Cidade brasileira de Manaus pode já ter atingido a imunidade de grupo

Alex Pazuello / Semcom

Sepultamentos no Cemitério Nossa Senhora Aparecida, em Manaus, Brasil

Um estudo liderado pela Universidade de São Paulo, no Brasil, sugere que a cidade brasileira de Manaus, a capital do estado do Amazonas, pode já ter atingido a imunidade de grupo para o novo coronavírus (covid-19).

Exames a anticorpos demonstraram que até dois terços da população da Manaus já contactou com o SARS-CoV-2, levando a equipa internacional de especialistas, que contou com a participação de cientistas do Brasil, Reino Unido e Estados Unidos, a acreditar que a cidade sul-americana já atingiu a imunidade de grupo.

Manaus, recorde-se, foi notícia durante primeira onda da pandemia por causa do colapso do seu sistema de saúde, bem como pelas dificuldades da cidade em lidar com as cerimónias fúnebres de tantas vítimas mortais da covid-19.

De acordo com o novo estudo, o pico de contágio da doença na cidade ocorreu em meados de maio, altura em que cerca de 46% dos moradores já tinham contraído a doença. No mês seguinte, isto é, em junho, foi registada uma taxa de infeção na ordem dos 65%, que nos meses seguintes se aproximou dos 66%.

Tendo em conta estes números, os especialistas acredita que a maioria da população já teve ou tem a doença, gerando os anticorpos correspondentes no organismo.

Os cientistas, que disponibilizaram os resultados do estudo – ainda não revisto por pares – no portal medRxiv, acreditam que a imunidade de grupo pode justificar o decréscimo no número de novos casos na cidade. “A própria exposição ao vírus causou a queda no número de novos casos e mortes”, disse Ester Sabino, coordenadora da investigação.

Ainda assim é necessária cautela

Contudo, Lewis Buss, um dos especialistas envolvidos na nova investigação, alerta que os anticorpos detetados nas suas análises “decaem rapidamente” e “alguns meses após a infeção”. Por isso, pede cautela e medidas para continuar a travar a doença.

“Está claramente a acontecer em Manaus, o que mostra a importância da adoção de medidas para entender a evolução da doença”.

Thomas Russo, chefe da divisão de doenças infecciosas da Escola Jacobs de Medicina e Ciências Biomédicas da Universidade de Buffalo, nos EUA, não sabe se o fenómeno da redução de casos e mortes pode só ser justificado pela alegada imunidade de grupo.

É um pouco difícil determinar se o fenómeno é fruto da imunidade de grupo ou de uma combinação de coisas (…) Mas é intrigante”, disse ao portal Popular Science.

O Brasil atingiu esta semana as 4,6 milhões de pessoas diagnosticadas com a covid-19 (4.624.885) e aproxima-se das 139 mil mortes (138.977), informou o Ministério da Saúde.

Desse total, 869 mortes e 33.281 infetados foram contabilizados nas últimas 24 horas, estando ainda a ser estudada uma possível relação de 2.422 óbitos com a covid-19.

Em território brasileiro, 3.992.886 de pacientes diagnosticados já recuperaram da doença causada pelo novo coronavírus, enquanto que 493.022 infetados estão sob acompanhamento médico, segundo as autoridades nacionais de Saúde.

No Brasil, país lusófono mais afetado pela pandemia, os estados que concentram o maior número de infeções são São Paulo (951.973), Bahia (299.415), Minas Gerais (276.314) e Rio de Janeiro (254.885). No topo da lista de unidades federativas com mais mortes estão também São Paulo (34.492), seguido pelo Rio de Janeiro (17.911), Ceará (8.861) e Pernambuco (8.085).

ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. “De acordo com o novo estudo, o pico de contágio da doença na cidade ocorreu em meados do meado (…)”… intrigante… surpreendente…

RESPONDER

"DeepNude". Inteligência Artificial "tirou a roupa" a mulheres nas redes sociais

A empresa de informação Sensity alertou que mais de 100 mil imagens foram carregadas para um canal de Telegram onde um bot "tirou a roupa" de mulheres. A empresa de segurança Sensity revelou recentemente que existe …

Poluição atmosférica "custa" a cada citadino europeu 1.276 euros por ano

A poluição atmosférica "custa" 1.276 euros por ano a cada cidadão europeu residente em cidades, de acordo com um estudo da Aliança Europeia de Saúde Pública (EPHA) divulgado esta quarta-feira. O estudo chegou ao valor médio …

"Emergência arqueológica". O degelo dos Alpes está a "libertar" artefactos escondidos há milhares de anos

As alterações climáticas podem estar a ajudar os arqueólogos a encontrar artefactos escondidos nos glaciares do Alpes há milhares de anos. O derretimento dos glaciares dos Alpes está a "liberta" objetos que permaneceram congelados no tempo …

Thermite RS3 é o primeiro robô de combate a incêndios dos EUA (e está pronto a entrar ao serviço)

O Corpo de Bombeiros de Los Angeles, nos Estados Unidos, deu as boas-vindas ao mais recente membro da equipa: um bombeiro robótico. O Thermite RS3 é um rover de controlo remoto capaz de bombear milhares de …

Inventor dinamarquês que matou jornalista no seu submarino escapou da prisão (mas já foi apanhado)

O inventor dinamarquês Peter Madsen, condenado a prisão perpétua por torturar e assassinar a jornalista sueca Kim Wall, fugiu da prisão esta terça-feira.  As autoridades dinamarquesas capturaram-no minutos depois. Peter Madsen, o dinamarquês condenado a prisão …

Molécula descoberta por menina de 14 anos pode levar a uma cura para a covid-19

A jovem norte-americana de 14 anos, Anika Chebrolu, descobriu uma molécula que pode levar a uma potencial cura para a covid-19. Enquanto cientistas dos quatro cantos do mundo trabalham no desenvolvimento de uma vacina para a …

Cerca de 1.300 reclusos fogem de prisão no Congo após ataque do Estado Islâmico

Cerca de 1.300 reclusos escaparam de uma prisão na República Democrática do Congo na manhã de terça-feira, após um ataque reivindicado pelo Estado Islâmico, informou a Organização das Nações Unidas (ONU). Embora as autoridades locais tenham …

Amesterdão vai usar flores para impedir que os ciclistas estacionem bicicletas nas pontes

A cidade conhecida pelo uso de bicicletas, vai agora tomar uma medida em relação ao estacionamento destas nas pontes. Tudo para proteger as vistas para os seus famosos canais. Amesterdão orgulha-se de ser uma das cidades …

Morreu voluntário envolvido no ensaio da vacina de Oxford. Tinha 28 anos e era médico recém-formado

As autoridades de saúde brasileiras divulgaram esta quarta-feira a morte de um voluntário dos testes da vacina contra a covid-19, desenvolvida pelo laboratório AstraZeneca e pela Universidade de Oxford. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), …

Milo, o "comunicador de ação" que permite conversar em grupo durante atividades ao ar livre

Chegou o Milo, o novo aparelho que vai revolucionar as aventuras em grupo. Este pequeno dispositivo permite-lhe conversar com o seu grupo à distancia sem precisar de levar o smartphone para o meio da montanha, …