aveiro (UA) demonstrou que …

O novo Oumuamua pode ter sido captado numa fotografia a cores

Os astrónomos do Observatório Gemini no Hawai tiraram a primeira fotografia do GB00234, agora rebatizado para C/2019 Q4 Borisov, um objeto que pode ser o segundo corpo celeste interestelar a entrar no Sistema Solar. A imagem …

Volkswagen revela o novo ID.3, "o carro elétrico do povo"

https://vimeo.com/360579859 No Salão Automóvel da Frankfurt, a Volkswagen revelou o novo ID.3, o seu primeiro carro elétrico. Com um preço "abaixo dos 30 mil euros", é tido como acessível para as massas. A revolução dos automóveis elétricos …

Benfica 1-2 Leipzig | Águias sem asas para o Leipzig

O Benfica arrancou a sua participação na fase de grupos da Liga dos Campeões 2019/20 da pior forma, com uma derrota caseira por 2-1. A formação “encarnada” recebeu o Leipzig e nunca conseguiu dominar o futebol …

A faca, o casaco, a secretária e outros objetos de Anthony Bourdain vão a leilão

Uma faca feita a partir de um meteorito, um casaco personalizado da marinha norte-americana e uma prensa para ossos de pato são três dos 215 objetos de Anthony Bourdain que vão ser colocados à venda …

Já vai poder dormir no castelo de "Downton Abbey" (mas com algumas condições)

O castelo de Highclere, que os fãs da série Downton Abbey conhecem como a casa da família ficional Crawley, está a receber hóspedes. O conde de Carnarvon resolveu abrir as portas a apenas dois convidados, a …

Tinder produz a sua primeira série de televisão (e é “apocalíptica”)

A aplicação de encontros Tinder já terminou as filmagens da sua primeira série de televisão no âmbito da intenção do seu proprietário, o Match Group, de aprofundar a criação de conteúdos originais. Fazer novos programas faz …

Sondagens à boca das urnas mostram empate técnico entre Netanyahu e Gantz

O primeiro-ministro israelita Benjamin Netanyahu e Benny Gantz, antigo chefe do Estado-Maior General das Forças Armadas que lidera a coligação centrista, estão numa situação de empate técnico nas primeiras sondagens à boca das urnas. Esta terça-feira, …

Dois youtubers detidos a tentar invadir a Área 51

Quatro dias antes do evento mundial, dois youtubers adiantaram-se e foram detidos na última terça-feira por tentarem invadir a Área 51, uma base militar secreta dos Estados Unidos. Ties Granzier e Govert Sweep, dois holandeses de …