Cientistas franceses provaram: há mesmo uma “cura milagrosa” para o alcoolismo

667

Um grupo de cientistas franceses comprovou que o medicamento Baclofeno funciona como uma “cura milagrosa” para o alcoolismo. O fármaco teve “um efeito positivo” em altas doses na redução do consumo de álcool ao longo de um ano de tratamento.

O estudo foi realizado entre 320 pessoas com o hábito de beber bastante, com idade entre 18 a 65 anos, entre maio de 2012 e junho de 2013. O ensaio comparou a segurança e a eficácia do fármaco administrado a alguns participantes em doses elevadas a um comprimido “placebo” administrado a outros.

Nem os participantes do ensaio nem os especialistas sabiam quem estava a receber qual fármaco. Os pacientes não foram obrigados a abster-se de álcool.

Os resultados são surpreendentes: 57% daqueles que adquiriram o medicamento Baclofeno pararam de beber ou beberam menos comparados com 37% daqueles que adquiriram o placebo.

As autoridades de saúde francesas deram aprovação provisória para o uso de Baclofeno em 2014 para o tratamento do alcoolismo. O medicamento foi originalmente projetado e amplamente utilizado para tratar espasmos musculares.

Acredita-se que, em vários países, muitas pessoas usem o medicamento sem receita médica para combater o alcoolismo.

O interesse mundial no medicamento foi provocado em 2008 pelo livro “Le Dernier Verre” (O Último Copo), do cardiologista francês-americano Olivier Ameisen, que afirmou ter tratado seu alcoolismo com altas doses de Baclofeno.

Um estudo francês posterior descobriu que altas doses do medicamento fizeram com que uma percentagem significativa de bebedores desistisse ou moderasse a sua ingestão de álcool.

Desde então, têm surgido vários estudos com descobertas contraditórias. No ano passado, por exemplo, cientistas holandeses descobriram que a droga pode não funcionar melhor do que o simples aconselhamento.

“Sem provas da sua eficácia, a prescrição de altas doses do medicamento conhecido como Baclofeno pode ser irresponsável”, advertiram na época.

A Ethypharm, o laboratório que desenvolve o medicamento, disse na última sexta-feira que apresentará um pedido até o final do mês para a comercialização do Baclofeno para o tratamento do alcoolismo, em França.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), 3,3 milhões de mortes por ano em todo o mundo são resultado do uso nocivo de álcool – quase 6% de todas as mortes.

RESPONDER

Tomate na horta

Legumes biológicos podem transformar-se em vacinas

A criação de hortas caseiras ou a participação em hortas urbanas pode ajudar os legumes a "adaptarem-se" à poluição e a funcionarem como "vacinas", defende o especialista espanhol em agricultura biológica Mariano Bueno. "Defendo hortas em …

Polícia identifica terrorista de Londres como Khalid Masood, de 52 anos

Polícia identifica terrorista de Londres como Khalid Masood, de 52 anos

O terrorista que ontem matou três pessoas e deixou 40 feridos em Londres, antes de ser abatido pela polícia, foi identificado como Khalid Masood, de 52 anos, informou esta quinta-feira a Scotland Yard. A Polícia Metropolitana …

Edifício da Câmara Municipal de Lisboa

Envelope que provocou indisposição a funcionária não tinha substâncias tóxicas

O envelope remetido à Câmara Municipal de Lisboa e que levou uma funcionária a sentir-se indisposta e receber assistência hospital não continha qualquer substância tóxica ou perigosa, disse fonte da Polícia Judiciária. A mesma fonte indicou …

.

Polícia belga detém homem que tentava conduzir contra multidão em Antuérpia

A polícia belga deteve, esta quinta-feira, um homem que tentava conduzir a alta velocidade contra uma multidão na zona comercial Meir, em Antuérpia, no norte da Bélgica, informou a polícia. O condutor não parou num sinal …

O ex-ministro Armando Vara

Vara não se lembra de ter falado com Sócrates sobre a CGD

"Não me lembro de ter falado com o engenheiro Sócrates sobre a CGD", disse o antigo administrador da Caixa Geral de Depósitos, Armando Vara, durante a sua audição na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) à …

-

Ex-deputado russo crítico de Putin foi morto a tiro em Kiev

O ex-deputado comunista russo Denis Voronenkov foi assassinado nesta quinta-feira a tiros junto a um hotel no centro de Kiev, informou o chefe da Polícia da capital ucraniana, André Krischenko. Em declarações ao canal de televisão …

Os três pastorinhos de Fátima

O Papa aprovou o milagre. Francisco e Jacinta já são Santos

O Papa Francisco aprovou, nesta quinta-feira, o milagre que permite a canonização dos beatos Francisco e Jacinta Marto, os Pastorinhos de Fátima. O anúncio foi feito no site oficial da sala de imprensa da Santa Sé …

O governador do banco de Portugal, Carlos Costa

Banco de Portugal segurou Ricardo Salgado no BES recusando retirar-lhe a idoneidade

A administração do Banco de Portugal foi contra a opinião dos técnicos da instituição reguladora que defendiam a retirada de idoneidade a Ricardo Salgado, mantendo, assim, o banqueiro à frente do BES. A notícia é avançada …

O búlgaro Dinko Valev tornou-se uma "celebridade" nacional

Búlgaro comprou helicóptero militar para "caçar refugiados"

Dinko Valev é conhecido por dedicar os seus tempos livres a perseguir migrantes na fronteira com a Turquia. Agora, o "superherói" búlgaro comprou um helicóptero militar para impedir que "jiadistas", disfarçados de refugiados, entrem no …

Polícia britânico em vigilância a Whitehall após o atentado terrorista junto ao parlamento britânico, em Londres

Atacante de Londres era britânico e foi investigado. Estado Islâmico reivindica

A primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, revelou hoje que o autor do ataque de quarta-feira ao parlamento era de nacionalidade britânica e já tinha sido investigado pelos serviços secretos por ligações à violência extrema. Perante …