Cientista inventou álcool que não dá ressaca, nem faz mal ao fígado

Sasin Tipchai / Flickr

Um cientista britânico afirma ter descoberto um novo tipo de álcool sintético que poderá permitir bebedeiras sem ressacas.

A nova substância, baptizada de “alcosynth”, resulta do trabalho do químico David Nutt, do Imperial College de Londres, e, ironicamente, ex-consultor do governo britânico para assuntos ligados a drogas.

Segundo Nutt, o alcosynth simula os efeitos positivos do álcool, mas não causa dor de cabeça ou náuseas, nem agride o fígado.

O cientista diz ter patenteado 90 diferentes compostos usando a substância. Dois deles estão agora a ser testados para uso disseminado e o académico afirma acreditar que até 2050 o alcosynth deverá substituir o álcool convencional.

Pode-se ter o prazer de tomar um cocktail sem danificar o fígado e o coração. (Os compostos) combinam muito bem com mojitos ou com um Tom Collins”, explicou Butt em entrevista à BBC, referindo-se às bebidas tradicionalmente feitas com rum e gim.

O cientista e a sua equipa estudaram substâncias cujos efeitos no cérebro se assemelham aos do álcool para produzir a droga que, afirmam, é atoxica.

“A relação entre o álcool e o cérebro já é bem compreendida há 30 anos. Sabemos onde os efeitos positivos do álcool são mediados no cérebro e podemos imitá-los. Sem tocar nas áreas más, também não temos os efeitos maus.”

Os defensores do alcosynth acreditam que ele pode vir a revolucionar a saúde pública, mais precisamente pela redução dos gastos com o tratamento dos males provocados pelo consumo de álcool.

De acordo com ONG britânicas, o alcoolismo é a terceira maior causa de doenças no país depois do tabagismo e da obesidade.

Experiências anteriores com o alcosynth usaram um derivado do benzodiazepan, um tipo de tranquilizante, mas as novas substâncias não contêm o produto, segundo Nutt.

Cautela e cepticismo

Apesar do progresso, ainda será preciso esperar um bom tempo até se poder pedir uma dose do álcool sem ressaca – os custos de desenvolvimento e as barreiras de regulação são grandes.

“É uma ideia interessante e seria óptimo para que a força de trabalho não sofresse de ressaca e fosse mais eficiente, mas ainda está muito no início para comentarmos”, disse um porta-voz do Ministério da Saúde britânico.

Nutt ficou famoso em 2009 após ser demitido do cargo de consultor governamental ao declarar que consumir ecstasy era menos perigoso do que andar a cavalo.

O cientista ainda diz que o alcosynth tem um “limite de segurança” que impede o utilizador de ficar demasiado bêbado.

“Acreditamos que, depois de quatro ou cinco bebidas, o efeito se estabilizará e evitará que alguém se mate ou fique muito enjoado”, explica Nutt.

A indústria do álcool, naturalmente, mostrou cepticismo diante do alcosynth.

Em entrevista ao jornal The Independent, o presidente da Associação de Bares do Reino Unido, Neil Williams, disse que a nova substância não é necessária, já que existem “outras maneiras de evitar a ressaca”.

“Há uma série de bebidas de menor teor alcóolico, como as cervejas. Todos podemos beber com moderação para evitar ressacas”, afirmou.

ZAP / BBC

RESPONDER

Um em cada seis pessoas não sabe que tem uma Hepatite Viral

Esta sexta-feira celebra-se o Dia Mundial das Hepatites Virais. Para assinalar a data, uma clínica especializada criou uma infografia com a qual pretende sensibilizar e dar a conhecer a doença - porque mais vale prevenir …

Nova solução para drones permite reforçar comunicações em cenários de emergência

Uma solução para drones que permite restabelecer ou reforçar as comunicações sem fios em cenários de emergência, festivais ou manifestações está a ser desenvolvida pelo Instituto de Engenharia de Sistemas e Computadores, Tecnologia e Ciência …

Sócrates diz que direita o quis impedir de se candidatar à Presidência

O ex-primeiro-ministro português assegurou, esta quarta-feira, que o processo judicial em que está implicado por corrupção responde a uma campanha da direita para evitar que apresentasse a sua candidatura à Presidência de Portugal. "O objetivo foi …

11 jovens retiradas de casa de acolhimento pela Segurança Social "sem explicação"

A Segurança Social retirou 11 jovens de uma casa de acolhimento no Caramulo, em Tondela, "sem dar qualquer explicação", uma situação que já foi comunicada ao Ministério Público. De acordo com Marina Leitão, responsável da Associação …

Reino Unido vai proibir veículos a gasolina e diesel a partir de 2040

O governo britânico anunciou que, a partir de 2040, os novos veículos movidos a diesel e gasolina vão ser proibidos, com o objetivo de combater a poluição. A medida, que foi antecipada hoje pelo ministro do …

Bruxelas dá um mês à Polónia para recuar na reforma do sistema judiciário

A Comissão Europeia deu esta quarta-feira um prazo de um mês às autoridades polacas para resolverem os problemas identificados no seu projeto de reforma do sistema judiciário, advertindo que "está pronta" a tomar medidas se …

Trump proíbe pessoas transgénero de servir nas Forças Armadas

O Presidente dos Estados Unidos anunciou, esta quarta-feira, a decisão de proibir que os transexuais sirvam nas Forças Armadas do país, depois de se ter aconselhado com "generais e especialistas militares". Donald Trump fez o anúncio …

Rajoy nega envolvimento em caso de corrupção no Partido Popular

O chefe do Governo Espanhol negou, esta quarta-feira, ter beneficiado ou ter conhecimento de um esquema fraudulento que envolvesse o pagamento de quantias a troco da concessão de contratos públicos a responsáveis do Partido Popular, …

Descoberta nova espécie de peixe-lua gigante (e "ilusionista")

Com cerca de 3 metros de comprimento e quase duas toneladas de peso, é espantoso como é que esta nova espécie de peixe-lua gigante só agora foi descoberta. Este peixe-lua ilusionista, assim baptizado por ter andado …

Número 3 do Vaticano em tribunal em caso histórico de abuso sexual de menores

O cardeal George Pell, considerado o número três do Vaticano, compareceu num tribunal em Melbourne, na Austrália, numa sessão preliminar ao julgamento em que vai responder por acusações de pedofilia. Um momento considerado histórico pelas …