Cientistas da Champalimaud apresentam nova lei psicofísica para explicar outra com 185 anos

jaime.silva / Flickr

centro clinico champalimaud

Cientistas do Centro Champalimaud apresentaram uma nova lei psicofísica, que descreve o tempo que se demora a tomar uma decisão, para explicar a Lei de Weber, que quantifica a variação da perceção de um estímulo físico, foi esta segunda-feira divulgado.

O trabalho dos investigadores do Centro Champalimaud, em Lisboa, foi publicado na revista da especialidade Nature Neuroscience.

A Lei de Weber (Lei de Weber-Fechner) foi originalmente postulada em 1834 pelo médico alemão Ernst Heinrich Weber para descrever estudos sobre levantamento de pesos. Posteriormente, foi aplicada à medição das sensações por Gustav Theodor Fechner, aluno de Weber.

Esta lei, que é considerada a mais antiga da ciência psicofísica, que estuda as relações dos estímulos físicos com as correspondentes sensações, estabelece que a variação da perceção de um estímulo físico é proporcional ao estímulo inicial desde que as suas intensidades sejam constantes.

A Fundação Champalimaud, à qual pertence o Centro Champalimaud, dá, num comunicado, um exemplo para ilustrar esta premissa: se uma pessoa acerta 75% das vezes quando compara um peso de um quilograma e um peso de 1,1 quilogramas, também acertará 75% das vezes ao comparar um peso de dois quilogramas e um de 2,2 quilogramas.

Numa experiência feita com ratos, e validada em humanos, a equipa de cientistas do Centro Champalimaud, liderada pelo espanhol Alfonso Renart, “descobriu que a Lei de Weber pode ser descrita como a consequência de uma nova lei da psicofísica, que envolve o tempo que demora a escolha e não apenas o desenlace da decisão”, refere o comunicado.

A nova lei, a que os cientistas chamaram “Equivalência Tempo-Intensidade na Discriminação”, liga a intensidade global de um par de sons ou cheiros ao tempo que demora a destrinçá-los. Por exemplo, quanto mais intensos os sons, mais curto o tempo de reação.

Segundo o mesmo comunicado, os investigadores conseguiram mostrar que “a natureza desta ligação era única e matematicamente precisa“, tendo obtido um modelo matemático que “descreve o processo cognitivo subjacente à Lei de Weber”.

Um dos próximos passos da equipa é perceber como é que o modelo matemático identificado é processado pelo cérebro.

“Queremos determinar sistematicamente quais são as áreas cerebrais relevantes para a nossa tarefa sensorial e como os neurónios [células] desses circuitos realizam os diversos elementos computacionais do modelo”, afirma Alfonso Renart, citado pela Fundação Champalimaud.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas produziram um processador quântico em larga escala feito apenas de luz

Uma equipa internacional de cientistas da Austrália, Japão e Estados Unidos produziu um protótipo de um processador quântico em larga escala feito apenas de luz laser. O mais recente processador quântico é baseado num projeto com …

FIFA investe 449 milhões de euros para desenvolver o futebol feminino

A FIFA anunciou que vai investir 500 milhões de dólares no desenvolvimento do futebol feminino. Em cima da mesa está uma Liga das Nações, um mundial de clubes e torneios para camadas jovens. A FIFA vai …

Escritor famoso escreve livro para ser lido apenas em 2114

O famoso escritor norueguês Karl Ove Knausgaard, autor de romances como A Morte do Pai e a Ilha da Infância, onde explora a sua história pessoal e o seu dia a dia, aceitou escrever um …

PS deverá aprovar recandidatura de Ferro à presidência da Assembleia da República

O Grupo Parlamentar do PS vai reunir-se na quinta-feira, com a presença do secretário-geral, António Costa, ocasião em que deverá aprovar a recandidatura de Ferro Rodrigues ao cargo de presidente da Assembleia da República. Fonte oficial …

Perito revela que arma que investigação diz que matou Luís Grilo foi adulterada

O perito que examinou a arma que, segundo o Ministério Público, António Joaquim usou para matar o triatleta Luís Grilo revelou hoje em tribunal que o revólver foi adulterado, não conseguindo garantir se essa foi …

Cientistas criam vasos sanguíneos artificiais funcionais

Cientistas nos Estados Unidos usaram impressão 3D para fabricar vasos sanguíneos funcionais que poderão vir a ser usados clinicamente em casos de doenças vasculares. O resultado das experiências é relatado num estudo publicado esta terça-feira no …

Ordem suspende durante seis meses obstetra do caso do bebé sem rosto

O Conselho Disciplinar do Sul da Ordem dos Médicos decidiu suspender preventivamente o obstetra envolvido no caso do bebé que nasceu em Setúbal com malformações graves. A informação foi avançada à Lusa por fonte oficial da …

A China está a criar porcos gigantes (tão grandes como ursos polares)

https://vimeo.com/368036025 Porcos tão pesados como ursos polares. Esta é a solução encontrada por produtores chineses de porcos que tentam resolver o problema da falta de carne no mercado, muito por culpa da gripe suína africana dizimou …

Rússia e Síria vão partilhar controlo do nordeste sírio

O Presidente turco Recep Tayyip Erdogan disse hoje que a Turquia e a Rússia alcançaram um acordo pelo qual as forças curdas da Síria vão recuar 30 quilómetros a partir da zona fronteiriça do nordeste …

Câmara dos Comuns aprova acordo do Brexit (mas rejeita calendário apertado)

A Câmara dos Comuns aprovou esta terça-feira a primeira votação do acordo para o Brexit. No entanto, a calendarização da saída foi rejeitada numa segunda votação, deixando um impasse na data para o Brexit. Pela primeira …