Cidades em todo o mundo juntam-se à marcha global pelo clima

peoplesclimate.org

-

 Mais de duas mil cidades de todo o mundo, quase 30 em Portugal, juntam-se este domingo à Marcha Global pelo Clima, iniciativa que partiu dos EUA, para alertar contra a falta de mudanças para enfrentar as alterações climáticas.

Durante o fim-de-semana, a região de Lisboa apresenta nove ações, entre marchas no Rossio, “Lisboa Ciclável” no Terreiro do Paço, já com centenas de participantes inscritos, e que integra a Semana Europeia da Mobilidade, ou o Movimento Certo 2014, no Areeiro, segundo a informação disponível no site da organização internacional.

No Porto estão previstas duas iniciativas, e Braga, Coimbra, Leiria, Lagos, Tavira ou Faro são outras cidades que constam do roteiro da People’s Climate para uma “marcha” em todo o mundo a chamar a atenção dos responsáveis políticos, mas também de cada um dos cidadãos, para a necessidade de avançar medidas e mudar comportamentos em defesa do planeta.

Trata-se de encontrar uma solução para a redução das emissões de gases com efeito de estufa, causadoras do aquecimento global e das alterações climáticas, e começar a combater também o elevado consumo de recursos naturais, como as florestas.

Entre as cidades que vão ter as suas marchas estão Londres, Berlim, Nova Deli, Melbourne, S.Paulo, Dublin, Seul, Joanesburgo ou Istambul.

De 150 países, vão chegar a Nova Iorque as preocupações e os pedidos dirigidos à Organização das Nações Unidas (ONU) que realiza uma cimeira de chefes de Estado e de governo, na terça-feira.

Esta reunião, em que vai participar o ministro do Ambiente, Ordenamento do Território e Energia, Jorge Moreira da Silva, pode ser um importante passo para chegar ao Acordo de Paris, para travar as alterações climáticas, a assinar em dezembro de 2015.

Em Nova Iorque, na marcha popular pelo clima, a portuguesa Quercus será uma das quase mil associações que responderam à chamada para uma “forte mobilização”, entre organizações que vão além dos ambientalistas e integram entidades religiosas, sindicatos ou representantes de setores económicos.

Em 2009, em Copenhaga, quando os países quase assinaram um novo acordo pelo clima, outra marcha juntou cerca de 100 mil pessoas e desde ai não voltou a acontecer uma mobilização tão forte como aquela agora preparada para Nova Iorque.

A meta da cimeira especial da ONU é assinar um novo tratado, em Paris, e até lá, realiza-se esta cimeira e a conferência em Lima, no Perú, em dezembro deste ano.

O protocolo de Quioto está “enfraquecido”, só com o compromisso de redução de emissões de gases com efeito de estufa, para 2020, dos países desenvolvidos europeus, ficando de fora outros como EUA, Canadá, Japão e Rússia.

“Temos de continuar a tentar”, salientou Francisco Ferreira, da Quercus, pois reduzir o consumo e pegada ecológica, destruir menos os recursos, usar menos os combustíveis fósseis e apostar mais na eficiência energética e nas energias renováveis “são fundamentais para garantir a sobrevivência do planeta”.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

PSD ouviu empresários em greve de fome e apela a Governo que os receba

O líder do grupo parlamentar do PSD apelou esta quarta-feira ao Governo para que receba os empresários da restauração e da animação noturna em greve de fome em frente ao Parlamento, depois de se ter …

China acusada de violar sanções à Coreia do Norte. EUA oferecem recompensa de 5 milhões

A China está a ser acusação de uma “violação flagrante” da obrigação de aplicar sanções internacionais à Coreia do Norte. Os Estados Unidos estão a oferecer uma recompensa de cinco milhões de dólares por informações. De …

Fabricante de aeronaves Embraer revela ter sido vítima de ataque informático

A fabricante aeronáutica brasileira Embraer informou esta terça-feira, em comunicado, que sofreu um ataque informático aos seus sistemas. A Embraer frisou, em comunicado divulgado aos acionistas, que o ataque “resultou na divulgação de dados supostamente atribuídos …

Filho de Michael Schumacher ascende à Fórmula 1 em 2021

O alemão Mick Schumacher, filho do antigo piloto Michael Schumacher, ascende à Fórmula 1 na próxima temporada, para pilotar um dos carros da escuderia Haas, anunciou esta quarta-feira a equipa norte-americana. Atual líder do campeonato de …

Costa diz que ilegalização do Chega não é resposta, mas sim solucionar problemas

O primeiro-ministro considerou esta terça-feira que a resposta política mais eficaz ao Chega não passa pela sua ilegalização, mas por solucionar os problemas sociais que alimentam o populismo e explicam a existência do partido. António Costa …

Após atropelamento que fez 5 mortos na Alemanha, polícia exclui hipótese de terrorismo

O condutor que ontem provocou cinco mortes ao atropelar várias pessoas numa zona pedonal, em Trier, mostra sinais de "distúrbios psiquiátricos", afirmou o procurador dessa cidade do oeste da Alemanha, com a polícia a descartar …

Sonangol admite sair do Millennium BCP se surgir uma "boa oportunidade"

A petrolífera angolana Sonangol, segundo maior acionista do Millennium BCP com cerca de 20%, admitiu aproveitar alguma “boa oportunidade” que surja para vender a sua participação. A informação foi transmitida pela Sonangol de Sebastião Gaspar Martins, …

Portugal com mais 68 mortos e 3.384 novos casos de covid-19

Portugal contabiliza esta quarta-feira mais 68 mortos relacionados com a covid-19 e 3.384 novos casos de infeção com o novo coronavírus, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). Desde o início da pandemia, Portugal já registou 4.645 …

Tribunal de Contas usa inteligência artificial para controlar entidades

O Tribunal de Contas (TdC) começou a utilizar um sistema baseado em inteligência artificial para controlar as contas de cerca de 6.500 entidades que estão sob a sua alçada. Segundo noticiou esta quarta-feira o Correio da …

Açores decreta cerca sanitária em Rabo de Peixe

O governo regional decretou que vai implementar uma cerca sanitária em Rabo de Peixe, devido ao crescimento dos casos de covid-19. A freguesia de Rabo de Peixe, na ilha de São Miguel, nos Açores, vai ficar …