Cientistas da Champalimaud apresentam nova lei psicofísica para explicar outra com 185 anos

jaime.silva / Flickr

centro clinico champalimaud

Cientistas do Centro Champalimaud apresentaram uma nova lei psicofísica, que descreve o tempo que se demora a tomar uma decisão, para explicar a Lei de Weber, que quantifica a variação da perceção de um estímulo físico, foi esta segunda-feira divulgado.

O trabalho dos investigadores do Centro Champalimaud, em Lisboa, foi publicado na revista da especialidade Nature Neuroscience.

A Lei de Weber (Lei de Weber-Fechner) foi originalmente postulada em 1834 pelo médico alemão Ernst Heinrich Weber para descrever estudos sobre levantamento de pesos. Posteriormente, foi aplicada à medição das sensações por Gustav Theodor Fechner, aluno de Weber.

Esta lei, que é considerada a mais antiga da ciência psicofísica, que estuda as relações dos estímulos físicos com as correspondentes sensações, estabelece que a variação da perceção de um estímulo físico é proporcional ao estímulo inicial desde que as suas intensidades sejam constantes.

A Fundação Champalimaud, à qual pertence o Centro Champalimaud, dá, num comunicado, um exemplo para ilustrar esta premissa: se uma pessoa acerta 75% das vezes quando compara um peso de um quilograma e um peso de 1,1 quilogramas, também acertará 75% das vezes ao comparar um peso de dois quilogramas e um de 2,2 quilogramas.

Numa experiência feita com ratos, e validada em humanos, a equipa de cientistas do Centro Champalimaud, liderada pelo espanhol Alfonso Renart, “descobriu que a Lei de Weber pode ser descrita como a consequência de uma nova lei da psicofísica, que envolve o tempo que demora a escolha e não apenas o desenlace da decisão”, refere o comunicado.

A nova lei, a que os cientistas chamaram “Equivalência Tempo-Intensidade na Discriminação”, liga a intensidade global de um par de sons ou cheiros ao tempo que demora a destrinçá-los. Por exemplo, quanto mais intensos os sons, mais curto o tempo de reação.

Segundo o mesmo comunicado, os investigadores conseguiram mostrar que “a natureza desta ligação era única e matematicamente precisa“, tendo obtido um modelo matemático que “descreve o processo cognitivo subjacente à Lei de Weber”.

Um dos próximos passos da equipa é perceber como é que o modelo matemático identificado é processado pelo cérebro.

“Queremos determinar sistematicamente quais são as áreas cerebrais relevantes para a nossa tarefa sensorial e como os neurónios [células] desses circuitos realizam os diversos elementos computacionais do modelo”, afirma Alfonso Renart, citado pela Fundação Champalimaud.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Twitter oferece 3.000 euros a quem ajudar a resolver o enviesamento racial do seu algoritmo

A rede social Twitter anunciou um novo concurso destinado a investigadores e hackers para identificar e resolver o enviesamento racial do algoritmo usado para cortar as imagens que são carregadas pelos utilizadores. Segundo anunciou no Twitter, …

EUA. Universidade na Florida perdoa milhões em propinas

A Florida A&M University, nos Estados Unidos (EUA), perdoou aos estudantes as dívidas relativas ao ano académico de 2020 a 2021, no valor total de 16 milhões de dólares (cerca de 13,5 milhões de euros). "Esta …

Startup cria saco para lavar roupa que evita envio de microplásticos para oceanos

A startup Skizo, incubada na UPTEC – Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto, criou um saco para lavagem de roupa que recolhe os microplásticos libertados pelas fibras e evita o envio dos …

Pegasus. Advogado que luta para libertar a princesa Latifa do Dubai também foi espiado

O ativista de direitos humanos David Haigh — envolvido na libertação da princesa Latifa — é a primeira vítima britânica de espionagem confirmada através do software israelita Pegasus. O advogado britânico e ativista de direitos humanos …

Autor de ataque com faca em Londres queria "matar a rainha"

O autor do ataque extremista com uma faca, em 2020, em Londres, que acabou por morto pela polícia, era conhecido quando esteve na prisão pelo seu radicalismo e por querer "matar a rainha", segundo um …

Crise alimentar leva Coreia do Norte a distribuir reservas militares de arroz

A Coreia do Norte está a destribuir reservas militares de arroz para enfrentar a atual crise alimentar, ao mesmo tempo que uma onda de calor e a seca atingem o país, revelou na terça-feira a …

Jogos Olímpicos: a terra tremeu durante o Brasil-México

Primeira meia-final do torneio masculino de futebol não teve direito a golos durante 120 minutos, mas teve direito a um sismo. Final será entre Brasil e Espanha. O Brasil estará novamente na final dos Jogos Olímpicos, …

A turbina de marés mais potente do mundo já está a funcionar

A mais poderosa turbina de marés do mundo está em funcionamento desde a passada quarta-feira no arquipélago escocês de Orkney. A turbina O2, que pesa 680 toneladas métricas, começou a funcionar na passada quarta-feira, 28 de …

Vacinação Casa Aberta já está disponível para maiores de 30 anos

A modalidade de vacinação Casa Aberta está desde esta terça-feira disponível para as pessoas com idade igual ou superior a 30 anos. De acordo com um comunicado enviado esta terça-feira pela task force, “a modalidade Casa …

Governo motivado para executar PRR "de forma célere"

O ministro das Finanças, João Leão, afirmou esta terça-feira que o Governo está muito motivado “para executar de forma célere” o Plano de Recuperação e Resiliência (PRR), depois de Bruxelas ter desembolsado 2,2 mil milhões …