Há uma cidade onde é proibido morrer

Longyearbyen, capital do arquipélago de Svalbard, na Noruega, deu o passo muito incomum de proibir a morte naquela região.

Desde 1950, ninguém está legalmente autorizado a morrer na cidade. Até uma pessoa que lá tenha vivido a vida toda, se for um doente terminal, terá de se mudar para fora da ilha, onde viverá o resto dos seus dias. Se a morte for súbita, o corpo terá de ser enterrado noutro local.

A cidade tomou esta decisão para proteger os seus cidadãos. Em 1950, foi descoberto que os corpos que estavam enterrados no cemitério local não se estavam a decompor devido ao permafrost – “pergelissolo”, em português, que é um tipo de solo encontrado na região do Ártico.

Este solo constituído por terra, gelo e rochas permanentemente congelados. A camada é recoberta por uma camada de gelo e neve que, se no inverno chega a atingir 300 metros de profundidade em alguns locais, ao derreter-se no verão, reduz-se para de 0,5 a 2 metros, tornando a superfície do solo pantanosa, uma vez que as águas não são absorvidas pelo solo congelado.

Como os corpos não se estavam a decompor, vírus mortais dentro dos corpos poderiam manter-se vivos e, possivelmente, voltar a infetar a população viva quando o permafrost descongelasse.

Em agosto de 2016, houve um surto de antraz – infeção causada pela bactéria Bacillus anthracis – no norte da Sibéria, no qual um menino morreu e 90 outras pessoas foram hospitalizadas. Além disso, 2.300 renas morreram por causa da doença.

O surto mais recente antes disso ocorreu em 1941. O surto de 2016 ocorreu durante uma onda de calor na região, levando as autoridades a concluir que uma rena morta por antraz tinha descongelado, fazendo com que o vírus fosse libertado para o meio ambiente.

Em 1950, as autoridades de Longyearbyen estavam preocupadas que algo semelhante pudesse acontecer com bactérias e vírus escondidos nos moradores do seu cemitério.

Recentemente, amostras da gripe espanhola foram encontradas nos pulmões de vítimas da doença que tinham sido preservadas no permafrost do Alaska desde 1918. Também foram encontrados vestígios em Longyearbyen, de uma pessoa que morreu durante o surto de 1917.

Embora seja improvável que o descongelamento dos corpos em Longyearbyen causasse um surto de gripe espanhola, em 1998, uma equipa de cientistas que estudam o vírus tomou precauções extras. Ao extrair amostras das sepulturas, usaram trajes espaciais modificados e asseguraram que o tecido não descongelasse antes de chegar a uma instalação especializada nos EUA.

Não é claro quão grande é o risco de vírus e bactérias em cadáveres representam para residentes vivos mas, em 1950, a cidade decidiu ficar do lado da cautela e proibir a morte na cidade.

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

  1. Como é evidente, não se trata de ser proibido morrer ali – o que está em causa é não se enterrar pessoas nesse local.

  2. Já estive ai fica a 900 km do polo norte

    Recordo ir ao supermercado local e encontrar papel higienico Renova

    E azeite de ferreira do alentejo

        • Que foi exactamente o mesmo que tu fizeste com o teu comentário e, daí o meu!!
          Essa do Polo Norte derreter todo até 2014 é mesmo coisa de palermas para palermas!…

          • O pólo norte derreter ate 2014 é o que a face politica da narrativa do aquecimento global, Al Gore, nos disse em 2007 que ia acontecer em 2014 porque os cientistas assim o previam.
            Portanto eu disse algo, que quem falha as previsões todas, no caso os alarmistas do aquecimento global, quem falha sempre não tem credibilidade nenhuma. Assim como você

            • Os negacionistas das alterações climáticas fazem-me lembrar os violinistas do Titanic, a tocar enquanto o barquito afundava.
              Vá, vai tocando. E já agora sorri, enquanto tocas.

RESPONDER

Há um enorme buraco na atmosfera de Marte (e a água está a escapar)

Uma vez a cada dois anos, um gigantesco buraco abres-e na atmosfera marciana, deixando escapar para o Espaço uma parte das escassas reservas de água do Planeta Vermelho. O estranho mecanismo meteorológico, nunca visto na Terra, …

Musk vai construir um túnel de alta velocidade em Las Vegas

A Boring Company conseguiu um contrato de 48,7 milhões de dólares para construir um sistema subterrâneo, chamado LVCC Loop, em Las Vegas. A empresa Boring Company, de Elon Musk, foi a escolhida para construir um túnel …

Cientistas podem ter descoberto a verdadeira origem da canábis

A origem da canábis é um mistério, mas a análise de pólen antigo sugere que a planta evoluiu cerca de três quilómetros acima do nível do mar no planalto tibetano. Documentos que datam da Idade Média …

Sporting vs FC Porto | Um ano depois, a Taça para os leões

O Sporting venceu o FC Porto, mais uma vez nas grandes penalidades, e arrecadou a 17ª Taça de Portugal. Num jogo muito disputado no Estádio do Jamor, que terminou empatado 1-1 no tempo regulamentar, o Porto …

Marcelo pede aos portugueses para votarem. "Ficar em casa é um erro enorme"

O Presidente da República pediu hoje aos portugueses que façam o "pequeno sacrifício" de votar nas eleições para o Parlamento Europeu e não deixem "nas mãos de 20% ou de 25% a decisão que é …

Uma cidade inteira dos EUA está refém de cibercriminosos

A cidade de Baltimore, nos Estados Unidos, está sob ataque. Mas a ameaça não vem de pessoas armadas com pistolas e bombas. Há duas semanas, cibercriminosos usaram ransomware - um tipo de software nocivo que restringe …

Abandonado em bebé no aeroporto de Gatwick, Steve encontrou a família 33 anos depois

Um bebé foi abandonado no chão de uma casa de banho do aeroporto de Gatwick a 10 de abril de 1986. Foi quando Beryl Wright encontrou o recém-nascido que começou o mistério que só se …

Monges encontram receita perdida e voltam a fabricar cerveja medieval belga após 224 anos

Os monges da abadia de Grimbergen, na província de Brabante Flamengo, na Bélgica, encontraram a receita original de uma cerveja que era produzida artesanalmente no local há 224 anos e voltarão a fabricá-la. Monges da Abadia …

Nova app permite transmitir consentimento ao par num encontro

Vem aí uma nova app para encontros que nos permite sinalizar quando é que o nosso par tem o nosso consentimento para avançar para o próximo passo. A aplicação permite também ganhar pontos conforme se …

Agências de espionagem dos EUA cedem informações a investigação sobre interferência russa

Trump ordenou às agências de espionagem norte-americanas que deem os dados que têm sobre interferência da Rússia nas presidenciais de 2016 ao Departamento da Justiça. O diretor dos serviços secretos nacionais norte-americanos, Dan Coats, afirmou este …