Cientista cria fotossíntese artificial para limpar o ar e produzir energia

O professor de química da Universidade da Florida Central (EUA) Fernando Uribe-Romo encontrou uma maneira de desencadear artificialmente o processo de fotossíntese num material sintético.

Segundo o estudo publicado no Journal of Materials Chemistry A, o especialista conseguiu transformar gases de efeito estufa em ar limpo e produzir energia ao mesmo tempo.

Esta descoberta tem um grande potencial para a criação de uma tecnologia que pode reduzir significativamente os perigos do efeito estufa ligados à mudança climática e oferecer uma maneira mais amigável ao meio ambiente de gerar energia.

Uribe-Romo e a sua equipa conseguiram desencadear uma reação química num material sintético chamado “estrutura metal-orgânica” (MOF), que transforma o dióxido de carbono em materiais orgânicos inofensivos.

Basicamente, é um processo de fotossíntese artificial, semelhante à forma como as plantas convertem o dióxido de carbono e a luz solar em alimento. Em vez de produzir alimentos, o novo método produz energia solar.

Os cientistas de todo o mundo tentam realizar esta façanha há anos. O desafio era encontrar uma maneira de a luz visível desencadear a transformação química.

Os raios ultravioleta têm energia suficiente para permitir a reação em materiais comuns, como o dióxido de titânio, mas representam apenas cerca de 4% da luz que a Terra recebe do Sol. A parte visível dos comprimentos de onda representa a maioria dos raios solares, mas há poucos materiais que captam essas cores para criar a reação química que transforma o CO2 em combustível.

Os cientistas já testaram uma variedade de materiais, mas aqueles que podem absorver a luz visível tendem a ser raros e caros, como a platina, o rénio e o irídio.

Fernando Uribe-Romo usou titânio, um metal comum não tóxico, e adicionou moléculas orgânicas que agem como antenas para “recolher” a luz. Essas moléculas podem ser projetadas para absorver cores específicas de luz quando são incorporadas na estrutura metal-orgânica (MOF) e, neste caso, os cientistas escolheram a cor azul.

A equipa montou um fotorreactor LED, que imita o comprimento de onda azul do Sol e, ao alimentar a máquina com dióxido de carbono, observou uma reação química que criou duas formas reduzidas de carbono, formiato e formamida – dois tipos de combustível solar.

“O objetivo é continuar a aperfeiçoar a tecnologia, para que possamos criar maiores quantidades de carbono reduzido, de forma mais eficiente”, afirmou Uribe-Romo.

No futuro, os cientistas também pretendem testar se outros comprimentos de onda da luz visível são igualmente capazes de desencadear a reação. Caso funcione, o processo pode ser uma forma significativa de reduzir os gases de efeito estufa.

“A ideia seria montar estações para recolher CO2 perto de centrais hidroelétricas. O gás seria sugado para a estação, passando pelo processo que iria reciclar os seus efeitos nocivos e ao mesmo tempo produzir energia”, sugere o especialista.

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

    • Caro António Gomes Martins,
      Obrigado pelo seu reparo. O especialista não diz que as centrais hidroelétricas produzem CO2, diz que o melhor sítio para montar estações para recolher CO2 é perto de centrais hidroelétricas, para onde depois o CO2 é enviado.

  1. O cientista não diz isso, nem poderia dizê-lo, sendo cientista. De facto, ele refere-se bem nitidamente (do minuto 1:40 em diante) a centrais que produzem CO2 porque queimam carvão. Identifica a potencial utilização do processo que descobriu para transformar o CO2 em novo combustível que poderia ser usadona própria central. Não entra em detalhes, porque não é esse o seu objetivo, sobre o modo de produzir calor na central térmica a partir do combustível produzido pelo novo processo. Mas refere-se a uma central que queime carvão. Em nenhuma parte do vídeo há qualquer referência a centrais hidroelétricas, o que seria completamente despropositado no contexto.

RESPONDER

Cientistas produziram um processador quântico em larga escala feito apenas de luz

Uma equipa internacional de cientistas da Austrália, Japão e Estados Unidos produziu um protótipo de um processador quântico em larga escala feito apenas de luz laser. O mais recente processador quântico é baseado num projeto com …

FIFA investe 449 milhões de euros para desenvolver o futebol feminino

A FIFA anunciou que vai investir 500 milhões de dólares no desenvolvimento do futebol feminino. Em cima da mesa está uma Liga das Nações, um mundial de clubes e torneios para camadas jovens. A FIFA vai …

Escritor famoso escreve livro para ser lido apenas em 2114

O famoso escritor norueguês Karl Ove Knausgaard, autor de romances como A Morte do Pai e a Ilha da Infância, onde explora a sua história pessoal e o seu dia a dia, aceitou escrever um …

PS deverá aprovar recandidatura de Ferro à presidência da Assembleia da República

O Grupo Parlamentar do PS vai reunir-se na quinta-feira, com a presença do secretário-geral, António Costa, ocasião em que deverá aprovar a recandidatura de Ferro Rodrigues ao cargo de presidente da Assembleia da República. Fonte oficial …

Perito revela que arma que investigação diz que matou Luís Grilo foi adulterada

O perito que examinou a arma que, segundo o Ministério Público, António Joaquim usou para matar o triatleta Luís Grilo revelou hoje em tribunal que o revólver foi adulterado, não conseguindo garantir se essa foi …

Cientistas criam vasos sanguíneos artificiais funcionais

Cientistas nos Estados Unidos usaram impressão 3D para fabricar vasos sanguíneos funcionais que poderão vir a ser usados clinicamente em casos de doenças vasculares. O resultado das experiências é relatado num estudo publicado esta terça-feira no …

Ordem suspende durante seis meses obstetra do caso do bebé sem rosto

O Conselho Disciplinar do Sul da Ordem dos Médicos decidiu suspender preventivamente o obstetra envolvido no caso do bebé que nasceu em Setúbal com malformações graves. A informação foi avançada à Lusa por fonte oficial da …

A China está a criar porcos gigantes (tão grandes como ursos polares)

https://vimeo.com/368036025 Porcos tão pesados como ursos polares. Esta é a solução encontrada por produtores chineses de porcos que tentam resolver o problema da falta de carne no mercado, muito por culpa da gripe suína africana dizimou …

Rússia e Síria vão partilhar controlo do nordeste sírio

O Presidente turco Recep Tayyip Erdogan disse hoje que a Turquia e a Rússia alcançaram um acordo pelo qual as forças curdas da Síria vão recuar 30 quilómetros a partir da zona fronteiriça do nordeste …

Câmara dos Comuns aprova acordo do Brexit (mas rejeita calendário apertado)

A Câmara dos Comuns aprovou esta terça-feira a primeira votação do acordo para o Brexit. No entanto, a calendarização da saída foi rejeitada numa segunda votação, deixando um impasse na data para o Brexit. Pela primeira …